Arquivos da Categoria: Turismo

DSC08798 DSC09303

Anúncios

Turismo Rural

Vai viajar no feriado? Cuidado com a cinetose

0acinetoseMuitas vezes confundida com a labirintite, a cinetose pode ser resumida como o “enjôo de viagem”.

A cinetose, também conhecida como “mal do movimento”, é um distúrbio que pode ser marcado por náuseas, tontura, sensação de desmaio, suores frios, mal-estar, perda de equilíbrio, dor de cabeça, visão turva, palidez, fadiga, perda da noção de profundidade e sensação de que as coisas estão rodando, frequentemente associados ao vômito.
O distúrbio ocorre quando o cérebro recebe informações desconexas que podem ser enviadas pelos sistemas visual (olhos), vestibular (labirinto, que cuida do equilíbrio do corpo) ou proprioceptivo (receptores sensitivos nos músculos, tendões e articulações), sendo que qualquer alteração em um desses sistemas ocasiona sintomas de desequilíbrio e enjôo. “Essa falta de comunicação entre os três sentidos causa o mal estar, pois o corpo está parado, mas o ambiente está em movimento, o que gera um conflito de informações e perturbação do equilíbrio corporal”, comenta a Dra. Rita de Cássia Cassou Guimarães, Otorrinolaringologista e otoneurologista , em Curitiba-PR.
A cinetose corresponde a uma dificuldade do cérebro em interpretar o real estado de estática ou movimentação do corpo. A sensibilidade à cinetose é individual, comum na infância e em parte transmitida geneticamente.É um distúrbio que pode ser relacionado com a enxaqueca – crianças e jovens com esse tipo de problema, muitas vezes na idade adulta ou na puberdade têm crises de enxaqueca, – mas normalmente é erroneamente confundida com a labirintite – que é normalmente causada por um processo inflamatório que afeta o labirinto, estrutura que está dentro do ouvido, enquanto a cinetose é apenas um erro de interpretação dos órgãos responsáveis pelo equilíbrio.
O mal-estar causado pela cinetose pode também surgir ao andar a pé, utilizar esteira ou mesmo assistir cenas de movimento, bem como pode ser desencadeado por filmes e programas de televisão que tenham muitas cores brilhantes e alterações de foco. Os efeitos em geral ocorrem ainda durante a atividade que os desencadeia, mas também podem surgir horas depois. Esta condição afeta tanto crianças quanto adultos, porém, com a evolução da idade, esse problema tende a se minimizar ou desaparecer por completo.
A Dra. Rita Guimarães lembra que o sistema nervoso central é capaz de se adaptar. “Um indivíduo que decide ler enquanto anda de metrô inicialmente pode sofrer com as informações em desacordo, que podem causar tontura, e cinetose. Porém, se esta mesma pessoa mantiver a decisão de ler no metrô durante vários dias seguidos, com o tempo, a tontura diminuirá e ele não terá mais cinetose. Ocorre habituação, ou seja, é possivel aprender novos padrões de informação” explica.
Para prevenir a cinetose durante as viagens, a otoneurologista lista algumas medidas que podem ajudar:
Em automóveis, sentar-se no banco da frente ou próximo de janelas;
Manter abertas as janelas do veículo;
Procurar não viajar de costas em trens ou bondes;
Durante a viagem, focalizar em paisagens distantes;
Olhar sempre para frente;
Evitar olhar para os lados;
Evitar ler ou usar coisas como um laptop com o veículo em movimento;
Não ingerir alimentos pesados antes de viajar, mas não viajar de estômago vazio. Dar preferência para alimentos sólidos;
Não viajar de pé em ônibus;
Sente-se próximo ao corredor quando a viagem for de avião;
Evitar brinquedos que girem ou virem de ponta-cabeça;
Evitar ingerir bebidas gasosas e alcoólicas antes de viagens;
Usar roupas confortáveis
Serviço: Dra. Rita de Cássia Cassou Guimarães (CRM 9009)
Otorrinolaringologista, otoneurologista, mestre em clínica cirúrgica pela UFPR
Blog: http://canaldoouvido.blogspot.com
Email: ritaguimaraescwb@gmail.com
Telefone:  41-3225-1665   
Endereço: Rua João Manoel, 304 Térreo, Bairro São Francisco, Curitiba PR.

3 destinos para a 3ª idade viajar pelo Brasil

As cidades atualmente estão se adaptando para receber todos os tipos de turistas. É cada vez maior o número de turistas da terceira idade que viajam Brasil afora. Por isso, mostraremos três bons destinos para a terceira idade aproveitar esse momento tão importante da vida: Florianópolis, Rio de Janeiro e Fortaleza. Confira alguns detalhes dessas cidades:

Florianópolis

 

Florianópolis é uma cidade conhecida por suas belas praias e por ser uma parte de seu território na ilha, e outra parte no continente. A ponte Hercílio Luz, que liga essas duas localidades, pode ser um ótimo passeio para quem está visitando a cidade pela primeira vez. O turista também pode apreciar as belas praias catarinenses e as suas dunas. Os restaurantes de Florianópolis têm os mais variados cardápios, sendo que os pratos com frutos do mar são bastante populares e mais atrativos. Ao hospedar-se em um hotel Florianópolis, o turista da terceira idade terá o conforto e a segurança por um preço justo. Além disso, os hotéis costumam ficar localizados, em regiões onde o contato com a natureza, seja montanha ou mar, é inevitável. Definitivamente, Florianópolis é uma cidade que respira a natureza.

Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro também é um ótimo destino para o turista da terceira idade, porque é uma cidade com vida cultural agitada. O turista poderá passear pelo Calçadão de Copacabana, ir à praia, comer em restaurantes de qualidade com vários estilos de gastronomia do mundo inteiro, aproveitar as lojas de Copacabana ou ir a museus, como o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro. Além disso, o turista terá a oportunidade de se hospedar em um hotel Rio de Janeiro com bela vista para o mar. A dica é procurar por hotéis que fiquem próximos as regiões a serem visitadas. Você poderá encontrar essas diversas opções em sites como a FalaTurista, que agrega diversos hotéis das principais cidades do Brasil, facilitando a procura e a reserva..

Fortaleza

Já em Fortaleza, o turista da terceira idade terá muitas opções de lazer, como visitar o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, um espaço com muitos atrativos culturais. Os restaurantes têm vários tipos de pratos, com destaque para os aqueles feitos com frutos do mar, um dos principais atrativos para os turistas que estão conhecendo a cidade pela primeira vez. Os hoteis em Fortaleza procuram privilegiar a vista para as belas águas esverdeadas das praias da cidade, fazendo valer a pena, cada momento do turista na cidade.

Saiba o que levar na bagagem de mão

Bens de valor devem ser levados a bordo e líquidos em embalagens acima de 100 ml não podem ser transportados no avião.

As viagens de avião se tornaram comuns e a cada dia inúmeros novos passageiros se aventuram pelos céus. O conforto, a segurança e a rapidez são indiscutíveis, mas é preciso atenção para não ter que deixar um pouco da bagagem de mão no aeroporto – caso contrário o passageiro não embarca. São várias regras tanto para os voos nacionais quanto para os internacionais.

Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), ressalta que para viajar dentro do país a bagagem de mão deve pesar no máximo cinco quilos e ter 115 centímetros no total da soma da altura, comprimento e largura. “Para evitar transtornos é importante verificar as normas que determinam o que pode e o que não pode ser levado”, aponta.

Líquidos, pastas e géis podem ser levados desde que estejam em frascos de até 100 ml acomodados em sacos plásticos. Mamadeiras e comida para bebês podem ser transportadas na bagagem de mão desde que seja em quantidade suficiente para o consumo durante o voo. “Bens de valor, como jóias, documentos, dinheiro, notebook, telefone celular, câmera fotográfica e filmadora devem ser levadas junto com o passageiro”, ressalta.

Entre os itens que não podem ser levados estão tesoura, alicate, canivete ou qualquer objeto cortante ou perfurante, líquidos inflamáveis, materiais corrosivos ou radioativos, substâncias venenosas, água ou outros líquidos em embalagens acima de 100 ml. “Vale lembrar que todas as bagagens que não são despachadas e serão levadas a bordo são consideradas bagagem de mão”, observa.

Tudo o que for a bordo pode ser guardado no compartimento superior ou embaixo do assento à frente. Siviero aconselha aos passageiros obter mais informações sobre as permissões e proibições em relação a bagagem com o agente de viagem ou com as companhias aéreas. “Depois de adquirir as passagens de ofertas coletivas ou depacotes de viagem é imprescindível estar atento a todas as regras para evitar a perda da viagem”, acrescenta.

Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br/

Informações ajudam a ter viagem proveitosa

Condições climáticas, infra-estrutura e serviços oferecidos na região contam pontos na hora de escolher o destino.

Feriado, férias, aniversário, formatura, casamento, a lazer ou a trabalho – existem diversos motivos para fazer uma viagem. Conhecer novos lugares ou visitar locais bem conhecidos é sempre bom, desde que sejam tomados todos os cuidados para evitar transtornos. É fundamental ter informações relacionadas ao clima, infra-estrutura, geografia e outros aspectos, especialmente quando o destino é desconhecido.

Segundo Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), é importante saber a estrutura que a região oferece aos turistas. “Mais do que o comércio, transporte e opções de hospedagem, o visitante precisa se informar se há alguma orientação especial para quem é de fora e até mesmo se existe algum serviço de informação turística que possa dar apoio se necessário”, observa.

As condições sanitárias, como água tratada e rede de esgoto, o risco de doenças contagiosas e a ocorrência de acidentes ambientais são fatores que merecem atenção. “Quem pretende viajar deve ficar de olho nas notícias veiculadas na mídia sobre o lugar, consultar a internet para se atualizar e conversar com pessoas que já foram ao lugar escolhido. O agente de viagem é uma fonte confiável”, afirma.

As condições climáticas previstas para os dias da viagem também devem ser levadas em consideração. Excesso de chuva, sol e outros eventos podem fazer do passeio um pesadelo. “Já pensou viajar para uma cidade que alaga com facilidade ou que esteja próxima a grandes rios? Em períodos chuvosos o perigo é ainda mais eminente. Além de estragar a viagem, os turistas correm risco de morte”, alerta.

Quanto mais informações sobre a região que se pretende visitar, menores são as chances de alguma coisa dar errado. Mesmo no momento de impulso, como no caso das ofertas coletivas ou pacotes de viagem, a cautela faz toda a diferença. “O ideal é esclarecer todas as dúvidas antes de fechar negócio. Por maior que o desconto seja ou melhores sejam as facilidades para pagar, a saúde deve estar em primeiro lugar”, acrescenta.

A vacinação de quem vai viajar deve estar em dia e em caso de uso de remédios contínuos é recomendado levar a quantidade necessária para consumir durante a viagem, evitando a interrupção do tratamento se o medicamento não for encontrado na localidade. “ escolha dos restaurantes e hotéis deve ser criteriosa, sempre observando as condições de higiene”, aconselha.

Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br

Sudeste oferece atrações para todos os gostos

Eventos e áreas culturais, região serrana, praias e ecoturismo são apenas algumas das opções para os turistas.

São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo são os quatro estados que compõe a região sudeste do Brasil. Com a maior concentração populacional do país, este pedaço do território brasileiro tem mais de 80 milhões de habitantes de acordo com dados de 2010 do IBGE. É a região mais desenvolvida do país, com altos índices de urbanização e concentração de riqueza. Para os turistas o sudeste guarda lindas paisagens, praias, regiões serranas, cidades histórias, diversidade cultural, monumentos e gastronomia regional e internacional.

Para conhecer o Espírito Santo basta escolher a rota turística desejada. O estado é dividido em oito rotas diferentes, que levam ao litoral, turismo religioso, agroturismo, passeios náuticos e ecoturismo. “A capital Vitória tem um arquipélago com 34 ilhas e 891,8 hectares de manguezais. Também vale a pena conhecer a Praia da Costa, na cidade de Vila Velha. A culinária capixaba é famosa e o prato mais pedido é a moqueca”, destaca Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Em Minas Gerais as rotas são separas em circuitos turísticos, levando em consideração as características de cada região. As cidades históricas, entre elas Ouro Preto, Tiradentes, Congonhas do Campo, Mariana e Sabará, são parada obrigatória. “Em Minas os visitantes podem se deliciar em rios, vales e cachoeiras da região serrana, conhecer o Parque Nacional da Serra da Canastra, praticar esportes radicais ou ecoturismo. Os pacotes de viagemoferecem várias opções de hospedagem nas quais é possível saborear a gastronomia mineira”, acrescenta.

Na metrópole paulista a diversidade reúne pessoas de estilos e culturas bem distintas. Para quem visita São Paulo as principais atrações são os teatros, cinemas, museus, centros culturais, casas noturnas, lojas em ruas de comércio especializado, shoppings e mais de 12 mil restaurantes com comidas de inúmeras nacionalidades. “O turista pode aproveitar para conhecer parques e áreas verdes, participar de eventos culturais e esportivos, congressos, ir em parques temáticos e shows”, aponta.

O estado carioca dispensa apresentações, mas é impossível não comentar suas conquistas. A capital foi escolhida para sediar os jogos olímpicos de 2016, receberá importantes jogos da Copa do Mundo em 2014 e está obtendo grandes avanços na luta contra a violência. “Conhecer o Cristo Redentor, as belas praias cariocas, andar de bicicletas na orla da Zona Sul (onde fica Copacabana e outros bairros nobres), frequentar a vida noturna da Lapa e ir até o Parque Lage, no bairro Jardim Botânico, é o roteiro básico para os turistas”, afirma.

Em uma viagem curta não é possível conhecer todas as belezas e cultura da região sudeste. O melhor é escolher um estado por vez e aproveitar a estadia. Para não gastar muito é só ficar atento as ofertas coletivas e se divertir. “O iTrip agrega as ofertas dos melhores sites de compra coletiva de turismo. O internauta consegue desconto em hotéis, passagens aéreas, passeios e refeições em restaurantes. Assim fica mais fácil e barato conhecer o Brasil”, considera Siviero.
Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br

Jericoacoara – o paraíso do Ceará

Com acesso um pouco restrito região mantém paisagens conservadas.

O nordeste brasileiro não perde em beleza para outros paraísos naturais. Jericoacoara, praia do município de Jijoca de Jericoacoara no estado do Ceará é mais uma prova de que o território nacional tem recantos naturais para ninguém botar defeito. Eleita como uma das 10 praias mais bonitas do mundo pelo jornal norte-americanoWashington Post, ‘Jeri’, como é chamada afetivamente pelos nativos, faz parte de uma Área de Proteção Ambiental (APA) e está localizada a 318 quilômetros de Fortaleza. 

Dunas, lagoas doces e salgadas com água transparente, praias desertas e coquerais formam um cenário de encher os olhos. O lugar é perfeito para praticar windsurf e o kitesurf em qualquer época do ano. “Para chegar a Jericoacoara é preciso passar por Jijoca. Lá os turistas encontram restaurantes, supermercados, postos de combustível, bancos e outros comércios. Devido às dificuldades do trajeto até a praia de Jeri, que exige tração 4 x 4, o ideal é deixar o carro em algum dos vários estacionamentos e pegar uma condução para continuar a viagem”, explica Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

O transporte entre Jijoca e Jericoacoara pode ser feito nas tradicionais jardineiras. Vários hotéis incluem este serviço na tarifa, por isso é recomendado obter todas as informações. “No meio do caminho a paisagem muda constantemente, tornando a presença de um guia essencial. É preciso passar por dunas, riachos e até lagos formados pela água da chuva. O esforço vale a pena, afinal ver o pôr do sol em cima de uma duna gigante, conhecer a Pedra Furada – cartão postal da região – e descansar em redes montadas dentro da água é inesquecível”, ressalta.

A Lagoa Azul e a Lagoa do Paraíso tornam o passeio ainda mais agradável. Quem quiser pode conhecer as praias em cima do buggy, com ou sem emoção. Por ser uma APA a região apresenta paisagens conservadas e os turistas devem ficar de olho para não transgredir nenhuma regra. “São cuidados básicos, como não jogar lixo em qualquer lugar e evitar intervenções em determinados locais para manter a natureza preservada”, observa Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Em Jericoacoara há várias pousadas, restaurantes, lanchonetes, pizzarias e bares que oferecem opções gastronômicas para todos os gostos e bolsos. “Uma boa pedida é dar uma olhada nas ofertas coletivas, que garantem descontos em pousadas, passeios e transporte. Algumas ofertas oferecem roteiros com mais de um destino, como a opção que inclui Jericoacoara, Lençóis Maranhenses e Delta do Parnaíba. Os pacotes de viagemsão vantajosos para quem gosta de planejar a viagem com antecedência e parcelar o valor”, acrescenta.

Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br/

Cancún encanta pelas belezas naturais e cultura

Praias paradisíacas, flora e fauna exuberante e parques arqueológicos são atrativos para turistas.

O México está movimentado e ganhou grande notoriedade com os Jogos Pan-Americanos 2011, competição que teve início neste fim de semana, em Guadalajara. Para quem não conhece o país edeseja se divertir ou descansar o destino ideal é Cancún, cidade mexicana localizada na costa do estado de Quintana Roo, na península de Yucatan – um dos centros turísticos mais importantes do mundo.
Cancún é uma ilha com mais de 20 quilômetros de extensão que possui praias de águas claras e areias brancas, paraísos difíceis de encontrar. Além das belezas naturais, a região é famosa devido à culturadeixada pelas civilizações pré-colombianas, mais conhecidas como os Maias. As ruínas, a fauna, a flora, os parques e a infra-estrutura turística garantem uma viagem inesquecível.
Os primeiros hotéis surgiram na década de 70 e a cidade ficou dividida em duas áreas – a zona hoteleira e o centro da cidade. Segundo Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), afirma que o clima é outro ponto a favor deCancún. “De novembro a junho as temperaturas são altas e favorecem o turismo. Entre junho enovembro acontece o período chuvoso, época menos propícia para os visitantes”, destaca.
Na temporada chuvosa o clima é quente, mas há riscos de tempestades fortes e furacões e por isso este período não é recomendado. “Em Cancún o turismo é mais forte na época do Natal, Ano Novo e também na Páscoa. Por isso os pacotes de viagem ficam mais caros, a movimentação é intensa nos hotéis e os gastos com a viagem são maiores. O ideal é se programar com antecedência”, aconselha.

As ofertas coletivas são uma opção vantajosa para as pessoas que sonham em conhecer cada pedacinho deste paraíso. Mais do que mergulhar nas águas transparentes das praias, os visitantes podem conhecer as zonas arqueológicas, como Chichén-Itzá, Xel –Há e X-Caret. “Os turistas são muito bem recebidos e encontram serviços de qualidade e todo apoio que necessitam, como hóteis, spas e outros estabelecimentos de hospedagem”, aponta.

Entre os passeios imperdíveis estão os mergulhos ao redor dos recifes e nas cavernas de água cristalina de Yucatán. As crianças podem mergulhar com snorkel e toda a família pode aproveitar para conhecer o zoológico de Xcaret, com direito a mergulho com os golfinhos. “Os pacotes para Cancún normalmente são de 7 noites e 6 seis dias, com hospedagem e até serviço com tudo incluso (All inclusive) dependendo da escolha”, acrescenta.

 Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br/

Novembro é um dos melhores meses para conhecer a Disney

Parques temáticos e aquáticos tem atrações para toda a família e oferecem muita diversão.

As histórias de Walt Disney World encantaram e continuam encantando crianças e adultos em todo o mundo. Os personagens ficam gravados na memória e não há quem não queira conhecê-los de perto. Para transformar a fantasia em realidade a Disney possui quatro parques temáticos e dois aquáticos em Orlando, no estado da Flórida, nos Estados Unidos.

No mundo dos sonhos é possível conhecer o Parque Magic Kingdom, baseado nos livros de estórias, contos eternos e aventuras de personagens famosos, o Epcot, parque que oferece diversos shows, experiências interativas e atrações emocionantes, o Disney’s Hollywood Studios, tido como o parque dos bastidores de Hollywood, e o Disney’s Animal Kingdom, reino cheio de criaturas reais e imaginárias.

Para refrescar a Disney oferece aos visitantes a oportunidade de se divertir nos parques aquáticos Disney’s Blizzard Beach e Disney’s Typhoon Lagoon. O primeiro tem atrações aquáticas construídas com base em estações de esqui – uma pista de trenó se tornou um íngreme escorregador aquático, por exemplo. Já o Typhoon Lagoon tem atrações inspiradas em uma tempestade marítima furiosa.

A viagem a Disney deve ser planejada. Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), aconselha adquirir pacotes de viagem, que facilitam a organização. “Os trechos são pré-estabelecidos e o turista tem todo o suporte da agência de viagem. Para quem nunca viajou ao exterior é sem dúvida a melhor opção”, ressalta.

Quem não é marinheiro de primeira viagem pode montar a sua própria viagem e aproveitar os descontos de passagens aéreas e hospedagens das ofertas coletivas. “O ideal é economizar antes de viajar e embarcar com uma grana extra para qualquer imprevisto. Informe-se sobre possíveis taxas, custos com alimentação, transportes e tarifas dos parques para não passar apuros”, observa.

Os melhores meses para ir a Disney são abril, maio, setembro e novembro, período em que a viagem pode custar 20% menos do que em julho e agosto, época de férias nos Estados Unidos e dias quentes no verão norte-americano. “O preço médio para passar seis dias em Orlando é de R$ 4.000 por pessoa. Neste valor está incluso as passagens aéreas, a hospedagem, a alimentação e ingressos para alguns parques”, comenta Siviero.

O turista não deve esquecer-se de obter o passaporte e o visto de entrada para os Estados Unidos. Siviero lembra ainda que é necessário pagar algumas taxas para conseguir estes documentos e a emissão pode levar alguns meses. “Por isso é imprescindível planejar com muita antecedência para que não falte nenhum documento na hora de viajar”, acrescenta.

Saiba mais no site:    http://www.itrip.com.br/

Conheça a cosmopolita Barcelona

Cidade catalã é famosa pela cultura, arquitetura, comida e vida noturna agitada.

Com mais de 1,6 milhão de habitantes, Barcelona é considerada a segunda maior cidade espanhola, ficando atrás apenas de Madri. Barcelona é capital da comunidade autônoma da Catalunha, no nordeste da Espanha, seu idioma oficial é o catalão, mas o espanhol e o inglês também estão presentes. É o destino certo para quem gosta de cultura, vida noturna agitada, artes, praias e boa comida. “O inverno não é rigoroso e no verão o sol é intenso, agradando quem quer um bom bronzeado”, destaca Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

A cidade cosmopolita utiliza como moeda o Euro e após as Olimpíadas de 1992 passou a ter uma infra-estrutura de dar inveja a outras regiões. Além disso, a estrutura de Barcelona tem capacidade para receber com conforto os turistas. “Os turistas podem conhecer a cidade de metrô, trem urbano ou ônibus. Uma boa pedida é aproveitar o desenho plano para explorar o local de bicicleta. Os táxis são mais indicados para os passeios noturnos”, aponta Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Os habitantes de Barcelona convivem em meio a construções históricas, monumentos e obras de grandes artistas como Picasso, Dali e Gaudí, parques esculturais, museus e templos, pontos turísticos que podem ser visitados por pessoas de todo o mundo. Por estas características a cidade é considerada uma das principais escolas de arquitetura da Europa. “Teatros, restaurantes, bares, cafés e praças fazem a alegria dos turistas. As lojas de moda e design também estão entre os preferidos de quem visita a cidade, especialmente as de grandes marcas, famosas mundialmente”, ressalta.

A gastronomia é rica em frutos do mar, sendo que os pratos típicos favoritos são a merluza, linguiça com feijões brancos (butifarra con judías blancas) e berinjela recheada (berenjenas rellenas). Para completar o cardápio uma bebida feita com soda, vinho e frutas picadas, a famosa ‘sangria’.

“Os pacotes de viagem para Barcelona podem incluir uma passada por Madri, Portugal, Itália ou ainda um tour pela Europa. Os preços variam de acordo com o tempo de duração da viagem, o número de pessoas, a quantidade de destinos, a qualidade da hospedagem e do transporte aéreo”, explica.

Um pacote de quatro dias tendo como único destino Barcelona custa em média US$ 1562,00 por pessoa, com hotel e passagens de avião. Se a grana está curta, o melhor é ficar de olho nas  ofertas coletivas e aproveitar as promoções. “Basta entrar no site do iTrip e conferir diariamente todas as ofertas relacionadas ao turismo. O portal funciona como um agregador de ofertas, ou seja, o internauta não precisa ficar navegando em vários sites para monitorar as melhores ofertas. Vale a pena conferir, os descontos podem superar os 70%”, acrescenta Siviero.

Conheça o portal iTrip acessando o site: http://www.itrip.com.br

Confira algumas dicas para aproveitar melhor a estadia em um hotel

Estabelecimentos oferecem conforto, mas é preciso ficar atento a alguns detalhes para evitar transtornos.

Os hotéis são estabelecimentos de hospedagem que tem como objetivo acomodar os viajantes de maneira confortável e aconchegante. Existem categorias que determinam as características do hotel e este tipo de empreendimento é classificado de um a cinco estrelas. Quanto mais estrelas, mais espaço e luxo, o que não significa que um hotel com menor classificação não seja confortável também, tudo depende da expectativa do cliente. “Se a pessoa deseja apenas uma noite para descansar, os hotéis com até duas estrelas podem ser o suficiente”, aponta Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

Os hotéis com até duas estrelas são os mais simples, oferecem quartos pequenos e muitas vezes sem TV e ar-condicionado. Já os estabelecimentos com três e quatro estrelas possuem uma infra-estrutura melhor, quartos mais amplos e serviços prestados com maior qualidade. Os de cinco estrelas são o que existe de melhor, com estrutura espaçosa e muito luxo. “Os marinheiros de primeira viagem, que nunca se hospedaram em um hotel, devem ficar atentos a algumas orientações importantes que ajudam a aproveitar melhor a estadia”, observa.

A reserva do quarto pode ser feita por telefone, pessoalmente ou pela internet. Para evitar transtornos o ideal é anotar todas as informações passadas e os dados dos hóspedes devem ser revisados para se certificar de que está tudo correto. “Ao chegar no hotel o hóspede deve se dirigir a recepção, anunciar a sua reserva e então seguir as orientações para ir até o quarto. Ao entrar a porta deve ficar aberta e o hóspede deve vistoriar os armários, banheiros e até mesmo debaixo dos móveis, para garantir a sua segurança e a higiene”, recomenda.

Mesmo com os avisos que podem ser colocados do lado de fora da porta, como o ‘Não Perturbe’, a porta deve ser trancada internamente. Os documentos, objetos valiosos e equipamentos eletrônicos podem ser guardados dentro do cofre. “Alguns hotéis possuem cofres nos quartos ou oferecem o serviço na recepção. Se não houver nenhum local mais seguro para guardar os pertences, uma boa dica é deixar tudo dentro da mala e trancá-la com um bom cadeado”, orienta Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).
Para não ficar perdido em caso de emergência e também para se familiarizar com o local, o hóspede deve reservar alguns minutinhos para analisar o mapa do hotel. Mesmo que não dê para memorizar todos os caminhos, os mais importantes, como as saídas de emergência, devem estar em mente. “Se tiver alguma dúvida não hesite em perguntar a algum funcionário do hotel. No caso de pacotes de viagem várias questões podem ser esclarecidas pelo agente. Se a compra for feita por meio de ofertas coletivas a melhor alternativa é obter todas as informações possíveis, seja pela internet ou pelas referências de quem já esteve no local”, acrescenta.

Saiba mais: http://www.itrip.com.br

Viaje para o sul do Brasil

Regiões serranas, litoral, parques, fauna e flora exuberante fazem do sul um destino imperdível.

O sul do Brasil é composto por apenas três estados – Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, mas esbanja beleza e diversidade. Praias, locais históricos, serras e campos formam belas paisagens. “Os sulistas são receptivos e muitas cidades possuem ótima infra-estrutura para os turistas. Além de aeroportos, hotéis e parques, há projetos especiais, como o ônibus de turismo, em Curitiba, que passa nos principais pontos turísticos da capital paranaense”, ressalta Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.
O clima varia e muito dependendo de qual cidade sulista se está. No interior do Paraná o clima quente é predominante, em Curitiba o frio e a chuva estão presentes o ano todo, em Santa Catarina e Rio Grande do Sul as estações são bem definidas, com frio severo no inverno e calor forte no verão. “Basta o turista conferir o clima das cidades antes de viajar para escolher as roupas certas e não sofrer com as mudanças climáticas”, destaca.
Na cidade de Foz Iguaçu, no Paraná, encontra-se o Parque Nacional do Iguaçu, tombado como Patrimônio Natural da Humanidade e onde estão as famosas Cataratas do Iguaçu. “No parque ainda é possível fazer passeios e atividades de ecoaventura, como rapel, rafting e arvorismo. Em Foz também tem a Itaipu, maior hidrelétrica do mundo, o Parque das Aves, onde as mais variadas espécies vivem em harmonia em seus habitats naturais, e o Marco das Três Fronteiras, o qual delimita a divida do Brasil com o Paraguai e a Argentina”, conta.
Em Santa Catarina, além de praias paradisíacas, locais badalados na capital Florianópolis, o estado possui uma diversidade geográfica, histórica e cultural muito grande, tornando-se um ótimo destino para viagens. “Não tem como não falar de Floripa. A Ilha da Magia, como é carinhosamente conhecida, oferece diversas opções para toda a família. As belas praias servem também como berço natural para animais marinhos, como as baleias e os golfinhos, e ainda possuem vários esportes radicais e ecoturismo”, explica.
No Rio Grande do Sul as regiões turísticas são divididas em Serra Gaúcha, Grande Porto Alegre, Litoral Norte Gaúcho, Vales, Rota das Terras, Costa Doce, Pampa Gaúcho, Central, Missões, Hidrominerais e Yucumã. “Cada região possui características próprias. O Pampa Gaúcho, por exemplo, está mais voltado para o turismo rural, enquanto a Hidrominerais é conhecida pelas estâncias hidrominerais. Já a região Central e a Rota das Terras são passeios mais culturais e históricos”, aponta.
Para aproveitar cada pedaço do sul do Brasil o ideal é escolher uma região por vez, para aproveitar melhor a viagem. Os pacotes de viagem e as ofertas coletivas possuem diversas opções, com transporte e hospedagem incluso. “No portal iTrip é possível conhecer mais um pouco de cada destino e decidir qual local é o mais interessante”, acrescenta Siviero, que é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Conheça mais destinos no portal iTrip: http://www.itrip.com.br/

Viaje gastando menos

Com as ofertas coletivas é possível economizar com transporte, hospedagem e até alimentação.

O mercado de compras coletivas cresce a todo vapor e não é por menos – com os produtos e serviços cada vez mais caros as pessoas buscam alternativas para economizar. As ofertas coletivas oferecem boas opções por preços bem mais em conta do que o normal. “O Brasil é um mercado promissor na área de ofertas coletivas. Aqui menos de 1% das ofertas não são efetivadas devido o alto potencial atrativo que elas possuem”, afirma Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.
De acordo com Siviero, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), o setor de turismo também se beneficiou muito com a novidade. “Tanto as empresas quanto os turistas ganharam e muito com os descontos. Os viajantes conseguem atingir seu objetivo gastando menos, o que aumenta as possibilidades de novas viagens. E os empresários conseguem divulgar a marca e os seus serviços a um número maior de pessoas”, destaca.
Mesmo sendo um investimento considerado de longo prazo, já que espera-se que ao comprar uma vez e conhecer o serviço ou produto a pessoa volte a consumir novamente, o negócio atrai muitos empreendedores. “Os empresários consideram a participação em ofertas coletivas uma boa oportunidade para dar um up nas empresas. Hotéis, empresas aéreas, agências de viagens, pousadas e outros oferecem descontos de até 90%”, ressalta.
Para não perder a melhor oferta tem que ficar de olho. É possível economizar no transporte, na hospedagem, na alimentação e até em passeios no destino escolhido. “Na hora de comprar é recomendado verificar todas as condições, a validade dos cupons, para quantas pessoas é válido o desconto e conferir se tudo o que foi prometido realmente será cumprido durante a viagem”, aconselha.
Quem gosta de planejar com muita antecedência a viagem, seja por motivos pessoais ou profissionais, o ideal adquirir pacotes de viagem. Neste caso é possível organizar o passeio com mais calma e escolher a dedo cada etapa. “Normalmente é possível parcelar o valor total do pacote em várias vezes, o que também torna esta opção vantajosa para os clientes”, finaliza Siviero.

Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br/

Viagem pode ser bom presente no Dia das Crianças

Família pode se divertir em parques, praias, hotéis-fazenda e resorts.

No próximo dia 12/10 muitas famílias irão aproveitar o feriado para se divertir com a criançada, afinal não são apenas brinquedos que elas esperam no Dia das Crianças. Quem quiser promover um dia inesquecível para os pequenos pode planejar uma viagem, mesmo que seja curta, que dê para se divertir e conhecer novos lugares. “Viajar com crianças é trabalhoso e exige paciência, mas o sorriso delas no final faz tudo valer a pena”, destaca Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.
Parques temáticos, hotéis-fazenda, pousadas, cidades litorâneas, resorts ou locais com programações especiais para as crianças são apenas algumas das opções. “O destino depende da idade das crianças, do tempo disponível para aproveitar o passeio e também do perfil da família. Para quem prefere ar livre e natureza, uma viagem a Bonito, no Mato Grosso do Sul, pode ser perfeita. Já quem prefere sol e mar vai gostar mais de conhecer as belas praias catarinenses”, observa.
No quesito parques temáticos há opções para todos os gostos – desde atrações artísticas, brinquedos radicais, brinquedos aquáticos, piscinas de água quente e contato com a fauna e flora.  “Alguns parques temáticos oferecem até hospedagem para que os turistas possam aproveitar por mais tempo a estadia”, acrescenta Siviero, que é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).
Siviero ressalta que os pacotes de viagem facilitaram e muito a vida dos pais na hora de planejar um passeio com toda a família. Além de oferecer mais opções de pagamento, os pacotes suprem todas as necessidades do grupo. “Pais com dois filhos, por exemplo, vão precisar de um quarto de hotel maior, que possa acomodar todos. E nem todos os empreendimentos possuem a estrutura adequada, por isso é bom pesquisar com antecedência”, recomenda.
Os pais devem ter ainda mais cuidado ao adquirir os cupons de ofertas coletivas. Muitos não incluem a hospedagem de crianças, enquanto outros garantem a gratuidade do serviço até determinada idade. “É bom lembrar ainda se as crianças vão precisar de algum equipamento, alimentação específica ou atendimento especial. Os bebês, por exemplo, normalmente mamam e as mães precisam de um local para esquentar a mamadeira”, evidencia.
Até os mais grandinhos podem dar um pouco mais de trabalho, já que a rotina durante a viagem é bem diferente do cotidiano, com horários menos definidos. “O importante é escolher atividades que serão prazerosas tanto para as crianças quanto para os adultos, sem prejudicar um ou outro e agradando a todos. O passeio também pode ser planejado diariamente, sendo que um dia é mais voltado para as crianças e outro mais para os adultos”, exemplifica.

Conheça mais destino no portal iTrip: http://www.itrip.com.br

Passe a lua de mel no exterior

Destinos internacionais fazem dos primeiros dias do casamento inesquecíveis.

O casamento é um momento importante na vida de qualquer pessoa e para marcar esta nova fase nada melhor do que fazer uma viagem inesquecível na lua de mel. Para quem economizou – ou está com tudo em cima – um destino internacional pode render lindas fotos e ótimas lembranças, além de dar um ar ainda mais romântico durante o passeio dos recém-casados.
Segundo Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), os casais preferem locais mais românticos, como Paris e Buenos Aires, ou paradisíacos, como a Grécia e o Taiti. “A escolha depende da sintonia do casal e do que eles estão buscando. Há quem prefira passar uns dias em Las Vegas para se divertir, por exemplo”, comenta.
Os casais que escolhem Paris tem a sua disposição monumentos históricos, atrações famosas por todo o mundo como a Torre
Eiffel e deliciosos passeios a pé. Nada melhor do que andar sem pressa – e bem acompanhado – pela avenida Champs-Elysées, uma das mais conhecidas da capital francesa. “Paris está entre os destinos internacionais mais procurados pelos casais em lua de mel”, destaca.
Livrarias, parques e museus são apenas algumas das atrações que podem ser visitadas durante o dia. O Museu do Louvre é parada obrigatória e o ideal é escolher as obras que o casal mais deseja conhecer, pois um dia é pouco para ir a todas as seções. “A vida noturna de Paris também é intensa. Clubes noturnos, teatros e shows de ópera estão sempre lotados pelos turistas e pelos nativos”, observa.
Para quem não quer perder a chance de aproveitar a lua de mel no exterior, mas não pode gastar muito a dica é conhecer Buenos Aires. A capital argentina é famosa por seus belos jardins, cafés, teatros, museus e livrarias. “Os restaurantes também são muito bem recomendados por quem passa por Buenos Aires. Os shows de tango são um espetáculo a parte”, ressalta.
Siviero garante que se houver planejamento e um pouco de flexibilidade para poupar dinheiro é possível fazer uma bela viagem ao exterior mesmo com as despesas do casamento. “Os pacotes de viagem e as ofertas coletivas ajudam a economizar. Além disso, há a possibilidade de parcelar em várias vezes o valor total, sem pesar tanto no bolso”, acrescenta.

 Saiba mais no site: http://www.itrip.com.br/

Internet revoluciona maneira de viajar

Sites de compra coletiva estimulam o crescimento do setor e turistas conseguem bons descontos.

A internet evolui constantemente e o mercado como um todo segue a sua evolução trazendo novidades aos consumidores. As compras coletivas surgiram no Brasil a pouco mais de um ano e o país já ocupa o terceiro lugar mundial no segmento, perdendo apenas para os Estados Unidos e para a França. “Este modo de venda é uma tendência que atinge todas as áreas de mercado. O sucesso das ofertas coletivas se deve principalmente pela facilidade, agilidade e bons preços”, ressalta Aldo Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Estimativas apontam que mais de 41,3 milhões de brasileiro já compraram alguma oferta ou usaram sites de compras coletivas. O número de sites também é grande – mais de 1800, sendo que nos Estados Unidos, país onde este mercado já está consolidado, o número não ultrapassa os 400. “É um negócio que exige baixo investimento, mas a execução não é tão fácil assim, portanto nem todos sobreviverão a lógica mercantil. Mesmo assim o número de concorrentes é grande”, afirma Siviero, que também é diretor do portal iTrip.

Os sites estão ficando especializados em determinados segmentos, como estética, gastronomia, eventos e turismo. Apesar do grande número de concorrentes do mesmo ramo favorecer os consumidores – já que estes terão mais opções -, a diversidade acaba gerando transtornos. Os usuários têm que acessar vários endereços eletrônicos para ver quais ofertas são mais vantajosas, desperdiçando tempo. “Por isso o portal iTrip possui uma ferramenta que reúne as ofertas coletivas de turismo de vários sites, otimizando a busca dos internautas”, aponta Siviero.

Como o iTrip agrega as ofertas relacionadas a viagens, passagens aéreas, diárias em hotéis, pousadas e outros locais de hospedagem e até de pacotes de viagem fica muito mais fácil encontrar os melhores preços para planejar as férias, o fim do ano ou qualquer folga que dê para descansar. “É uma forma fácil de pesquisar tudo o que está sendo ofertado para determinado destino e assim escolher a promoção que mais agradar. Nosso objetivo é atender a todas as expectativas e necessidades dos internautas e este serviço é sem dúvida um dos trunfos do iTrip”, destaca.

Quem acessar o portal iTrip tem a sua disposição todas as informações necessárias para viajar, dicas sobre os destinos nacionais e internacionais, pacotes de viagem com as melhores indicações e orientações que todo viajante deve receber antes de embarcar em suas aventuras. “Os internautas podem trocar experiências e ler os comentários de quem já foi para o local que ele deseja conhecer. Assim é muito mais seguro escolher o roteiro da viagem, com a garantia de encontrar tudo o que era esperado e não ter surpresas desagradáveis”, acrescenta.

 Acesse:  http://www.itrip.com.br

Pacotes de viagem incluem transporte e hospedagem

Todas as informações e documentos devem estar por escrito para que nada estrague o período de lazer.

Muita gente já começou a planejar a viagem de fim de ano ou as férias de verão. Com as facilidades da internet, escolher o destino é fácil, já que vários sites, como o portal iTrip, fornecem descrições de diversos lugares turísticos. “O turista deve analisar o local antes de decidir o destino com base no número de acompanhantes e os seus objetivos. Para famílias grandes e com crianças o ideal é que o lugar tenha atrações para todas as idades, já para os jovens aventureiros o número de exigências é bem menor”, afirma Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

Para facilitar muitos turistas dão preferência aos pacotes de viagem, que proporcionam economia e comodidade. Os pacotes incluem o transporte, a hospedagem, translado e até guias locais. “Alguns pacotes oferecem opções de alimentação, como café da manhã e jantar. Normalmente o almoço é a parte, já que a maioria dos viajantes prefere passar o dia fora do hotel ou pousada para poder conhecer melhor a cidade e os pontos turísticos”, destaca Siviero, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Antes de fechar o pacote de viagem é recomendado fazer uma consulta sobre a empresa que está oferecendo o serviço. Indicações de amigos e parentes e a consulta aos órgãos relacionados garantem a seriedade da companhia e evitam transtornos. “Uma dica importante é não se iludir com fotos e ilustrações. A internet pode ser uma grande aliada para saber se tudo o que está sendo oferecido realmente existe. Ligar diretamente para todas as empresas envolvidas no pacote de viagem também ajuda a averiguar as informações”, observa.

O roteiro depende do pacote fechado com a empresa. Alguns oferecem passeios em pontos turísticos e até em cidades próximas ao destino escolhido. Depois da contratação, logo após o pagamento, o turista deve receber as datas de saída e chegada e horários das passagens e todos os comprovantes necessários, como a reserva do hotel. “Todas as informações devem estar por escrito. Somente com a documentação correta é que é possível cobrar tudo o que foi contratado. Não se esqueça de anotar os telefones de todas as empresas em caso de emergência”, lembra.

Mesmo quem adquire o pacote de viagem em ofertas coletivas deve ter estes cuidados. Há ainda a possibilidade de adquirir somente a hospedagem nas promoções ou as passagens aéreas. Neste caso é bom reservar com antecedência o que está faltando para viajar. “Deixar para última hora é correr o risco de perder o cupom que foi adquirido e, além de não conseguir receber o valor integral, haverá muitos contratempos que podem tornar a viagem um problema”, acrescenta.

Saiba mais no site:  http://www.itrip.com.br/

 

Ônibus ou avião?

Transporte aéreo ganha nos quesitos conforto, rapidez e segurança.

 O transporte terrestre dominou a preferência na hora de viajar durante décadas, mesmo depois do surgimento dos aviões, já que quando as passagens aéreas começaram a ser comercializadas o preço era acessível para a parcela mais privilegiada da população. “Os custos das viagens aéreas eram muito altos no início. Com o aumento de renda e a popularização do transporte aéreo ficou muito mais fácil se locomover no céu”, afirma Aldo Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Cada meio de transporte possui sua peculiaridade e as vantagens ou desvantagens dependem muito do turista. O avião ganha em velocidade, conforto e segurança, enquanto o ônibus ainda é o meio mais barato. “Para curtas distâncias o ônibus é uma boa opção. Mas para viagens longas o ideal é viajar de avião, já que a comodidade é muito maior e as viagens aéreas podem ser 10 vezes mais rápidas do que os mesmos trechos percorridos de maneira terrestre”, aponta Siviero, que também é diretor do portal iTrip.
Para os atrasadinhos que não conseguem chegar com antecedência nos locais um alerta – nos aeroportos é obrigatório chegar pelo menos uma hora antes do horário do voo para viagens nacionais e duas horas antes para viagens internacionais, caso contrário não será permitida a entrada na aeronave. “Neste quesito os ônibus são mais flexíveis. O embarque é feito com meia-hora de antecedência e se o passageiro chegar em cima do laço ainda há a possibilidade de embarcar”, acrescenta.
Nas viagens aéreas são cobradas taxas muito mais caras em relação aos ônibus além do valor da passagem. Sem contar que qualquer peso extra na bagagem que vai no avião custa bem mais caro do que nos ônibus. “A escolha do meio de transporte deve levar em consideração o custo benefício. Às vezes a passagem aérea pode ser um pouco mais cara, mas chega muito mais rápido ao destino e o excedente monetário acaba compensando”, ressalta.

Siviero destaca que normalmente os pacotes de viagem e as ofertas coletivas oferecem apenas a opção da passagem aérea, um fator positivo para quem gosta de viajar nas nuvens por um preço bem menor do que o praticado pelas companhias aéreas. “No caso de promoções ou pacotes as empresas conseguem reduzir os custos. Mas se o passageiro adquirir as passagens diretamente com as companhias a viagem pode ficar mais cara”, observa.

Saiba mais no portal iTrip:   http://www.itrip.com.br

Pesquisa ajuda a escolher um bom hotel

Infra-estrutura, localização e serviços oferecidos devem ser levados em consideração ao decidir o local de hospedagem.

Comodidade, conforto, facilidades e diversão são características que qualquer turista busca ao viajar, especialmente quando o hotel é a opção de hospedagem escolhida. De acordo com Aldo Siviero, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), um bom hotel deve ser mais do que confortável, é necessário que ele seja seguro, tenha uma boa infra-estrutura, tenha áreas comuns em bom estado de conservação e limpeza e ofereça alimentação de qualidade.

Para evitar transtornos o ideal é buscar todas as informações possíveis sobre o local antes de efetuar a reserva, que deve ser realizada com antecedência. “Ao escolher o hotel o turista deve levar em consideração se as acomodações atendem a todas as suas necessidades e as de sua família. Comparar locais de hospedagem semelhantes, os preços e os serviços ajudam na hora de decidir qual a melhor opção para se hospedar durante o período da viagem”, recomenda Siviero.

Existem muitas opções que atendem diferentes públicos, desde grandes redes de hotéis até pequenos empreendimentos. Além do preço, as diferenças podem ser encontradas nos serviços oferecidos e na qualidade das acomodações. “Quanto mais caro mais luxuoso o hotel. Mas nem sempre o maior preço é a escolha mais viável, cada um deve pesquisar e analisar o que é suficiente para que a viagem seja agradável, ou seja, o melhor custo-benefício”, observa.

É importante ter detalhes sobre as condições de higiene dos quartos e do restaurante, da localização do prédio e das vias de acesso e a qualidade do atendimento dos funcionários. “Muitos pontos só podem ser conferidos indo pessoalmente ao hotel. Como nem sempre é possível, o recomendado é tirar todas as dúvidas com o agente de viagem, principalmente quando são adquiridos pacotes de viagem. Neste caso os profissionais sabem dizer as vantagens e desvantagens de cada lugar”, ressalta.

Se as diárias forem adquiridas a partir de cupons de descontos promovidos por empresas de ofertas coletivas a dica é pesquisar na internet, entrar no site do hotel, ver fotos e buscar comentários de pessoas que já se hospedaram no local. “Também é válido ligar diretamente para o hotel para obter algumas informações que ajudam a decidir se será vantajoso ou não se hospedar naquele hotel”, finaliza.

Saiba mais no portal iTrip: http://www.itrip.com.br

Circuito é boa opção para conhecer mais destinos na mesma viagem

Fazer uma viagem ao exterior está na lista de desejos a serem realizados de muita gente. Entre os destinos que mais chamam atenção dos brasileiros está a Europa, os países asiáticos, os Estados Unidos, Canadá e alguns vizinhos, como Chile e Argentina. Para aproveitar ao máximo a oportunidade de conhecer outros povos e culturas os turistas podem fazer um circuito pela região escolhida, visitando várias cidades ou países.Os circuitos são ideais para quem gosta de organização, horários e rotas pré-determinadas e quer visitar os principais pontos turísticos do local. Os turistas que optam pelo circuito normalmente são acompanhados por guias turísticos experientes, que conhecem as peculiaridades da região. “Em um circuito é possível ir a mais lugares em uma viagem. Por isso é uma boa opção para os marinheiros de primeira viagem”, observa Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.Para aumentar a comodidade é possível montar grupos e elaborar um circuito próprio, o qual irá satisfazer a demanda da caravana. Neste caso a vantagem é que o grupo define os locais e pode adaptar o roteiro, contando inclusive com sugestões de quem entende do assunto. “O turista tem todo o apoio dos profissionais da agência de viagem, o que garante que o passeio será proveitoso”, destaca Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

O turista pode fechar um circuito pela América Latina, por exemplo, e conhecer Santiago do Chile, Mendoza e Buenos Aires ou Bogotá, Cartagena e San Andres. Nos circuitos europeus Paris, Calais, Dover e Londres formam um roteiro inesquecível e outra opção é conhecer de Lisboa a Madri, passando por Paris, Zurique, Veneza, Munique, Verona e outras regiões. Quem quiser ir para os Estados Unidos pode incluir no trajeto uma parada em Orlando para aproveitar os parques temáticos da Disney.

Viajar em forma de circuito é vantajoso, pois o turista conhece um pouco de cada lugar e em outra viagem pode voltar para o que mais gostou e conhecer tudo com mais tranquilidade. “Para não pesar no bolso as empresas oferecem pacotes de viagem que podem ser pagos de forma parcelada. No caso dos circuitos fica difícil conseguir descontos em ofertas coletivas”, recomenda.

Conheça o portal iTrip acessando o site: http://www.itrip.com.br

Saiba o que é necessário para viajar ao exterior

Países podem exigir passaporte, autorização de entrada e até o pagamento de taxas como o seguro saúde.

Com o aumento de renda e as inovações no mercado viajar ficou muito mais fácil, seja dentro do país ou para o exterior. As viagens internacionais foram beneficiadas com a valorização – ou desvalorização – das moedas, com os pacotes de viagem, as ofertas coletivas e outros efeitos da globalização. “O número de turistas que escolhe outros países para conhecer aumenta a cada ano e as opções oferecidas também”, destaca Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

Seja para trabalhar, estudar ou simplesmente passear em países estrangeiros são necessários alguns documentos específicos. É necessário verificar a legislação do local de destino e saber quais são os documentos exigidos. “O passaporte é o primeiro documento necessário. Ele deve ser obtido na Polícia Federal e se o turista já tiver é fundamental verificar a validade, pois alguns países não aceitam passaportes com menos de seis meses de validade, por exemplo”, explica.

Quem for viajar para a Argentina, Paraguai ou Uruguai não é necessário passaporte, apenas a carteira de identidade. Alguns outros países da América do Sul também não exigem o documento. “Se a entrada do estrangeiro só for permitida com a apresentação do passaporte é preciso se programar, pois o documento só é obtido após a solicitação, pagamento de taxa e agendamento de atendimento em alguma unidade da Polícia Federal”, esclarece.

A carteira de identidade deve ser original, legível e a foto estar bem nítida, pois a imigração não aceita outros documentos como carteira de trabalho ou de motorista. Alguns países exigem autorização de entrada, o chamado visto. “Neste caso o viajante deve informar o objetivo da viagem, se é a passeio, negócios ou para estudar. De acordo com a finalidade é emitido o visto para que o estrangeiro possa viajar sem ser barrado”, aponta Siviero, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Quando a viagem é turística alguns destinos não exigem a apresentação do visto de entrada, mas limitam o tempo de permanência dos turistas. “As nações europeias geralmente permitem a permanência do estrangeiro por até 90 dias sem visto. Outros países podem limitar a permanência em 30, 60 ou até 180 dias. Há ainda algumas taxas que podem ser cobradas, como o seguro saúde – exigência de alguns países europeus. Por isso é importante conhecer bem o país de destino e suas leis”, acrescenta.Conheça o portal iTrip acessando o site: http://www.itrip.com.br

Conheça Buenos Aires

Feriado prolongado é ótima oportunidade para aproveitar as atrações da capital argentina.

 Que tal aproveitar o feriado da independência e dançar um tango em Buenos Aires? Se você não tiver o molejo que esta dança exige pode apreciar os inúmeros shows que são apresentados na capital argentina ou aproveitar as outras atrações do lugar. “Em Buenos Aires tem muitos cafés, baladas, parques, restaurantes e outros comércios que fazem a alegria dos turistas. A arquitetura arrojada, os sabores argentinos e o vinho também fazem a viagem valer a pena”, garante Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

Quem for a Buenos Aires pode ir ao teatro, programa muito apreciado pelos argentinos, pode-se dizer até que a arte teatral ganha do cinema em terras argentinas. Por isso a produção teatral é grande e de boa qualidade. “O turista também pode conhecer o Museu Nacional de Belas Artes, considerado o museu mais completo da cidade. Em seu acervo há coleções de trabalhos argentinos dos séculos XIX e XX e no acervo internacional há peças de artistas famosos como Van Gogh, Picasso e Pollock”, acrescenta.

Há muitos pacotes de viagem para Buenos Aires e para o feriado a melhor opção são os de quatro noites. Nestes pacotes normalmente estão inclusos hospedagem com café da manhã, translado aeroporto/hotel/aeroporto, city tour e passagem aérea. “Não estão inclusas as taxas de embarque nos aeroportos, as despesas com documentação e visto. O almoço e o jantar, os passeios e demais despesas extras também são pagos a parte”, observa Siviero, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Siviero lembra que no ato da compra do pacote de viagem – ou mesmo de ofertas coletivas– é recomendado à conferência das datas e horários de partida e de chegada, a disponibilidade de lugares para hospedagem e para transporte e as regras das companhias aéreas. “Mesmo nos pacotes o turista está sujeito a alteração dos voos. Outro detalhe importante é que os preços dos pacotes são apresentados em dólares americanos, ou seja, é necessário fazer a conversão de moeda para saber o valor real”, destaca.

Conheça o portal iTrip acessando o site:  http://www.itrip.com.br

Feriado da independência aumenta movimento turístico

Data é bom motivo para descansar, conhecer novas cidades e fazer roteiros turísticos diferentes.

Mais um feriadão está se aproximando e para aproveitar cada segundo do merecido descanso o melhor é se programar e escolher com antecedência o destino, a hospedagem e os meios de transporte. “Os feriados são períodos muito bons para o setor turístico, mesmo nas regiões distantes do litoral, já que muita gente aproveita para visitar parentes ou conhecer outras cidades”, afirma Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

O movimento nos aeroportos, rodoviárias e também na estrada aumenta e muito nas datas comemorativas, o que pode acabar gerando muito transtorno na viagem. “É preciso um pouco de paciência e planejamento é fundamental. Para não correr o risco de ficar sem local para se hospedar ou sem passagem o melhor é adquirir pacotes de viagem, nos quais é possível contratar todos os serviços previamente”, aconselha.

Siviero, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), declara que para se divertir no feriado da independência há muitas opções. “Tem destino para todos os gostos. Quem quer fugir do frio pode ir para o nordeste, que é quente em qualquer época do ano. Para ficar mais próximo da natureza o Pantanal é a melhor opção. Mesmo sendo poucos dias é possível aproveitar muito bem a viagem”, destaca.

Para economizar nas viagens realizadas em feriados não há muito o que fazer – o ideal é comprar o pacote de viagem bem antes da data para conseguir algum desconto. “Algumas ofertas coletivas não oferecem opções para os feriados. Nestes casos os cupons são válidos somente para dias normais, pois as empresas participantes das ofertas aguardam muito movimento nesta época. Mesmo assim vale a pena ficar de olho nas regras para encontrar opções que aceitem a reserva para este tipo de data”, observa.Conheça o portal iTrip acessando o site:   http://www.itrip.com.br

Pacotes de viagem facilitam turismo internacional

Viajar para o exterior é o sonho de várias pessoas, mas muitas vezes este desejo não é realizado por questões financeiras, afinal sair do país pode exigir um alto investimento financeiro. Atualmente várias alternativas contribuem para que o turismo em outros países continue crescendo. “A possibilidade de parcelar o valor total em várias vezes, no caso dos pacotes de viagem, ou os descontos oferecidos pelas ofertas coletivas facilitaram o acesso a este tipo de passeio”, explica Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

Os pacotes de viagem são considerados uma boa opção devido a comodidade e também pela economia – comprar um pacote é mais barato do que viajar por conta própria. “Mesmo sendo previamente programados há pacotes que oferecem mais liberdade de programação, como é o caso dos individuais. No ato da adesão o cliente já tem a contratação prévia das empresas de transporte e também do local de hospedagem”, afirma Siviero, que é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

A excursão é outro tipo de pacote de viagem, que não possui flexibilidade como o individual. Na excursão a programação é toda agendada e não é possível alterar os roteiros ou horários, pois eles já são estabelecidos pela agência, assim como o transporte e a hospedagem. “O comprador deve tomar o cuidado de se informar sobre o número mínimo de turistas que é necessário para que a excursão seja realizada. Se a quantidade mínima de pessoas não for atingida não é possível montar o grupo e a viagem pode ser cancelada”, recomenda.

Outra dica importante é verificar todas as taxas que são cobradas e quais são os valores para diferentes categorias de passagens, tipos de acomodação e até mesmo das refeições oferecidas. “Quanto mais informações o turista obter, melhor. E estas devem ser claras e objetivas, evitando confusões durante a viagem. Para as viagens internacionais é bom lembrar que em outros países as moedas são diferentes e o câmbio pode alterar os gastos. Por isso é importante estar atento aos valores reais, para não se enganar”, observa.

O viajante também deve analisar o contrato com cautela e se certificar de que tudo o que está sendo prometido será cumprido e o mais importante – se tudo o que está sendo pago está incluso no documento. “É fundamental ler todas as cláusulas e analisar se há possibilidade de fazer alterações nos passeios, transportes e hotéis para o caso de acontecer algum imprevisto. Não esqueça de confirmar todos os dados, datas e locais antes de assinar o contrato”, acrescenta Siviero.

Conheça os principais destinos de viagem do norte brasileiro

Viajar pelo Brasil é uma aventura – paisagens deslumbrantes, diversas culturas, modos de vida completamente diferentes. O norte brasileiro é uma região peculiar devido à presença da floresta amazônica.  A região é composta por sete estados – Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins e o seu forte é o ecoturismo. “O norte é muito procurado por aventureiros e especialmente pelos amantes da natureza”, ressalta Aldo Siviero, diretor do portal iTrip.

São diversas atrações relacionadas ao meio ambiente oferecidas e o Amazonas é o estado mais visitado pelos turistas. A capital, Manaus, é passeio obrigatório para quem vai ao estado e o mercado municipal da cidade é uma famosa atração. “O encontro das águas do Rio Negro com as do Rio Solimões e o fenômeno da pororoca, que atrai surfistas de várias partes do mundo, são imperdíveis e devem ser conhecidos por todos os turistas que passam pela região”, destaca Siviero, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

No estado do Amazonas também é possível conferir a famosa disputa entre o Garantido e o Caprichoso no festival folclórico de Parintins. Em Rondônia o museu da estrada de ferro Madeira-Mamoré, entre as cidades de Porto Velho e Guajará-Mirim chama a atenção de quem passa pelo local. “Rondônia também é conhecida pela corrida dos Jericos e por receber a maior festa junina da região norte, o Arraial da Flor do Maracujá, que acontece na capital”, afirma.

Em Roraima os turistas ligados a arqueologia e a escalada fazem bom proveito no sítio da Pedra Pintada e no Monte Roraima, que tem uma parte localizada na Venezuela. No Pará os visitantes não podem deixar de conhecer o mercado de Belém e as vilas situadas em Santarém e Ananindeua, que ainda guardam resquícios do tempo do ciclo da borracha. “Há muitos pacotes de viagem e ofertas coletivas para o norte do Brasil, basta escolher qual se encaixa melhor no seu bolso”, acrescenta.

Saiba mais no portal iTrip:   http://www.itrip.com.br

Pousada ou hotel?

Na hora de viajar o que escolher: hotel ou pousada? A dúvida com certeza já passou pela cabeça de muita gente e ainda confunde quem não está acostumado a por o pé na estrada. Cada um possui suas características e peculiaridades, por isso fica difícil dizer qual é o melhor – ou pior. De acordo com Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), a escolha deve levar em consideração as necessidades do turista.

A pousada pode ser definida como um estabelecimento comercial de hospedagem, que não possui parâmetros de classificação – como é o caso dos hotéis -, oferece atendimento personalizado e as refeições normalmente possuem um toque regional. “Na pousada o serviço é mais informal do que comparado aos hotéis, o que não significa que seja de qualidade inferior. Este tipo de estabelecimento pode oferecer diversas opções de práticas esportivas, atividades físicas, passeios, contanto com a fauna e flora da região e outras atividades”, afirma.

Já o hotel também é um estabelecimento comercial de hospedagem, que oferece suítes mobiliadas para ocupação temporária e inclui serviços de alimentação e algumas opções de lazer como piscina e salão de jogos. “A infra-estrutura é maior, já que comporta um número maior de pessoas comparado a pousada e o atendimento é bem formal. Se o objetivo do turista é conhecer a região na qual está, o hotel pode ser uma boa escolha, pois oferece a comodidade necessária”, aponta.

Se o visitante deseja descansar e curtir a natureza, as pousadas são mais recomendadas. Além de receberem um número menor de hóspedes, geralmente ficam localizadas em locais mais próximos a natureza e distante dos centros urbanos. “Na hora de fechar o pacote de viagem é possível fazer simulações com os dois tipos de hospedagem. O preço pode ser um critério para a escolha se o viajante estiver em dúvida. Dependendo do destino, da infra-estrutura e da localização a pousada pode sair mais em conta”, observa.

Sivieiro comenta que a tendência de compra de pacotes turísticos pela internet está se consolidando, seja para destinos com hotel ou pousada. O filão está sendo explorado por muitas empresas que também querem ser divulgadas. “As ofertas coletivas são muito diversificadas, o que amplia o leque de opções dos consumidores que querem investir no seu lazer. É bom sempre ficar atento as promoções para não perder as melhores oportunidades”, recomenda.

 Encontre a melhor oferta coletiva no: http://www.itrip.com.br

Baixa temporada garante descontos nas viagens para o nordeste

O nordeste é uma região belíssima do Brasil e que atrai muitos turistas em qualquer estação. Em busca de sol, praia e paisagens paradisíacas os visitantes lotam os hotéis, pousadas e outras hospedagens. “A maior vantagem do nordeste é o clima, que diferente do sul, não possui frio intenso e permite bons mergulhos até mesmo durante o inverno”, destaca Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

E falando em clima é bom ficar atento às peculiaridades de cada estação do nordeste, para poder aproveitar o melhor dessa terra. Na faixa leste da região, que vai do norte da Bahia até o Rio Grande do Norte, tem dias quentes e ensolarados no verão, chuva de abril até meados de julho e tempo firme de agosto a dezembro. “Isto é o que geralmente acontece, mas sempre há variações, ainda mais com as mudanças climáticas que o mundo vem sofrendo”, afirma.

Sivieiro conta que tudo depende das condições naturais de cada época. Na primeira semana do mês de julho deste ano, por exemplo, choveu todos os dias em Natal (RN) e na semana seguinte os turistas aproveitaram dias lindos com sol e vento para refrescar. “Muitos visitantes aproveitam as férias do meio do ano para fugir do frio do sul e aproveitar as altas temperaturas do nordeste. Muitos pacotes de viagem para esta região são vendidos neste período”, esclarece.

Para quem ainda não conhece o nordeste e quer economizar na viagem há duas opções. A primeira é planejar a viagem para março, abril, maio, junho, agosto, setembro, outubro ou novembro, meses da baixa temporada. “A outra alternativa é aproveitar as ofertas coletivas, que tem um destino diferente a cada  dia. No iTrip os viajantes podem conferir promoções de vários sites, pois o portal possui um agregador de ofertas que facilita a busca”, indica.

Maceió, em Alagoas, é um dos destinos que possui muitas ofertas. É possível garimpar promoções que tem de 42% a 64% de desconto nas passagens aéreas, translado e hospedagem com café da manhã. “Alguns hotéis oferecem também pacotes que incluem crianças ou até quatro adultos, aumentando a facilidade para encontrar a opção que comporta toda a família. O importante é se divertir pagando menos”, acrescenta.

Resorts oferecem lazer e comodidade

Dados do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur) apontam que o faturamento anual dos resorts brasileiros é de aproximadamente R$1,1 bilhão. Os resorts caíram no gosto dos turistas, já que o conforto do hotel associado ao lazer proporciona diversão e descanso. “Normalmente os resorts ficam distante dos centros urbanos e possuem grandes áreas”, explica Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

O resort é caracterizado por ser um hotel que possui áreas de lazer como piscinas, espaços para a prática de esportes, salão de jogos, gastronomia diferenciada e outras atividades como o ecoturismo. “Alguns empreendimentos têm localização privilegiada, próximo a natureza, praias, cachoeiras e permite o contato do hóspede com a fauna e a flora local. Alguns resorts também possuem complexos aquáticos e oferecem passeios diferenciados”, destaca.

Os resorts são a melhor opção para quem busca lazer para toda a família em apenas um lugar. A procura aumenta nos feriados e nas temporadas de férias. “Outro fator que também ajudou a impulsionar o faturamento dos resorts foram as vendas pela internet, por meio das ofertas coletivas. No Brasil as opções são variadas. De norte ao sul do país há vários resorts, com diferentes perfis e que atendem a todos os públicos”, afirma.

Os pacotes de viagem facilitam ainda mais o planejamento de quem deseja aproveitar a comodidade que os resorts oferecem. Os pacotes para o Resort Costão do Santinho, localizado em Florianópolis (SC), tem pagamento facilitado e inclui passagens aéreas e hospedagem. “Dependendo do pacote é possível parcelar em até 10 vezes, o que aumenta e muito o acesso da população, em especial a classe média, que está em constante ascensão”, acrescenta.

Conheça outros destinos no site: http://www.itrip.com.br/

Dê uma viagem ao seu pai

Neste ano o dia dos pais será comemorado no dia 14 de agosto e mais uma vez os filhos tem que quebrar a cabeça para surpreender o paizão, afinal ele merece mais do que um perfume, uma camiseta ou um sapato. Pelo suor do dia a dia, amor e carinho dados aos filhos, os pais de todo o Brasil merecem um presente especial, que seja lembrado durante muito tempo.

Se o seu pai tem estilo aventureiro, gosta de conhecer novos lugares ou simplesmente merece ganhar um bom descanso o presente ideal é uma viagem. “Mesmo quem está com o orçamento apertado pode comprar uma viagem inesquecível para o seu pai”, afirma Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Para não comprometer a parte financeira, os filhos de bom coração podem aproveitar as ofertas coletivas, que oferecem diversos destinos, muitas opções de hospedagem e tem o preço certo para não pesar no bolso. “No iTrip os internautas encontram uma sessão especial de ofertas coletivas. A ferramenta funciona como um agregador de promoções, ou seja, são as ofertas de turismo de vários sites em um só lugar”, destaca.

Outra alternativa é comprar um pacote de viagem, que com certeza irá agradar os pais de plantão – e os filhos também. É só pensar um pouco em qual lugar o seu pai gostaria de conhecer, escolher a data e arrumar as malas. “O pacote de viagem pode incluir a família toda ou apenas o pai e o filho ou filha. Durante o passeio os viajantes podem sair da rotina e pescar, fazer esportes radicais ou desfrutar de lindas paisagens”, sugere.

Para saber mais acesse: http://www.itrip.com.br

iTrip oferece pacotes de viagem para Gramado

Vento frio, chuva, dias nublados e com um pouco de sorte pequenos flocos brancos podem dar o ar de sua graça. São os sinais do inverno, que no Brasil começou no dia 21 de junho e vai até o dia 23 de setembro – mesmo que seja apenas no calendário, afinal não há como prever as peripécias da natureza.

A estação convida para um lugar quente, comida reforçada e uma bebida que aqueça o corpo. Para quem gosta do frio e de viajar, conhecer Gramado, no Rio Grande do Sul, é o melhor programa para um fim de semana, feriado ou para passar as férias nos dias que restam do inverno.

Segundo Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), o lugar tem forte influência dos europeus, seja nas tradições, costumes ou arquitetura. “Entre os principais passeios de Gramado estão a Aldeia do Papai Noel, o Lago Negro, o Mini Mundo e o Mundo Encantado”, aponta.

O turista não pode deixar de conhecer as lojas e fábricas de chocolate, a Rota da Uva e do Vinho e provar as delícias dos cafés coloniais espalhados pela cidade e os restaurantes que oferecem rodízio de fondue de carnes, queijo e chocolate. “Existem muitos pacotes de viagem para Gramado e há ainda as ofertas coletivas, que garantem preços mais em conta”, destaca.

 Saiba mais: http://www.itrip.com.br

Nordeste transborda beleza e oferece muita diversão

O nordeste brasileiro é sem dúvida uma região peculiar, com paraísos litorâneos, muita natureza e diversão. O clima quente – praticamente o ano todo – convida os turistas a desfrutar das mais belas praias e a receptividade e simpatia dos nordestinos conquistam qualquer pessoa. “O nordeste possui opções para toda a família. Muitas pessoas viajam para o exterior e nem sabem o que estão perdendo aqui”, afirma Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip.

Nos mais de 1000 quilômetros de costa a natureza é exuberante, dentro e fora do mar. Passeios de barco levam os turistas mar adentro para conhecer os corais e mergulhar ao lado de cardumes de peixes. “O mais vantajoso é fechar um pacote de viagem para não se incomodar com nada. O turista escolhe o local, a data, o hotel que deseja, a companhia aérea e planeja a sua viagem da melhor maneira possível e depois é só diversão”, recomenda.

Alagoas, Ceará, Rio Grande do Norte, Bahia, Pernambuco e a Paraíba são os estados onde os viajantes podem encontrar praias desertas e selvagens, piscinas naturais, falésias (forma geográfica similar a um paredão rochoso próximo ao mar), recifes e mangues. “É uma região que pode ser visitada durante o ano todo. A alta temporada é no período de férias, entre dezembro e fevereiro e no mês de julho”, explica Sivieiro, que também é vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Em alguns pontos das praias nordestinas a água é verde e em outros azul claro, sempre límpida. Existem passeios para locais mais desertos, onde a natureza está praticamente intocada e permanece exibindo a sua graça. “Para fugir dos preços altos – comuns nos meses mais concorridos -, o turista pode aproveitar as ofertas coletivas e esticar a estadia no nordeste. Gastando menos na viagem é possível usar mais dinheiro para aproveitar os passeios”, destaca.

Para visitar Fernando de Noronha, em Pernambuco é preciso um pouco mais de investimento. O número de turistas é controlado no arquipélago tombado pela UNESCO e quem tem o privilégio de conhecer o lugar pode ver tartarugas, golfinhos e tubarões. “É possível alugar um buggy para conhecer as praias com tranqüilidade, além de se divertir a beça. Uma semana é o suficiente para aproveitar bem este paraíso”, enfatiza.

Saiba mais sobre o nordeste brasileiro no portal http://www.itrip.com.br/

Parques de diversão agradam toda a família

Se você acha que só pode encontrar bons parques temáticos fora do Brasil, está enganado. Em terras brasileiras há muita diversão, do norte ao sul do país, em parques aquáticos, voltados à natureza e aos animais, com brinquedos de tirar o fôlego ou atrações infantis. “É possível fazer pacotes de viagem que incluem as passagens aéreas, translado e hospedagem com diversas opções de acomodação”, explica Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip.

De acordo com Sivieiro, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), as atrações dos parques são diversificadas e tem opções para todo o tipo de público, desde os pequenos até para quem já está na terceira idade. Para economizar, a dica é aproveitar as ofertas coletivas que dão bons descontos em passeios para os parques de diversão. “O bom é ficar de olho para adquirir a melhor oferta antes que ela seja encerrada”, aconselha.

Alguns parques possuem promoções para quem ir mais de um dia seguido. Dá para aproveitar o fim de semana ou escolher um feriado para se divertir com toda a família. “Os parques de diversão são as melhores alternativas para os pais que querem se divertir junto com os seus filhos. Todos brincam e há inclusive brinquedos que os adultos e crianças podem ir juntos”, acrescenta.

Quem busca diferentes aventuras vai gostar do Alpen Park, no Rio Grande do Sul, e do Ski Mountain Park, localizado em São Paulo. O primeiro oferece aos visitantes um passeio de trenó, que passa entre riachos, mata nativa e morros. “Já o Ski Mountain Park oferece uma trilha ecológica para as crianças, que tem a oportunidade de entrar em contato com a flora e fauna da Mata Atlântica. Os mais aventureiros podem se arriscar na pista de Esqui”, conta Sivieiro.

No Beto Carrero World, em Santa Catarina, no Hopi Hari, em São Paulo, no Yahoo Family Park, situado no Espírito Santo, ou no Mirabilândia, em Pernambuco, há uma infinidade de brinquedos para deixar os cabelos em pé. “O Beto Carrero possui 21 quilômetros quadrados e oferece shows de animais selvagens, zoológico e passeio de trem no qual um narrador animado conta histórias pelo caminho. É um lugar muito familiar”, considera.

 Saiba mais sobre esses e outros parques de diversão no http://www.itrip.com.br/ .

Portal agrega ofertas coletivas de turismo

iTrip concentra as melhores ofertas de pacote de viagem, diárias em hotéis e pousadas para facilitar a vida de quem gosta de viajar e pagar pouco.

Os sites de compras coletivas fazem sucesso no exterior há algum tempo e no Brasil a novidade estourou no ano passado. Produtos e serviços com até 90% de desconto, desde que um número X de consumidores adquira o que está sendo vendido para que o preço seja reduzido. “Até o setor de turismo entrou na onda. Pacotes de viagem, passagens áreas, diárias em hotéis e pousadas, tudo com desconto”, ressalta Aldo Sivieiro, diretor do iTrip, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

A vantagem de comprar uma viagem nas promoções dos sites de compras coletivas é sem dúvida a economia. É possível conhecer lugares diferentes pagando bem menos do que o normal. “Antes as pessoas costumavam poupar dinheiro durante algum tempo – e até se privar de determinadas coisas – para poder viajar mais longe ou em locais onde o custo é mais alto. Agora com estes descontos não é necessário esperar tanto tempo e nem gastar muito”, observa.

Entre tantas ofertas fica até difícil escolher o melhor destino, para o corpo e para o bolso. Segundo Sivieiro, ir de site em site é mais oneroso e ainda corre-se o risco de perder uma oferta por não ter visto a tempo. “Por isso o iTrip também funciona como um agregador de ofertas de sites de compras coletivas de turismo. Assim o internauta só precisa acessar a página de ofertas coletivas de turismo e saber todos os pacotes com desconto que estão disponíveis”, explica.

Basta escolher o destino desejado na guia esquerda da página e descobrir todas as ofertas relacionadas do local. É possível escolher ofertas para viagens nacionais e internacionais e no centro da página estão localizadas as promoções do dia. “Este novo nicho de mercado é muito promissor, tanto para os turistas quanto para as empresas. Além de ficarem conhecidas, as empresas que anunciam ganham mais clientes, que podem voltar em outras oportunidades, mesmo sem desconto”, afirma.

O portal iTrip  ainda oferece muitos outros serviços, como pacotes de viagem, informações sobre destinos, opiniões de quem já esteve em hotéis e outros locais de hospedagem. “É tudo o que os viajantes de plantão precisam em um só lugar. Nosso objetivo é facilitar o planejamento das viagens”, finaliza Sivieiro. Para conhecer o portal, acesse http://www.itrip.com.br/ e comece a contar dos dias para conhecer novos lugares.

Portal agrega ofertas coletivas de turismo

iTrip concentra as melhores ofertas de pacote de viagem, diárias em hotéis e pousadas para facilitar a vida de quem gosta de viajar e pagar pouco.

Os sites de compras coletivas fazem sucesso no exterior há algum tempo e no Brasil a novidade estourou no ano passado. Produtos e serviços com até 90% de desconto, desde que um número X de consumidores adquira o que está sendo vendido para que o preço seja reduzido. “Até o setor de turismo entrou na onda. Pacotes de viagem, passagens áreas, diárias em hotéis e pousadas, tudo com desconto”, ressalta Aldo Sivieiro, diretor do iTrip, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

A vantagem de comprar uma viagem nas promoções dos sites de compras coletivas é sem dúvida a economia. É possível conhecer lugares diferentes pagando bem menos do que o normal. “Antes as pessoas costumavam poupar dinheiro durante algum tempo – e até se privar de determinadas coisas – para poder viajar mais longe ou em locais onde o custo é mais alto. Agora com estes descontos não é necessário esperar tanto tempo e nem gastar muito”, observa.

Entre tantas ofertas fica até difícil escolher o melhor destino, para o corpo e para o bolso. Segundo Sivieiro, ir de site em site é mais oneroso e ainda corre-se o risco de perder uma oferta por não ter visto a tempo. “Por isso o iTrip também funciona como um agregador de ofertas de sites de compras coletivas de turismo. Assim o internauta só precisa acessar a página de ofertas coletivas de turismo e saber todos os pacotes com desconto que estão disponíveis”, explica.

Basta escolher o destino desejado na guia esquerda da página e descobrir todas as ofertas relacionadas do local. É possível escolher ofertas para viagens nacionais e internacionais e no centro da página estão localizadas as promoções do dia. “Este novo nicho de mercado é muito promissor, tanto para os turistas quanto para as empresas. Além de ficarem conhecidas, as empresas que anunciam ganham mais clientes, que podem voltar em outras oportunidades, mesmo sem desconto”, afirma.

O portal iTrip  ainda oferece muitos outros serviços, como pacotes de viagem, informações sobre destinos, opiniões de quem já esteve em hotéis e outros locais de hospedagem. “É tudo o que os viajantes de plantão precisam em um só lugar. Nosso objetivo é facilitar o planejamento das viagens”, finaliza Sivieiro. Para conhecer o portal, acesse http://www.itrip.com.br/ e comece a contar dos dias para conhecer novos lugares.

Escolha seu pacote de viagem e aproveita para conhecer novos lugares em julho

Julho chegou e começa mais uma temporada de férias para as crianças, os estudantes e para quem ainda não teve seu merecido descanso. São inúmeros destinos, um para cada gosto e necessidade. Há passeios para a família toda, casais em lua de mel e também para os solteiros que buscam muita diversão, sombra e água fresca. Para começar a viagem com o pé direito, a dica é procurar um bom pacote de viagem e para isso não é preciso nem sair de casa.

De acordo com Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), comprar um pacote de viagem economiza tempo e dinheiro. “As empresas especializadas conseguem descontos com os hotéis, pousadas e companhias aéreas, tornando os pacotes de viagem uma opção atraente para os viajantes. Além disso, não é necessário adquirir as passagens, reservar o hotel e pagar outros itens separados, evitando muitos transtornos”, destaca.

Sivieiro explica que para alguém montar a sua viagem sozinho dá muito mais trabalho e nem sempre as opções escolhidas são as melhores no que diz respeito a custo-benefício. “É preciso orientação. O portal iTrip, por exemplo, fornece todas as informações necessárias sobre a viagem. Entre os vários serviços que o site oferece está o buscador de pacotes de viagens, que mostra combinações para destinos nacionais e internacionais”, ressalta.

O internauta pode pesquisar pacotes para todos os cantos do Brasil, do norte ao sul do país, tendo a sua disposição a rica diversidade cultural que caracteriza essas terras. Quem quiser pode ir mais longe e se aventurar aqui mesmo na América do Sul, conhecer a América Central e o Caribe ou ainda se esbaldar na Europa, Ásia, Oriente Médio, África e até Oceania. “Basta acessar a página de pacotes de viagem e conhecer tudo o que está disponível”, ensina Sivieiro.

Há ainda a alternativa de conhecer pacotes em forma de circuito por vários países do mundo. Nos circuitos é possível conhecer mais de um lugar em apenas uma viagem, incluindo parques temáticos, principais cidades e pontos turísticos. No portal o internauta fica a par do roteiro da viagem, dos preços e da duração do passeio. “Quem acessa o    iTrip  não fica sem diversão. É só clicar e aproveitar para conhecer o mundo”, acrescenta.

Férias de julho: aproveite as ofertas coletivas de última hora

Julho chegou, você finamente conseguiu uns dias de folga, mas a viagem ficou para depois. Para não deixar as férias tão monótonas, que tal aproveitar pelo menos um fim de semana fora? Então corra e garanta o seu descanso com as ofertas dos sites de compra coletiva. “São tantos sites que as pessoas não sabem em qual ir primeiro e podem perder uma boa oportunidade por não ter visto antes”, destaca Aldo Sivieiro, vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Para facilitar a busca, o portal iTrip agrega as ofertas de sites de compras coletivas relacionadas a turismo. Neste mês de inverno há opções para quem gosta do frio e para quem só quer sol, mar e calor. “Destinos como Rio Grande do Sul garantem bons momentos perto da lareira, com um bom vinho e em hotéis aconchegantes, ideais para casais em lua de mel ou que querem ficar juntos e se curtir sem estresse e sem a correria do dia-a-dia”, afirma Sivieiro, diretor do iTrip.

O nordeste possui destinos para todos os gostos, mas principalmente para quem gosta de praia. O clima quente, mesmo nos meses frios, atrai pessoas do país inteiro para relaxar e se divertir. “As ofertas mais comuns são de pacotes de viagem com duas, três, quatro ou sete diárias, hospedagem em bons hotéis ou pousadas e até passagem aérea, translado e café da manhã. Os descontos variam entre 20 e 60%”, conta.

Quem quiser novas emoções, conhecer o Pantanal ou Amazônia é uma boa pedida. Além de conhecer diferentes ecossistemas do território brasileiro, o contato com a natureza é revigorante e traz novas energias para voltar à rotina depois da viagem. “As promoções também abrangem países do exterior e oferecem até city tour para que o turista possa conhecer os principais pontos turísticos do lugar”, acrescenta Sivieiro.

Veja mais em: http://www.itrip.com.br/

Conheça as belas praias de Miami

Quem nunca pensou em conhecer as mais lindas praias de Miami, lugares paradisíacos escolhidos como cenário para diversos filmes e para a moradia de muita gente rica e famosa. Miami fica no sul do estado da Flórida, nos Estados Unidos, e também chama atenção pelo calor típico dos países tropicais. “Muitos brasileiros viajam para Miami devido à beleza, a hospitalidade e o grande número de pessoas que falam espanhol”, afirma Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ).

Dar um tour em Miami é andar em areias brancas e perder o mar azul claro de vista, conhecer a arquitetura Art Deco – edificações construídas entre os anos 20 e 30, consideradas “os anos de ouro” da  cidade -, ver museus e fazer compras em infinitas lojas. “Passeios são o que não faltam em Miami. É um lugar tão lindo que vale a pena conhecer mesmo que seja para ficar só relaxando nas águas límpidas e quentes”, destaca.

Sivieiro explica que Miami é um destino muito procurado no iTrip e quem vai não se arrepende. No portal é possível saber sobre as ofertas de sites coletivos, pacotes de viagem para Miami, conhecer hotéis da região e ainda ler a opinião de quem já foi pra lá. “Se a pessoa não sabe qual a melhor opção de hospedagem, por exemplo, basta entrar no guia de hotéis em Miami e ver a descrição do local, com fotos, comentários, preços e a avaliação feita por quem já conhece o lugar”, exemplifica.

O iTrip oferece ainda outros serviços e está integrado nas mais diversas redes sociais – como Orkut, Facebook, Youtube, Twitter e Flickr. Também tem o blog do iTrip, atualizado constantemente e que traz eventos importantes, novidades relacionadas ao turismo e os mais diversos destinos. “O blog serve como um calendário das principais atrações que estão acontecendo ao redor do mundo. É mais uma forma de disseminar diferentes culturas e incentivar o turismo”, acrescenta Sivieiro.

Quer saber mais? Então entre no iTrip: http://www.itrip.com.br/

Hotéis-fazenda têm opções para toda a família

O estresse e a correria do dia a dia tornam o final de semana e as férias um tempo de refúgio para o corpo e a mente se desligarem – e também para recarregar as baterias. Seja em um período curto de tempo ou por um prazo um pouco maior, os hotéis-fazenda são ideais para quem busca descanso e lazer em um só lugar. Existem várias opções para atender a todos os gostos, com atividades físicas, passeios e boa comida.

Aldo Sivieiro, diretor do portal iTrip e vice-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV-RJ), explica que normalmente estes locais são mais afastados dos grandes centros urbanos e são perfeitos para passeios com toda a família. “Os pais podem descansar, enquanto os filhos participam de inúmeras atividades, além de estarem em contato constante com os animais e a natureza”, destaca.

No Brasil os hotéis-fazenda estão espalhados por vários estados, como Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Pernambuco e Goiás. “No portal iTrip o internauta pode conhecer vários estabelecimentos, com fotos, descrições, endereço e comentários. Os hotéis-fazenda são separados por estado para facilitar a busca”, esclarece. Para acessar o link basta clicar http://www.itrip.com.br/destinos/hoteis-fazenda .

Muitas vezes o que desencoraja o passeio – dependendo do hotel fazenda – é o preço. Por isso o iTrip agrega as ofertas relacionadas a turismo de diversos sites de compra coletiva para que a viagem saia mais em conta, em especial para as grandes família. “É só entrar no link http://www.itrip.com.br/ofertas e ver as ofertas do dia. Também é possível pesquisar por destino e ver todas as promoções relacionadas ao local”, enfatiza.

Conheça o portal iTrip http://www.itrip.com.br/ e planeje a sua viagem.

Portal de turismo iTrip retoma assessoria com a Toda Comunicação

Os melhores destinos de viagem, diversas opções de hotéis, pousadas e compras coletivas para atender a todos os tipos de viajantes estão no portal de turismo iTrip. O portal reúne todas as informações necessárias para quem pretende viajar e conhecer novos lugares. “Além disso, o diferencial do iTrip é a troca de experiências e os pacotes de viagens. Para divulgar cada vez mais o portal e fortalecer a marca optamos por dar continuidade ao trabalho com a Toda Comunicação”, ressalta Aldo Arthur Siviero, diretor do iTrip e vice-presidente  da ABAV-RJ.

O portal já teve a oportunidade de conhecer a atuação da Toda durante algum tempo e resolveu retomar a parceria graças a qualidade dos serviços prestados e a credibilidade que a assessoria de imprensa proporciona. “É muito gratificante ter o reconhecimento de um trabalho feito, com o pedido da retomada do serviço. O turismo é um dos setores que mais cresce e com experiência adquirida anteriormente e as novidades que o portal traz diariamente vai ser muito rico trabalhar para a iTrip”, diz Verônica Pacheco, proprietária da Toda.

Para quem quer conhecer novos lugares e culturas, a dica é visitar o http://www.itrip.com.br e ter um bom começo de viagem.