Advogado, um profissional indispensável!

Nada como destacar as funções tão necessárias desses profissionais

advogado-jpg.jpg

Em 11 de agosto, comemora-se o dia do advogado, pela criação do primeiro curso de direito do país. Na época, o contexto da independência e a promulgação da primeira Constituição (1824) fez com que D. Pedro I identificasse a ululante necessidade do profissional da lei.

De acordo com a advogada Giselle Farinhas, “assim deve ser o advogado, indispensável a sociedade, o representante da justiça, dos direitos humanos e da cidadania, o inconteste defensor da democracia”, comenta. Atualmente, em sombrio arrepio dos direitos fundamentais democráticos garantidos por nossa Constituição se impõe reforçar, cada vez mais, a atuação do advogado.

Giselle ressalta que “o advogado é o homem da lei e deve se pautar com ética, moralidade e postura condigna, afinal, respeitar o advogado é respeitar a história construída pela classe e conferir legitimidade a nossa Carta Constitucional”, pontua.

Neste dia especial, deve-se parabenizar os confrades que em meio a tantas lutas e desafios diários, se pautam com presteza à sociedade e a lei. Giselle destaca ainda, “o quanto devem ser incansáveis pelo cumprimento das mesmas em prol do ideal de justiça. Não devem aceitar nada menos do que o que é de direito, ainda que diante de tantas resistências e desvirtuamentos. O caminho foi traçado sob a esfinge da balança, o mister prometido e assumido nas dependências da Ordem dos Advogados do Brasil, e não podem descansar enquanto não for dada à sociedade o propósito constitucional definido”, finaliza a advogada.

Dra. Giselle Farinhas

Advogada 

www.farinhas.adv.br

escritorio@farinhas.adv.br

O garçom é um vendedor

Especialista em atendimento ao cliente destaca características fundamentais para um bom atendimento nos estabelecimentos

maxresdefault.jpg

Quando vamos a uma concessionária comprar um carro temos a impressão que o vendedor é um piloto de fórmula 1. Ele consegue falar com a maior empolgação sobre como são especiais as velas e sistema de embreagem daquele carro. Ele tem obrigação de saber. Uma equipe de garçons deve ser assim. Deve saber exatamente como são preparados os pratos, sua origem e até mesmo se os ingredientes do prato solicitado suprem a demanda em estoque, entre outros.

Segundo Max Pires, criador do curso Garçom Vendedor, “a maioria dos garçons é dedicada, mas tem uns que só pensam na gorjeta. Então, se o cliente não está feliz, de que serve os 10% ? O que os empresários precisam ter em mente é que o cliente é o verdadeiro dono do negócio e é ele quem deve ser agradado. É comprovado que a relação entre o cliente e um restaurante está diretamente relacionada ao fator emocional e à experiência vivida no estabelecimento“, afirma. Ele que já foi vendedor e garçom, hoje é empreendedor e especialista em atendimento ao cliente, voltado para restaurantes e estabelecimentos similares.

Raquel Dias, advogada e cliente de um restaurante há mais de 30 anos, é o reflexo de uma cliente completamente satisfeita. Ela é atendida especialmente toda semana por dois garçons que viram suas filhas de 29 e 31 anos, crescerem. Ela conta que mesmo possuindo duas ótimas cozinheiras em sua residência, por diversas vezes já cancelou o almoço e seguiu para o restaurante de costume. “Excepcionalmente todos que me conhecem já foram ao menos uma vez no meu restaurante favorito, faço questão, não apenas pela qualidade dos pratos, mas pelo ambiente e atendimento agradabilíssimo que nunca deixaram de me oferecer. Meus garçons são grandes amigos”, diz ela.

Garçons, auxiliares e gerentes desatentos podem enterrar uma experiência que poderia ser espetacular. “Muitos restaurantes trabalham com ‘praças’, onde cada garçom é responsável por um determinado número de mesas. Isto é uma maneira prática de coordenar o atendimento, mas não quer dizer que se o cliente de uma praça chamar o garçom de outra praça ele não deve atendê-lo. Garçons que não se preocupam com o atendimento do restaurante ficam presos às suas seis mesas, e isso é completamente errado”, revela Max.

Por fim, Max conclui que poucos estabelecimentos conhecem o ramo da consultoria empresarial e tantos outros são amadores no setor de atendimento. Porém, para ser um bom garçom não precisa ‘puxar o saco’ do chefe ou encher a bola do estabelecimento na frente do cliente, mas agarrar a oportunidade do crescimento. “Se você cresce, a empresa cresce junto e gradativamente tudo melhora. O importante é enxergar além, lembrando sempre daquele clichê: ‘Não faça com o outro o que não gostaria que fizessem com você’, conclui o especialista.

Serviço: Max Pires

Coach Encantador de Clientes https://www.facebook.com/max.pires.75?ref=ts&fref=ts

(21) 3181-0072. 99500-6789.  99615-6789
contato@maxpires.com.br e contato@garcomvendedor.com.br

http://www.maxpires.com.br e http://garcomvendedor.com.br

Excelência na odontologia e na sociedade

Dentista ganha três prêmios pelo reconhecimento de sua competência junto à sociedade, em menos de um ano

20247712_1911515489062847_139209767004735294_o.jpg

Entre tantos profissionais nacionalmente conhecidos, o escolhido foi o Dr. Marcelo Braga, da MB Odontologia Especializada. Em seus 20 anos de carreira, o dentista se destacou por seu comprometimento. Expertise em reabilitação oral, Marcelo sempre priorizou a satisfação de seus pacientes e com amor pela Odontologia, realizou trabalhos de intuito sociais e transformou a vida de muitas pessoas. Por conta disso, só este ano, o especialista foi honrado com três reconhecimentos, um municipal, outro nacional e um mundial. Entre eles, o GLOBAL QUALITY CERTIFICATION, pelos trabalhos realizados em sua Clínica MB Odontologia Especializada, que é amparado por 38 alianças estratégicas localizadas em cinco continentes, reconhecido em mais de 100 países no mundo, emitido o nome da empresa/instituição reconhecida, atestando desta forma, a credibilidade desta no mercado global.

O profissional tem se surpreendido com cada convite que tem recebido num período tão curto de tempo, este ano. Porém, encontra-se extremamente honrado e diz que não imaginava a dimensão do seu profissionalismo, dizendo que certamente honrará dignamente esse mérito em vida, fazendo desta uma gratidão diária.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto das 08h às 19h

 

Novo método para tratamento da dor lombar e cervical não tem contra-indicação

Fisioterapeuta fala sobre a Estabilização Segmentar Vertebral, tratamento que está entre os mais eficazes e recomendamos para prevenção e tratamento da dor lombar e cervical

estabilizacao-segmentar.jpg

A Organização Mundial da Saúde revelou que cerca de 80% da população mundial é propensa a ter, pelo menos, um episódio de dor lombar durante sua vida. No Brasil, esta é taxada como a principal causa de afastamento do trabalho. Durante muitos anos, surgiram diversos tipos de tratamentos contra a famosa dor nas costas, porém estes eram apenas temporários. Com a evolução da fisioterapia, pesquisadores australianos descobriram um método que previne e acaba de vez com as dores na coluna lombar e cervical: a Estabilização Segmentar Vertebral.

Segundo a Fisioterapeuta Ana Gil, diretora e proprietária do Espaço Ana Gil, clinica na Barra da Tijuca, há um método inovador, muito mais eficaz e definitivo no tratamento e prevenção de dores e patologias lombares e cervicais “A Estabilização Segmentar Vertebral tem como objetivo fortalecer os músculos centrais que dão estabilidade ao corpo humano”, diz.

A fisioterapeuta, através de exercícios específicos para o tratamento, utiliza no paciente um equipamento chamado Unidade Pressórica de Biofeedback “Esse aparelho é responsável por fazer com que os músculos mais profundos, responsáveis por estabilizar as regiões lombar, pélvica e cervical, voltem a contrair de forma correta”, explica a fisioterapeuta “Desta forma, as dores sanam e o tratamento tem alta eficácia”, afirma.

De acordo com Ana Gil, o método não tem contra-indicação. “A Estabilização Segmentar Vertebral é indicada para casos de dores e patologias diversas da região lombar ou cervical, inclusive pós-operatórios.” conclui. É recomendado que seja realizada por um fisioterapeuta.

Ana Gil

  • Colunista no jornal Folha do Rio de Janeiro
  • Graduada em Fisioterapia (IBMR)
  • Pós-graduada em Anatomia Humana e Biomecânica (UCB)
  • Especialista em Reeducação Postural Global – RPG (Instituto Philipe Souchard)
  • Mestre em Educação Física (EEFD/UFRJ)
  • Autora do livro Core & Training: Pilates, Plataforma Vibratória e Treinamento Funcional (Editora Ícone)
  • Proprietária do Espaço Ana Gil: clínica de fisioterapia, estética e Pilates na Barra da Tijuca
  • Docente de cursos de pós-graduação Lato sensu da UFRJ, UCB, UCP, UNIRN
  • Professora de cursos de capacitação e palestras de grandes eventos e instituições em todo o Brasil.
  • E-mail: ana@espacoanagil.com.br
  • Fanpage e Instagran: /espacoanagil

 

Dia do pais: a importância da figura masculina

Diante de uma sociedade cada vez mais distante, como ficam os laços paternais?

474446-Dia-dos-pais-pelo-mundo-como-se-comemora-5.jpg No Brasil, o segundo domingo de agosto é quando a maioria das famílias se reúne para, em um gesto de carinho, presentear os patriarcas da casa. Tão bonito quanto o dia das mães, o dia dos pais é mais uma data muito comemorada nacionalmente. Afinal, a importância dos homens como pais é grandiosa, porém nem todas as mães pensam assim.
Segundo Carla Ribeiro, psicóloga com abordagem em sexualidade humana e saúde do homem, “é bem natural na sociedade que mulheres por motivos pessoais com os companheiros, afastem os filhos dos pais alegando proteção. Vezes por orgulho, quebrar a aliança paterna é prejudicial principalmente tanto para o homem quanto para a criança”, explica.
Carla ressalta que é importante lembrar que “ao falar em figura paterna não é obrigatório estar diretamente ligado ao pai biológico, pois na falta deste, a criança poderá encontrar outras referências, como tios, avós e mesmo irmãos mais velhos. A representação da figura paterna também serve, para os meninos, como modelo e para as meninas como representante do universo masculino”, destaca.
“Especialistas consideram que através da ligação afetiva dos pais, os filhos se tornam adultos mais seguros e confiantes”, pontua a psicóloga. As ligações paternas que eram consideradas efetivas apenas depois dos quatro anos de idade, está comprovado, atualmente, que se estabelecem desde os primeiros contatos do pai com o bebê.
Ela finaliza, lembrando que, para ser um bom pai, é preciso ser presente na vida de seus filhos. “Desde a chegada do bebê até a formatura da faculdade, é sempre necessário que os pais ‘estejam ali’ para seus filhos, para os momentos bons e ruins independentes do sucesso ou não do relacionamento com a mãe”, conclui.

Serviço: Carla Ribeiro

Psicóloga Clínica e Hospitalar voltada para Saúde do Homem

E-mail:  caribeiro.psi@gmail.com

Página: https://www.facebook.com/psicologacarlaribeiroRJ

Celular: 21 9.9908-1834

Endereço: Av. Nelson Cardoso, 1149 – sala 1213, Jacarepaguá (Taquara), Rio de Janeiro/RJ.

Saiba como destruir a autoestima do seu filho

Coach Familiar revela fatores que podem prejudicar o futuro dos filhos

pai-brigando-com-filho-65862.jpg

A personalidade de um indivíduo é formada nos primeiros sete anos de vida dele, e os pais são os principais responsáveis pela construção dela, até essa idade as crianças não desenvolvem a lógica e a maturidade intelectual, aprendendo tudo ou quase tudo através da emoção. Tais crianças acreditam em tudo o que seus pais dizem e tomam para si como suas verdades. Portanto, os pais precisam se policiar quanto aos malefícios que podem causar futuramente, na personalidade da criança. As palavras negativas ouvidas na infância ainda ficam piores quando ditas ao filho com tom de voz agressivo, geralmente ditas no calor da raiva. É preciso que os pais tenham consciência de que isso pode refletir na personalidade e caráter da criança.
Segundo Valéria Ribeiro, coach familiar e especialista em desenvolvimento humano, “frases como: ‘você não presta, você é inútil’ e palavras como: ‘gorda (o), miserável, desgraçado’, fazem com que a criança absorva e se torne um adolescente problemático e um adulto espelho do que ouviu dos pais, levando o problema até mesmo por gerações. Crianças passam a mostrar-se inquietas, desatentas e, muitas vezes, agressivas. Em adolescentes, a marca pode ser a rebeldia ou a apatia. Eles reclamam da impossibilidade de um diálogo satisfatório, pois os pais fazem sempre a própria interpretação sobre o assunto”, comenta a especialista.
A raiva, o cansaço e a frustração que vêm com problemas cotidianos podem exasperar e fazer pais e mães dizerem coisas que realmente não sentem. Os efeitos dessas palavras podem ir além do que os filhos podem controlar. Valéria ainda ressalta que “essas palavras e frases negativas contribuem para que a criança ou adolescente crie instabilidade emocional, inseguranças, falta de confiança em si própria, pois isso destrói a sua estima”, explica ela. O resultado é um processo de cobranças e acusações que esconde o verdadeiro desejo de ambos: sentir-se amado pelo outro.
A coach familiar convida a fazer um teste: “pegue uma qualidade, habilidade ou competência de seu filho e passe a dizer isso com frequência a ele, verá que em pouco tempo ocorrerá uma mudança de comportamento para melhor, além de outras questões que também acabarão por melhorar, é como um efeito dominó. “Isso ocorre devido ao fato que a criança ou adolescente – certos que possuem qualidades, competências e dons-, passam a desafiar-se a melhorar em tudo,” conclui Valéria.

Serviço: Valéria Ribeiro

Especialista em psicologia, desenvolvimento pessoal e mãe de dois filhos

12 99121-9615

contato@filhosofia.com.br

http://filhosofia.com.br/

A crise dentária também está em alta

Especialista fala sobre a estética que poucos se preocupam: o sorriso

dentecapa.JPG

Um belo sorriso abre portas, mas para isso ele também deve estar saudável. Quando alguém está satisfeito com o próprio sorriso, ele se torna mais confiante, otimista e feliz, e isso, claro, reflete em toda saúde física, mental e psicológica. Além disso, um sorriso bonito também é capaz de tornar qualquer um muito mais confortável e envolvido em seus relacionamentos pessoais. A odontologia também faz sua parte e, constantemente, procura os mais modernos tratamentos para diminuir o tempo dos pacientes nos consultórios e trazer mais benefícios.
Porém, segundo o Dr Marcelo Braga, gestor clínico da MB Odontologia Especializada, “embora um bom sorriso traga tantos benefícios estéticos e físicos, ele deixou de ser uma prioridade. Pois, vivendo num século onde a beleza física e os corpos esculturais ganharam espaço, a importância à saúde bucal virou coisa do passado”, comenta. Afinal, quando uma parte do corpo não está bem, todo o resto também sofre as consequências e existe uma série de problemas que podem começar na boca.
É muito comum exemplificar na mídia, figuras públicas que possuem condições de fazer um bom tratamento dentário e não o fazem. Ás vezes por medo, desleixo ou vícios que danificam diretamente a saúde bucal, como o cigarro. Marcelo Braga ressalta, que “quando uma pessoa cobre o sorriso com a mão, não significa apenas que ela é tímida e, sim, que pode sentir vergonha do próprio sorriso. Por isso, é importante cuidar da saúde bucal sempre. Mais do que transmitir alegria, um belo sorriso é sinônimo de uma vida saudável”, diz. A restauração, reconstrução e correção dos dentes e saúde da boca como um todo são alguns dos caminhos oferecidos para devolver a harmonia de muitos sorrisos.
O cuidado com a higiene pessoal e bucal também fala, subjetiva e indiretamente, sobre como um indivíduo lida com a vida de maneira geral, suas obrigações e responsabilidades. Braga conclui, que “alguém com um belo sorriso, além de mostrar que cuida da sua saúde e aparência, demonstra que tem noção de que é um dever cuidar de si próprio. A prevenção é a maneira mais econômica e menos dolorosa de se cuidar da saúde bucal, evitando o tratamento de problemas que poderiam gerar incômodos. Afinal, o sorriso é a forma de comunicação mais poderosa do mundo”, finaliza ele.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto agora das 08h às 19h

 

Exame médico se torna obrigatório para pilotos de Drone

Especialista fala sobre as novas medidas adotadas para habilitação pela ANAC

drone-dinheiro.jpg

A ANAC criou regras para as operações civis de aeronaves não tripuladas, também conhecidas como Drones.

A regulamentação, feita pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), foi amplamente discutida. As regras entraram em vigor no dia 04 de maio deste ano e segundo a entidade, o objetivo é preservar a segurança das pessoas e do Espaço Aéreo Nacional
Segundo ​o Dr. Maximo Asinelli​ Médico que é médico Perito Credenciado da ANAC (MC 010) e Diretor Clínico da Asinelli Clínicas (CLC 002 ANAC) nos conta que:  os Operadores de Drones “Pilotos-remoto de Aeronave não tripulada“ deverão realizar o CMA ( Certificado Médico Aeronáutico de 5º Classe ) os exames, tanto iniciais quanto revalidações, de qualquer classe e para qualquer licença, podem ser realizados nas clínicas Credenciadas.

​Asinelli comenta que “a inspeção de saúde não é um bicho de sete cabeças, mas também não é um evento corriqueiro. É necessária alguma preparação para o exame, que vai variar de acordo com as condições de saúde de cada um. Mas, em linhas gerais, mesmo que sua saúde seja perfeita, é sempre bom manter hábitos saudáveis.
Para a obtenção de seu CMA de 5º Classe deverá realizar exames Bioquímico, Avaliação Mental e Corpontamental, Requisitos Neurológicos, Cardiológicos,  Pneumológicos,  Digestivos, Metabólicos Nutricionais e Endocrinológicos, Hematológicos, Nefrológicos e Urológicos, Ósteo-articulares, Otorrinolaringológicos, Oftalmológicos e Auditivos.

Se você achou que tudo isso é muito rigor para quem vai utilizar um Drone, lembre-se que DRONE é uma palavra inglesa que significa “zangão”, na tradução literal para a língua portuguesa. No entanto, este termo ficou mundialmente popular para designar todo e qualquer tipo de aeronave que não seja tripulada, mas comandada por seres humanos à distância. Ou seja, pode ser uma aeronave pequena de uso esportivo, fotográfico amador ou um VANT,  Aeronave de uso Militar ou Profissional.

Serviço: Clínica Asinelli

Dr. Máximo Asinelli

Nutrólogo
Telefone: (41) 3015-6001 / (41) 9702-1117
E-mail: contato@asinelliclinicas.com.br ​

​Site: http://www.clinicaasinelli.com.br

​Endereço: Rua Ubaldino do Amaral nº 550 – Alto da XV Curitiba-Pr CEP 80.060-172​

​​Dias e horários de funcionamento: Segunda a Sexta – Das 7h30 às 18h.

A importância da assessoria jurídica para empresários

Advogada destaca uma das maiores razões para se pensar bem na contratação de um bom jurídico

A-importancia-da-assessoria-juridica-em-imobiliarias.jpg

Infelizmente, no Brasil, vive-se em uma cultura no qual investir em de qualidade não é visto pelos pequenos empresários, como essencial. Assim, gastar é custo e não investimento. Apenas sabe o valor de um bom assessor jurídico quem já se viu, de um dia para o outro, perder tudo. Erros habituais nos contratos de trabalho, lacunas nos contratos com os fornecedores, negociações mal sucedidas e mais perdas.

Segundo a advogada Giselle Farinhas, “a questão é que o empresário busca subsídios para entender de planejamento, gestão e administração, mas não detêm conhecimento jurídico técnico suficiente para trazer para o seu negócio a segurança jurídica indispensável para o seu crescimento”, explica.

Para ter conhecimento jurídico não adianta pesquisar no Google e fazer um copia e cola, porque as ciências humanas, no qual se inclui o direito não são exatas e precisam de análise esmiuçada caso a caso. “Por isso, não raros são os casos de oscilação jurisprudencial porque assim como os casos, as leis e a sociedade muda com o tempo”, comenta.

No escritório, as médio e grandes empresas já se encontram conscientes da importância de um jurídico de qualidade, vez que, em sua maioria, já vem de um histórico de experiência que lhes demanda a busca por essa blindagem.
Giselle destaca que “​no escritório é recorrente a busca, sobretudo, pelos pequenos e médios empresários​, por soluções urgentes quando, em verdade, muitos dissabores poderiam ser evitados com a blindagem empresarial” finaliza. Por isso, não dispense um jurídico de qualidade para a solidez e avanço de sua empresa.

Dra. Giselle Farinhas

Advogada 

www.farinhas.adv.br

escritorio@farinhas.adv.br

Recolocação profissional em meio a crise

Gestora dá dicas do que fazer enquanto a nova oportunidade não aparece

banner__recolocao_profissional_outplacement_orientao_de_carreira.jpg

Constantemente nos deparamos com notícias sobre a crise econômica e política que afetam a geração de empregos em nosso país. Com mais profissionais à disposição para voltar ao mercado de trabalho, a recolocação profissional pode se transformar em um caminho longo e difícil, que exige resistência de quem vai enfrentá-la. Por isso, é preciso muita paciência e foco.

Segundo Madalena Feliciano, gestora da empresa de recolocação Outliers Careers, é importante que o candidato conheça bem o seu perfil profissional. “O desemprego é um momento em que a pessoa deve pensar sobre os seus pontos fortes e pontos a desenvolver. Essa reflexão irá ajudar na elaboração de uma estratégia de recolocação e de um novo posicionamento profissional. Além de abrir espaço para rever aspectos pessoais e profissionais que podem ser melhorados”, afirma Madalena.

Para a elaboração de um currículo objetivo e, ao mesmo tempo, atraente, é necessário que você primeiro reúna todos os seus dados profissionais e obtenha um bom conteúdo de informações. “A próxima etapa será a seleção e exclusão de várias destas informações, mantendo somente o que agrega real valor profissional a você e a sua carreira. Esta coleta o levará a recordar suas mais importantes aptidões, que não podem faltar em seu currículo”, completa a especialista.

Madalena ainda destaca dicas cruciais para uma boa experiência de recolocação:

– Depois de já ter revisado seu perfil profissional, é hora de fazer uma lista de desejos;

– Ao iniciar a recolocação, frequente cursos, feiras e palestras. Busque qualificar-se ainda mais.

– Cadastre-se nos sites de emprego
– Faça uso dos contatos adquiridos na sua área
– Jamais se coloque como mais um, não se vitimize

– Prepare um bom currículo focado na principal característica da sua carreira
– Prepare-se para a/as entrevistas, podem ligar a qualquer momento

Por fim, sempre assuma uma postura de protagonista diante da situação. “Esse é o momento em que você olha para frente, enxerga oportunidades e se coloca disposto a emanar boas energias, foco e uma busca constante por resultados positivos”, finaliza Madalena.

Serviço: Outliers Careers

Madalena Feliciano

Gestora de Carreira

(11) 2737-1724

madalena@outlierscareers.com.br

http://www.outlierscareers.com.br

Professor Aprígio Gonzaga 78, São Judas, São Paulo – SP.

Ufa! Vamos falar de férias?

Coach Familiar dá dicas de como curtir as férias escolares de maneira correta

imagem_release_986580.jpg

Muitos filhos e pais já estão na contagem regressiva para as férias, todos não veem a hora de diminuir o ritmo, poder dormir até um pouco mais tarde, não ter tantos compromissos e horários durante o dia. Entretanto, apesar de sonhar com as férias fica uma outra questão: como não permitir que as/os filhos não fiquem somente em frente ao computador, tablet, celular ou videogame? Isso realmente não é uma tarefa fácil, exige um tanto de esforço dos pais para que isso não aconteça.
Segundo Valéria Ribeiro, coach familiar e especialista em desenvolvimento humano, “nas férias é um bom momento para ter esse tempo e dedicação, para fazer e proporcionar experiências diferentes para os filhos. Dá um pouco de trabalho, mas é sempre prazeroso no final, pois serão essas experiências que irão marcar a vida do filho, assim como marcou a dos pais”,  comenta ela.
Considerando que tantos pais vivem dizendo “na minha época tudo era tão diferente, eu brincava e fazia tantas coisas diferentes”: será que todos realmente tem dedicado tempo para realizar atividades com seu filho ou sempre estão ocupados? Eis a questão. Pensando nisso, Valéria dá dicas de como se programar nas férias:
Para crianças:

  • Uma tarde de pintura com os amigos: coloque bastante folha no chão, coladas com fita adesiva, dê tinta, canetinha, lápis de cor, giz de cera e deixem eles pintarem o papel e a si próprio (lembrem de colocar uma roupa mais velha na criança) e ao final sirva um lanche da tarde.
  • Pegue um plástico grande, encontre um morro com grama e deixe eles escorregarem. Se for possível, coloque água com sabão, ficará ainda mais divertido (eu fiz isso no clube em uma festa de aniversáriode um dos meus filhos)
  • Convide as mães dos amigos, juntamente com os filhos, para um picnic em um parque na cidade, levem bola, jogo de tabuleiro, brinquem de pega pega, queimada e outros jogos.
  • Saia para andar de bicicleta com seu filho, vá explorar algum lugar novo (se imaginem cientistas e exploradores) – brinquem com eles, não tenha medo nem vergonha, deixe sua criança interior também se divertir um pouco.

Para adolescentes: 

  • Programe uma tarde de filme na sua casa. Essa é uma ótima oportunidade para conhecer os amigos de seus filhos. Mas, não vá ficar bisbilhotando toda a hora. Faça pipoca e outras guloseimas.
  • Que tal um campeonato de game na sua casa? Ao invés de cada um ficar no seu quarto de suas casas, reúna-os e joguem juntos, pelo menos, estão tendo interação social.
  • Ir ao cinema assistirem um filme junto também é bem legal, mas lembre-se que seja um filme que seu filho queira assistir.
  • Já pensou em cozinharem juntos? Você pode ensinar a ele como faz o prato favorito dele. Seja light neste momento, aproveite para conversar um pouco, descontraia, brinque. Esses momentos servem para você saber um pouco mais de seu filho, como anda a vida dele.

E, tanto para as crianças quanto para os adolescentes que ficam mais no computador ou videogame, a grande questão é que não seja só isso no período das férias. Valéria aconselha que “será bom que os pais tentem colocar o filho para estudar no término das férias de julho, afinal em agosto as aulas retornam e muitas vezes já com provas. É bom estabelecer um tempo de 30 minutos a 1h nas duas últimas semanas de férias, só para começar a esquentar os motores para a volta às aulas”, finaliza a coach familiar.

Serviço: Valéria Ribeiro

Especialista em psicologia, desenvolvimento pessoal e mãe de dois filhos

12 99121-9615

contato@filhosofia.com.br

http://filhosofia.com.br

O homem e o fantasma do envelhecimento

Especialista fala sobre o problema que abala a masculinidade da maioria dos homens

imagem_release_992939

Os homens parecem realmente preparados para lidar com qualquer tipo de situação, seja um pneu furado, uma barata voadora ou uma dificuldade no trabalho. Porém, é claro que o sexo oposto tem lá suas preocupações. Pois é, naturalmente, a vida prega peças de tempos em tempos e entre essas peças, uma das principais é o medo de envelhecer.

Tudo ou quase tudo na vida do homem, gira em torno de sua vida sexual e o seu maior desafio é mantê-la ativa. Segundo a psicóloga Carla Ribeiro, com abordagem em sexualidade humana, “o homem não entende que há um declínio natural como o de qualquer ser humano e que suas funções sexuais ficam um pouco diferentes. Quando a libido do homem começa a diminuir e o desempenho sexual já não funcionam mais tão bem como antes, é muito comum que em certo momento passem a se preocupar com futuras mudanças com relação ao sexo”, explica.

Inacreditavelmente, a perspectiva de impotência é ainda mais assustadora para os homens do que o câncer ou a morte em si. Carla ressalta que “ao contrário das mulheres, que costumam frequentar os consultórios médicos, os homens correm dessas visitas periódicas, ainda que estejam com algum sintoma incomum. Nesse ponto, os homens seguem a máxima de ‘o que os olhos não vêem, o coração não sente’, e preferem a ignorância à consciência de algum problema grave”.

Carla Ribeiro ainda conta que homens a partir dos 40 anos, já possuem vida profissional e familiar estabilizadas, portanto passam a ter mais tempo para prestar atenção em suas funções físicas, conhecendo melhor o corpo. “Por isso é essencial que haja maturidade para lidar com as mudanças e naturalmente, a mulher pode ajudar seu parceiro a diminuir seus medos e inseguranças. Cultivar a cumplicidade entre o casal é importante para até mesmo renovar a vida sexual”, aconselha.

Para os homens maduros, o medo é de não manter o vigor sexual . Esse temor, também, está relacionado ao ego do homem: saber se está com o desempenho sexual sem nenhum problema. “Por isso, em muitos casos, o homem busca relacionamentos com mulheres mais novas porque acham que irão se desempenhar melhor e qualquer problema de ordem sexual irá se resolver e ter bons resultados”. Mas nem sempre é a melhor a melhor solução, finaliza a especialista.

Serviço: Carla Ribeiro

Psicóloga Clínica e Hospitalar voltada para Saúde do Homem

caribeiro.psi@gmail.com

https://www.facebook.com/psicologacarlaribeiroRJ

Veja o fim do amarelado, saiba como ter dentes mais brancos

Especialista fala sobre os benefícios do clareamento dentário e tira dúvidas

Dentes brancos deixam as pessoas mais atraentes

Dentes manchados ou amarelados ganham vida nova e ficam mais brancos e brilhantes.   Um sorriso perfeito faz a diferença na vida de qualquer pessoa, aumenta a autoestima, a convivência social, além de ser um incentivo para o cuidado ainda maior com a saúde bucal. Por isso, o clareamento dental é um dos procedimentos odontológicos estéticos mais procurados, mas que também gera muitas dúvidas. Pensando em dar suporte aos pacientes que procuram esse tratamento, Dr Marcelo Braga, gestor clínico da MB Odontologia Especializada, tira dúvidas frequentes sobre o procedimento.

Marcelo explica que o dente possui pigmentos em seus tecidos superficiais e profundos. Estes, vêm principalmente da dieta rica em corantes. O agente clareador é capaz de penetrar na estrutura dentária e reagir quimicamente com estes pigmentos, quebrando-os em moléculas muito menores, que refletem a luz de forma diferente – e “podem inclusive ser difundidos para fora da estrutura dental, causando a diferença visual de dentes mais claros”, comenta.

A durabilidade do clareamento dental depende em sua maior parte dos hábitos alimentares, de higiene e da assiduidade do paciente ao consultório. Nos pacientes fumantes, que tomam muito café, refrigerantes à base de cola, chás escuros, vinho tinto, açaí, o clareamento dental dura pouco, tendo que ser repetido uma vez por ano para se manter. Os pacientes que não têm esses hábitos podem repetir o tratamento a cada dois ou três anos. Braga diz, “é importante salientar que, quando os dentes clareados escurecem, nunca mais voltam à cor original. De qualquer forma, o clareamento dental tem a finalidade de trazer a beleza ao sorriso e é um procedimento muito comum da estética dental, recomendado a todos”, destaca.

O clareamento dental pode ser realizado para clarear dentes hígidos, perfeitos, sem nenhuma restauração em resina composta e também em dentes com pequenas restaurações estéticas. Porém, segundo Braga, os géis clareadores não exercem nenhum efeito sobre as resinas ou porcelanas. As únicas contra-indicações para o clareamento são para gestantes e pacientes com doenças gengivais, cárie ou qualquer outra patologia bucal.

Por fim, alguns pacientes podem apresentar uma ligeira sensibilidade nas gengivas quando se utiliza o gel numa maior concentração, como por exemplo 20%. Caso isto ocorra, basta suspender a aplicação por uma noite. Sempre que ocorrer algum tipo de sensibilidade, entre em contato com seu dentista. “É fundamental que todo paciente siga a orientação do seu dentista, que realizará a monitoração do tratamento de clareamento dos dentes do início ao fim. Não é recomendado adquirir produtos de clareamento em farmácias e drogarias, pois estes produtos não tem a mesma eficiência daqueles usados pelos profissionais e podem provocar efeitos secundários indesejados”, finaliza o especialista.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto das 08h às 19h

O que é a Endocardite Bacteriana e o que ele ela tem a ver com a sua boca

Problema ocorre quando há presença de bactérias no fluxo sanguíneo e estas encontram tecidos cardíacos danificados

9ae78fdcf0bb7ce0a6482d756d7a2271-640_427

A Endocardite Bacteriana é uma doença comum, que tem um alto índice de mortalidade. Trata-se de uma infecção da parede interna do coração ou das válvulas do coração, que resulta usualmente pela invasão de microorganismos (bactéria ou fungo) em tecido endocárdico ou material protético do coração. Havendo oportunidade para bacteremia, como por exemplo, a manipulação dentária em portadores de valvopatia, pode ocorrer colonização pela aderência do microorganismo na valva deformada e uma de suas causas é a má conservação dos dentes.
Uma vez confirmado o diagnóstico de endocardite bacteriana, segundo o Dr Marcelo Braga – gestor clínico da MB Odontologia Especializada -, “é necessário manter o paciente internado por um longo período (pelo menos um mês), em uso de antibióticos endovenoso em altas doses. Em decorrência da alta mortalidade em torno de 25% , devemos ficar atentos às complicações clínicas possíveis, como agravamento da lesão valvar pré-existente, insuficiência cardíaca, embolias sépticas sistêmicas, insuficiência renal e em 35% dos casos há necessidade de cirurgia cardíaca”, explica ele.
Um fator que aumenta as chances de desenvolver a doença é a presença de cáries. Sabe-se que os procedimentos para tratamento da cárie podem causar a passagem das bactérias para a corrente sanguínea. Estas bactérias, por sua vez, podem causar endocardite em pessoas predispostas. Marcelo Braga revela, que “algumas doenças periodontais, como gengivite e periodontite, também aumentam o risco de endocardite. A gengiva deve ter coloração rosa claro, não sangrar quando escovar os dentes, não apresentar inchaço e ter boa aderência aos dentes. Se a pessoa tem algum problema cardíaco deve procurar um dentista regularmente e apresentar boa higiene oral”, comenta.
Nem todos os tipos de endocardite podem ser prevenidas. Pessoas transplantadas cardíacas precisam manter a saúde bucal e precisam do atendimento de um cirurgião-dentista especializado. Pacientes que fazem uso de anticoagulantes podem ter problemas com sangramento, em alguns procedimentos dentários, como extração de dentes, cirurgias bucais e limpeza dentária. Pessoas sem dentes correm o risco de ter essa doença, principalmente, a causada por fungos de quem usa dentadura, deve ser limpa após as refeições, usando escova e pasta dental.
O dentista deve ser procurado para avaliar as mucosas e os ossos adjacentes, através de radiografia. Ele pode descobrir, através da mesma, raízes de dentes que permanecem nos ossos, após a tentativa de extração ou mesmo pelo próprio curso da cárie, assim como algumas lesões que podem representar focos infecciosos, levando a um maior risco de endocardite e podendo até impedir a cirurgia cardíaca, caso essa seja necessária. Braga conclui dizendo que “o diagnóstico precoce e a instituição de terapêutica e acompanhamento eficaz pode reduzir o impacto sobre a história natural dos cardiopatas de risco, bem como a ainda expressiva morbi-mortalidade da endocardite bacteriana”, finaliza ele.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto das 08h às 19h

Brasil tem a 3ª maior incidência de câncer bucal do mundo

Especialista fala como prevenir o problema e suas formas de tratamento

Câncer-Bucal

No Brasil, um tipo de câncer tem chamado a atenção da sociedade: o câncer bucal. Ele é pouco conhecido, costuma ser diagnosticado tardiamente e já começa a ganhar contornos de verdadeira epidemia. Segundo o Inca, mais de 14 mil casos de câncer bucal são registrados por ano, matando mais de 4 mil brasileiros anualmente, a maioria homens. O diagnóstico precoce pode ajudar a salvar vidas. O diagnóstico precoce é essencial para que o tratamento possa ser realizado da forma mais eficiente, podendo ser feito por dois tipos de profissionais que devem acompanhar o paciente que sofre de câncer bucal, o Oncologista (especialista em câncer) e o Dentista (especialista em doenças da cavidade oral).
De acordo com o Dr. Marcelo Braga, gestor clínico da MB Odontologia Especializada, “os primeiros sintomas visíveis são: ferida que não cicatriza e manchas avermelhadas ou esbranquiçadas na parte interna da boca. Nesses casos, é bom pensar em visitar um especialista, para que ele possa dar um diagnóstico adequado. Além disso, há também os sintomas “invisíveis”, como dor na região bucal e ao engolir, mau hálito, perda de peso, ausência de paladar e sensibilidade bucal e até mesmo hemorragia e úlcera”, explica o especialista.
O fumo e o álcool estão entre as principais causas do câncer bucal. Segundo dados do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, 83% dos homens com câncer de cabeça e pescoço, aí incluído o câncer bucal, são ou foram fumantes. Dos pacientes tratados, 60% são vítimas de tumores localizados na boca e 40% na faringe ou laringe. Dr Marcelo Braga, ressalta que “é preciso estar atento aos sinais que aparecem espontaneamente ou mesmo nódulos que começam como caroços pequenos, mas que adquirem volume discreto a ponto de ser perceptível. O problema quando detectado na fase inicial, principalmente as neoplasias, têm de 80 a 90% de chances de cura.”, comenta.
Os procedimentos de tratamento, incluem cirurgia e radioterapia, porém em casos mais graves, há também a necessidade de fazer a quimioterapia. Braga destaca que dois tipos principais de cirurgias podem ser precisos nesse caso, o “Esvaziamento Cervical”, que consiste na remoção cirúrgica dos gânglios linfáticos do pescoço e a “Glossectomia”, sendo a remoção cirúrgica de toda ou parte da língua.
Contudo, a melhor forma continua sendo a prevenção. O câncer bucal, assim como outras inúmeras doenças que ocorrem na cavidade oral, podem ser prevenidas caso haja o tratamento preventivo. “Isto é, a visita periódica no dentista (de 4 em 4 meses) para realizar os procedimentos de revisão, evitando cáries e outros tipos de doenças bucais e periodontais, como o câncer bucal. O acompanhamento odontológico é crucial. Outra ferramenta imprescindível para diagnóstico precoce é o checkup preventivo digital que somente os membros do Grupo Qualidade em Saúde têm a chancela para que possa ser utilizado.”, conclui o especialista.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto das 08h às 19h

Direitos do Pacientes: Saiba, procure e obtenha seus direitos

Advogado fala sobre os direitos de pacientes que sofrem de Espondilite Anquilosante e doenças inflamatórias intestinais

imagem_release_974275.jpg

Quando falamos de direitos específicos para um grupo de pessoas, isso não quer dizer que há uma violação da igualdade. Na verdade é a efetivação do principio da igualdade. Se todos são iguais, porque o homem se aposenta com uma determinada idade e a mulher com outra? Porque a licença paternidade é um prazo diferente da licença maternidade? Porque determinadas pessoas possuem um direito que não se entende aos demais?
Por conta de dúvidas como essas e muitas outras, a Associação de Pacientes com Doenças Reumáticas do Estado do Rio de Janeiro – RecomeçAR/RJ, recebeu como um de seus palestrantes, o advogado Weberth Costa, que falou sobre os direitos dos pacientes que sofrem de Espondilite Anquilosante e doenças inflamatórias intestinais pra os associados.
Segundo Weberth Costa, os pacientes portadores de Doença Inflamatória Intestinal, diferentemente dos portadores de Espondilite Anquilosante, não possuem leis específicas. Entretanto há casos de decisões judiciais que beneficiam estes pacientes. O portador de Espondilite Anquilosante com qualquer tipo de limitação física que o incapacite de dirigir veículo comum poderá adquirir veículo especial adaptado às suas necessidades com isenção de impostos como IPI, IPVA etc. O IPI e o IOF são impostos devidos a União, então em qualquer unidade federativa haverá isenção desses impostos na compra do automóvel”, explicou ele.
Alguns direitos como saque do FGTS, não está prevista à doença inflamatória intestinal e nem a espondilite anquilosante, mas há julgados dos tribunais que liberam aos pacientes. Também há previsão na lei 7.713/88 para isenção de imposto de renda nos casos de aposentadoria  ou pensão para os casos de Espondilite. Art. 6º, XIV. Já para os casos de Doença Inflamatória Intestinal, não há previsão legal, o que há são projetos de leis, por exemplo (PL5409/05). Já o IPVA e o ICMS são impostos de competência Estadual. Então cada Estado poderá dispor da forma que quiser, isentando ou não as pessoas portadoras de incapacidade.
A previdência social concede o beneficio da aposentadoria por invalidez para quem for diagnosticado como incapaz permanentemente para o trabalho. Weberth ressalta, que “inicialmente o cidadão deve requerer um auxílio-doença, que possui os mesmos requisitos da aposentadoria por invalidez. Caso a perícia-médica constate incapacidade permanente para o trabalho, sem possibilidade de reabilitação em outra função, a aposentadoria por invalidez será indicada”, comenta. A carência é por 12 meses, a revisão é feita a cada 2 anos e o fim do benefício apenas ocorre após a recuperação da capacidade laboral.
O benefício da assistência social não é aposentadoria.  O beneficio da prestação continuada – LOAS – é pago aos idosos e deficientes que não possui, comprovadamente, meios de se manter sozinho ou com ajuda da família. O advogado ainda destaca, que “o Ministério da Saúde trouxe uma política que se chama RENAME – Relação Nacional de Medicamentos Essenciais regulamentada pela Portaria nº 3.916, de 30 de outubro de 1998. Essa lista pode ser adaptada pelos Estados e Municípios de acordo com a realidade do local. Para requer esse medicamento é necessário: cartão do SUS e receita médica com o principio ativo”, finalizou ele.

Maiores informações através dos números (21) 99188-3513 -Célia- ou (21)99625-5469 -Cátia- e também nos endereços: www.facebook.com/Recomecarrj / www.facebook.com/groups/RecomecARRJ e via email recomecarrj@globo.com.

Sendo mãe no século XXI

Saiba sete dicas fundamentais para conciliar vida profissional e maternal

imagem_release_952768.jpg

A dádiva de ser mãe não está em letras e expressões muito bem colocadas. Muito mais que gerar vidas, essa dádiva é materializada em cada gesto que conduz à paz e à esperança nas vidas que um dia esteve dentro delas. Convém deixar claro, que tanto a mãe que é profissional quanto aquela que não exerce atividade remunerada fora de seu lar são mulheres dignas de respeito, amor e compreensão.

Segundo Valéria Ribeiro, especialista em psicologia, desenvolvimento pessoal e mãe de dois filhos: “a mulher conseguiu conquistar muitos espaços, mas tem pago um preço por tudo isso. O maior preço que tem pago é na maternidade. Apesar de atrasarem a maternidade em alguns anos – normalmente após os 30 anos ou próximo dos 40 anos, para que possam estudar, se estabelecer em uma carreira e depois engravidar -, há a dúvida se será possível equilibrar vida profissional e maternidade”, diz ela.

Grande parte das mulheres decidem ter filhos, nem que seja pelo menos um, atendendo assim a algo que dizem que é biológico na mulher, gerar e dar a luz a um ser humano. A partir daí começa o desafio. “Mudanças nas nossas vidas são comuns e não deveriam ser tratadas como algo de outro mundo. A vida é feita de ciclos e cada nova fase exige de todos nós adequações, atualizações e flexibilidade. Mãe entende bem sobre tudo isso”, ressalta Valéria.

Por conta disso, a especialista oferece 7 dicas importantes para que as mamães não se sintam tão sobrecarregadas:

1. Estabeleça um tempo no seu dia para realmente estar com seu filho (que seja 15 minutos), mesmo que isso signifique uma cama desarrumada ou uma louça na pia. Este tempo será precioso para seu filho sentir que você o ama e gosta de estar com ele. Neste tempo brinque, pule, corra, converse, jogue com ele. Sorriam juntos e se divirtam.

2. Tenha um tempo para você. Se conseguir uma vez por semana, ótimo, senão verifique como isso pode entrar na sua agenda, nem que for uma vez por mês. Vá ao shopping, faça as unhas, vá caminhar ou simplesmente fique sem fazer nada.

3. Mantenha contato com suas amigas. Procure marcar encontros com outras mães e façam um café/chá da tarde ou outra atividade que vocês possam partilhar os desafios que têm encontrado no dia-a-dia na criação dos filhos. Isso funciona como uma terapia em grupo e pode ser uma excelente válvula de escape.

4. Dentro do possível, procure fazer um exercício físico. Houve um tempo que o exercício que conseguia fazer era subir e descer a escada da minha casa, fazia isso por 15 minutos, 3 vezes por semana. Ajuda muito.

5. Compartilhe as responsabilidades da educação do filho com o pai, ele fará do jeito dele e está tudo certo. O importante é inseri-lo no processo de criação como um agente ativo, mesmo que isso signifique ele fazer as coisas diferentes de você.

6. Procure aprender alguma ferramenta de gerenciamento de tempo. Saiba discernir e estabelecer o que é importante do que é urgente isso diminui a carga que o tempo nos impõe. Se você resolve mais coisas urgentes do que importante algo pode não estar indo bem.

7. E uma dica de ouro: respire, respire e respire. Nesta vida agitada temos nos esquecido de respirar e quando fazemos, ficamos presentes, oxigenamos nosso cérebro e acabamos fazendo as atividades com mais humor e consciência.

Serviço: Valéria Ribeiro

Especialista em psicologia, desenvolvimento pessoal e mãe de dois filhos

12 99121-9615

contato@filhosofia.com.br

http://filhosofia.com.br/

A sincronia entre vida pessoal e profissional

Entenda a importância desses dois parâmetros precisarem andar juntos

1-Equilíbrio

É muito comum nos dias de hoje, que as pessoas estejam cada vez mais multidimensionais e tenham mais afazeres do que tempo para realizar suas tarefas. A necessidade de ajuda profissional pela concretização de metas às vezes é inevitável, fazendo com que o indivíduo sofra pelo acúmulo de objetivos incompletos.
Por conta disso, Herica Oliveira, Life e Business Coach sentiu a necessidade do atual empreendedor e tem como foco o desenvolvimento de competências e estratégias de sucesso, motivando o indivíduo a atingi-lo e a obter os resultados desejados com maior rapidez e eficácia.
O Coaching é uma área do desenvolvimento pessoal em que através de um treino vivencial abordado de forma global, profunda e concreta é possível descobrir o “potencial de excelência” pessoal ou profissional em cada um. As áreas de intervenção são variadas:
1 – Concretização de objetivos pessoais e profissionais

2 – Autoestima e poder pessoal

3 – Tomada de decisões

4 – Gestão de tempo e produtividade

5 – Gestão de stress

6 – Situações de mudança

7 – Motivação

8 – Desenvolvimento de recursos e competências

9 – Gestão de conflitos/negociação

10 – Comunicação e gestão emocional

A especialista explica que “nossa luta é diária, podendo ser vencida com ferramentas     que as sessões de coaching oferecem, mas por não saber contra o que estamos lutando, essa briga acaba tendo um único vencedor: o concorrente. Enquanto isso, todos querem ter carreiras de sucesso, felicidade pessoal e hobbies de modo a viverem uma vida completa. É por isso que Life e Business Coaching é uma ótima opção para quem precisa reorganizar todo seu cotidiano”, finaliza ela.

Serviço: Herica Oliveira

Business Coach 

Fone 21 982227641

Site www.coachericaoliveira.com.br

 

Empreendedores do século XXI

Especialista revela fatores cruciais para o crescimento empresarial

56b8aaa55e6eb

Numa visão mais simplista, podemos entender como empreendedor aquele que inicia algo novo, que vê o que ninguém vê aquele que realiza antes, aquele que sai da área do sonho, do desejo, e parte para a ação. Considera irresistíveis os novos empreendimentos e propõe sempre ideias criativas, seguidas de ação. A autoavaliação, a autocrítica e o controle do comportamento são características do empreendedor que busca o autodesenvolvimento. Não basta tirar um projeto do papel para caracterizar um negócio. Para isso é necessário um fator diferente: a inovação.
Segundo a coach e empreendedora Herica Oliveira, “o contexto econômico e social favorece esse perfil profissional, pois o empreendedor é um empresário com um perfil distinto, atento às novas tendências, preocupado com soluções inéditas e que busca explorar campos de atuação carentes de atendimento e com excesso de demanda”, comenta. Aqueles que possuem e desenvolvem esse tipo de característica conseguem se destacar dos potenciais concorrentes.
Atualmente, há aproximadamente 1,5 milhão de microempreendedores individuais no Brasil. Em 2014, conforme publicou o portal da revista EXAME, a taxa de empreendedorismo no mesmo índice foi de 34,5%. Naquele ano, o Brasil esteve oito pontos à frente da China. Portanto, Herica ressalta “para que esse cenário de liderança se amplie ainda mais, três fatores que existem em países desenvolvidos precisam ser otimizados no país: formação educacional, auxílio governamental e oportunidade de investimento”, explica.
De acordo com pesquisas, ter seu próprio negócio só perde como maior sonho do brasileiro para as intenções de ter uma casa própria e de viajar pelo país. “Momentos como o atual traz incerteza para todos. Com a economia em recessão, o aumento do desemprego e a diminuição do poder aquisitivo da população balança todos os setores da economia. Porém, geralmente, os principais prejudicados são os setores mais tradicionais e as empresas maiores. Os empreendedores e novas empresas têm tudo a ganhar. Empreender faz parte do sangue brasileiro”, finaliza a especialista.

Serviço: Herica Oliveira

Business Coach 

Fone 21 982227641

Site www.coachericaoliveira.com.br

 

Como não sufocar numa gravidez não planejada

Coach de alta performance dá dicas para não permitir que a frustração tome o espaço

176775304

Imagine você com tantos planos para os próximos anos e repentinamente descobre uma gestação que não estava nos seus planos imediatos e algumas vezes nem futuros. A gravidez não planejada pode se tornar um momento de imensa culpa para o casal e mesmo apenas para a mulher que está grávida. Embora saibamos como a gravidez possa ser evitada, deslizes acontecem e, mesmo não acreditando que logo conosco, logo naquela transa irá resultar consequentemente em uma nova vida, ela vem e com tudo!
Segundo a coach Shai Porto, “a chegada de um bebê naturalmente altera a rotina de toda a família, principalmente a da mãe, sendo motivo de ansiedade. No caso da gravidez não planejada, ela vem acompanhada de uma série de impactos negativos, tanto para a grávida quanto para a criança. Porém, nem tudo está perdido num momento delicado assim, não é o fim”, comenta ela.
Bebê a bordo, é hora de aproveitar e curtir o momento, sem grandes traumas. O astral lá em cima vai trazer benefícios para você, para o seu parceiro e para quem está chegando ao mundo. O importante é que o casal siga as orientações do médico e curta a gravidez como um momento tão especial. A química entre o ideal psicológico e o clínico vai proporcionar uma gestação tranquila e saudável para a mamãe e o bebê.

A especialista destaca dicas cruciais para o sucesso da maternidade surpresa:
1. Converse! É preciso firmar acordos para acertar o lugar deste bebê nas vidas, desejos, escolhas, prioridades, planos e sonhos do casal.
2. Agora, planeje, se o seu caso for o de uma mãe solteira, bola para cima, você é muito capaz;
3. Ninguém pode dar o que não tem. Cada um deve estar ciente do quanto tem disponível de força interna para oferecer, primeiro, a esta relação e agora a esta criança;

4. O que torna tudo isso o mais tranquilo possível é ter clareza de si mesma, de seus desejos e possibilidades, para, de posse disso, poder seguir neste desafio;
5. Aproveite esse momento. Muitas mulheres que passam pela gravidez não planejada, não se permitem se sentir mães por amor e se tornam mães frias criando filhos sem objetivo nenhum, passando essa negatividade para a personalidade da criança.
6. Ser mãe solteira não é vergonha. Você não carrega uma carga que não consegue suportar. Ser mãe, vai muito além de ser mulher.
Shai Porto ressalta, que “é muito importante lembrar que os sentimentos ao longo da gravidez irão se acertar. Conforme a gestação avança, os sentimentos de aceitação irão aparecer e isso, em consequência do amor de mãe que aflorará naturalmente. Não se sinta culpada por se sentir mal, acredite, não será a primeira e nem a última mulher a enfrentar a gravidez não planejada. Por fim, não há benção maior do que a chegada de uma nova vida”, conclui a especialista.

Serviço: Shai Porto

Coach de Alta Performance
coach@shaiporto.com

https://www.shaiporto.com/

Como comunicar na era dos Influenciadores digitais é o tema do 19º Reinventar dia 29 na ABI

Evento traz Caio Braz, Marcio Gonçalves e Claudia Belém para discutir o poder desses novos comunicadores e como as marcas se relacionam com eles

Foi-se o tempo em que apenas artistas e raros jornalistas eram considerados “formadores de opinião” e determinavam o que era tendência. Pessoas aparentemente comuns, que emergem das redes sociais, estão influenciando a opinião e a decisão sobre o consumo de milhares de usuários na internet. Muito além das mídias tradicionais, dos sites e blogs, os influenciadores digitais ditam tendências e impõem um novo desafio à comunicação.

Muitos ainda reagem e se questionam sobre o tipo de conteúdo disseminado pelos ‘influencers’. Outros não sabem muito bem como lidar com esses novos comunicadores. Mas como jornalistas e demais profissionais de comunicação podem ‘surfar essa onda’ e se apropriar desse novo processo na reinvenção da profissão? Como assessores de imprensa podem se relacionar melhor com os influencers e trazer os melhores resultados para seus clientes? Para responder estas e outras questões, o 19º Encontro Reinventar JornalistasRJ destaca o tema “Como comunicar na era dos influenciadores digitais?”.

O bate-papo será realizado na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no dia 29 de junho, das 10h às 13h, e traz como convidados o influencer Caio Braz, apresentador de televisão, consultor de moda, professor e publicitário; a jornalista Claudia Belém, diretora da Febre, agência de comunicação especializada em cultura, e o professor Marcio Gonçalves, doutor em Ciência da Informação, professor universitário de cursos de graduação e de pós-graduação e líder do projeto Aula Sem Paredes.

A roda de conversa é apresentada pela jornalista e blogueira Rosayne Macedo, idealizadora e coordenadora da Rede Reinventar JornalistasRJ, e mediada pelo cineasta, teatrólogo e jornalista Jesus Chediak, diretor de Cultura da ABI e da Casa França Brasil. A programação é aberta a jornalistas, estudantes e profissionais de Comunicação e Jornalismo. As vagas são limitadas e as inscrições são gratuitas.  Os interessados devem levar uma colaboração para o café com networking compartilhado e doações para o projeto Repórteres do Bem, que visita instituições beneficentes no Rio.

“A parceria da ABI com o Reinventar JornalistasRJ e suas múltiplas atividades vem ao encontro do objetivo central da minha diretoria que é a revitalização cultural da nossa instituição. É de extrema importância se acolher aqui atividades que preservem e reforcem o status de dimensão nacional conquistado, historicamente, pela Casa do Jornalista”, afirma Chediak.

Saiba mais sobre os convidados

Caio Braz, de 26 anos, apresentador do GNT Fashion às segundas, às 21h30, no GNT, com suas matérias divertidas sobre comportamento, moda e estilo, vai contar os segredos que o levam a ter 119 mil seguidores no Instagram, 99.829 no Facebook,  73 mil no Youtube e 13 mil no Twitter.

A jornalista  Claudia Belém trabalhou 13 anos em O Globo como repórter, chefe de reportagem e editora.  A diretora da Agência Febre, empreendedora há 12 anos, dará dicas sobre estratégias para ativar influenciadores digitais que atinjam os públicos de seus clientes.

Márcio Gonçalves, doutor em Ciência da Informação pela UFRJ e mestre em Ciência da Informação pela UFF, analisará para onde caminha a mídia na era dos influenciadores digitais. Márcio cunhou a expressão “content influencer”, que já é usada para designar os influenciadores com conteúdo jornalístico de qualidade.

Assédio das marcas

De acordo com Rosayne, os influenciadores digitais se tornam verdadeiras celebridades da web e são assediados por muitas marcas. “Seja pelo conteúdo relevante que geram, seja pelas atitudes, comportamentos e dicas que passam, eles influenciam milhares de seguidores e ajudam a popularizar marcas. Um prato cheio para assessores de imprensa e profissionais de marketing”, explica.

Os influenciadores se firmam como profissionais de um novo mercado que pode – e deve – ser ocupado cada vez mais por jornalistas e profissionais de comunicação. Mas é possível um jornalista se transformar em influenciador, mesmo não estando ligado a um grande veículo? Como se tornar também um influenciador, ganhar seguidores e encarar a atividade como uma nova oportunidade? São questões como estas que o Reinventar pretende debater.

Pesquisa YouPIX / Influencers Market 2016, realizada em parceria com a GFK e a Airstrip, que mostra que 40% dos influenciadores digitais com mais de 1 milhão de fãs são mulheres, 2% geram 54% das interações nas redes, postagens identificadas como patrocinadas recebem 25.3% menos comentários, 12.7% menos likes e 83% menos shares.

“O que mais importa para as marcas na hora de contratar influenciadores é sua relevância junto à audiência que lhes interessa, o que não tem a ver só com números. Queremos entender isso tudo e, sobretudo, como podemos nos reinventar como comunicadores na era dos influenciadores digitais”, acrescenta Rosayne.

Sobre o Reinventar JornalistasRJ 

Originária de um grupo no Facebook, o JornalistasRJ, com mais de 10,7 mil perfis, a Rede Reinventar JornalistasRJ surgiu em outubro de 2015, a reboque das demissões em massa e fechamento de alguns veículos no Rio de Janeiro, para repensar o papel do jornalista e buscar saídas pelas vias do empreendedorismo, da inovação e da capacitação.

Passou a reunir jornalistas e profissionais de diferentes posições, muitos já empreendendo e buscando novas oportunidades e parcerias. Desde então, promoveu 18 encontros, a maioria deles na Associação Brasileira de Imprensa (ABI), e vários outros eventos, cursos, palestras e atividades, contando com mais de 70 palestrantes. A rede já reúne mais de 1.500 participantes, com canais no Facebook, Instagram, Twitter e Whattsapp.

Serviço: 19º Encontro Reinventar Jornalistas RJ

Tema: Como comunicar na era dos influenciadores digitais?

Local: Associação Brasileira de Imprensa (Rua Araújo Porto Alegre 71, 7º andar – Centro, RJ)

Data: 29 de junho de 2017, quinta-feira

Horário: 10h às 13h

Inscrições: Gratuitas e limitadas (com prioridade para jornalistas e profissionais de Comunicação) pelo link https://goo.gl/forms/e1TGsfBLF0Rkryc02

Obs: Pedimos contribuições para o café com networking compartilhado e doações s Repórteres do Bem

Eu estava lá no último e estarei sempre. Muito bom estar entre os meus.

Rede Reinventar JornalistasRJ

reinventar.jornalistasrj@gmail.com

Facebook: https://www.facebook.com/reinventar.jornalistasrj

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UC4Zw8Ie8oeq-YKrDroC2GHA

Instagram: https://www.instagram.com/reinventar.jornalistasrj/?hl=pt-br
Twitter: https://twitter.com/Reinventar_Jor

Procrastinação: descubra se você a pratica

Especialista revela o que é essa palavra que poucos conhecem, porém sempre praticam

imagem_release_942761

A palavra difícil vem do latim procrastinare e quer dizer, literalmente “a frente de amanhã”, ou seja, empurrar com a barriga, deixar para amanhã o que pode e deve ser feito logo. Esse comportamento pode ser muito prejudicial ao longo do tempo, pois gera ansiedade, frustração, uma coleção desculpas e mentiras. Geralmente ela surge inocentemente, de alguma atividade que o indivíduo tem que fazer, mas não quer, é chata ou com longo prazo para cumprir. Isso pode se instalar no indivíduo e se tornar um hábito.

A coach de Alta Performance, Shai Porto, relata que já teve um cliente que tinha prazer em procrastinar, ao mesmo tempo que isso o incomodava e impedia de crescer profissionalmente. Ele era um advogado competente que saiu do zero e abriu seu próprio escritório no centro do Rio de Janeiro, trabalhando por conta própria e com prazos confortáveis, também terminando uma especialização na área do direito em que atuava. Quando ele iniciou o processo de coaching, buscava o motivo de não conseguir organizar sua agenda, ganhar mais clientes e entregar seu TCC. Descobriram na primeira sessão que ele tinha Procrastinação Aguda Grave (PAG) . Ele deixava todos os prazos para o último dia e ainda ficava pensando neles todos os dias, mas não sentava para produzir. Isso o impediu de entregar o TCC no prazo. Foi criado então um método anti-procrastinação especificamente para ele, pois a procrastinação se instala e para sair precisa-se de força de vontade e ajuda. Até a décima sessão o TCC estava na banca examinadora, conta Shai.

O fato de alguém descobrir que procrastina em determinadas áreas da vida, quais são os seus pontos fracos, objetos de distrações e por onde pode começar a mudança já são grandes aliados nessa luta. Mas a especialista ressalta três super-antídotos:

1 – Faça listas do que você tem que fazer e estabeleça prazos curtos para realizar: as listas vão dar uma limpada em sua mente, fazendo com que as tarefas não fiquem armazenadas no seu arquivo mental, impedindo a oxigenação de ideias, atenção e foco e outros afazeres e os prazos curtos vão impedir a afobação de deixar para a última hora.

2 – Estabeleça uma mini-recompensa para cada meta alcançada sem procrastinar: Elas vão “dizer” para seu cérebro que vale a pena fazer tudo logo.

3 – Se comprometa com amigos – Pelo simples fato de ter alguém ao seu lado, que vai te impulsionar e muitas vezes puxar a orelha com carinho, te ajudará a ligar o alerta da prontidão.

Ainda segundo Shai, “quando se deixa levar pela procrastinação, muita angústia e estresse pode lhe tirar a paz. A dor do procrastinador não é a de ter falhado, mas a de nem ter tentado. Não é simples mudar um hábito como esse, mas é perfeitamente possível e gratificante. É como se uma bola de ferro saísse dos seus pés e você se visse livre e em paz”, finaliza a especialista.

Serviço: ShaiPorto

Coach de Alta Performance
coach@shaiporto.com

https://www.shaiporto.com/

Quer passar num concurso público ou exame? Use o método MPETE®

O maior dom é o de aprender, pois tudo que somos e sabemos fazer veio de nossa faculdade de aprender

imagem_release_909085.jpg

Após anos de jornada em busca de sua verdadeira vocação, Charles Rezende descobriu o que mais ama e sabe fazer de melhor: ensinar e inspirar​. A partir daí encontrou seu propósito de vida: Formar vencedores!

​Seus cursos e treinamentos já ​impactaram milhares de pessoas em todo o Brasil, auxiliando-as a atingirem suas metas pessoais e profissionais.

Pioneiro e referência em coach e em processos de aprendizagem, Charles acumula mais de 10 horas de atendimento individual​ em quase 15 anos de experiência como professor e coach, sendo o coach de concursos com mais horas voo do Brasil. Criou e sistematizou​ um método de estudo, baseado no desenvolvimento das técnicas que aprendeu para passar no vestibular de filosofia da UFMG e também em mais de uma década de pesquisa teórica e prática que realizou. O método chamado MPETE® (Motivação Planejamento Estratégico e Técnicas de Estudo) já auxiliou milhares de pessoas a obterem alta performance nos estudos e aprovação em vestibulares e concursos de todos os tipos, desde nível médio até Juiz Federal.

Com uma presença marcante e versatilidade, Peterson é inovador, cheio de energia e dotado de uma mente afiada, capaz de ver além das aparências. Os padrões impostos pelo mundo o incomodam, o desafiam e o instigam.

Charles gosta de viver com intensidade, busca decifrar diariamente o mistério chamado vida e acredita que cada acontecimento é uma chance de aprendizado, de treinar alguma habilidade ou virtude. Ele tem cumprido sua missão com obstinação: auxiliar as pessoas ​a

encontrarem seu verdadeiro propósito de vida;​ ​a construírem uma carreira ​na qual se sintam realizadas​ e ​a conquistarem sua ​liberdade financeira​, a fim de que possam viver uma ​vida plena.​

Autodidata, curioso e entusiasta, Charles aprendeu e aprende muita coisa por conta própria: de instrumentos musicais a funcionamento cerebral. Ele ensina que cada um de nós tem a capacidade de realizar todos os seus sonhos! Acredita que nosso maior dom é o de aprender, pois tudo que somos e sabemos fazer veio de nossa faculdade de aprender. Por isso nomeou tal capacidade humana como “O dom da vitória”. Não é à toa que seu lema de vida é: “aprender é essencial para o sucesso”.

Por isso, se você quiser passar em um concurso público ou em algum exame importante, como o da Ordem dos Advogados, por exemplo, estude o método MPETE (Motivação Planejamento Estratégico e Técnicas de Estudo) que pode ser encontrado no site de Charles na internet:  www.charlespeterson.com.br 

 

Charles Peterson Rezende 
Coach – Trainer –  Empreendedor
 
(31) 995.106.100
(31) 3234 5505

A importância de deixar os homens serem pais

A maioria das mulheres acreditam que são as maiores responsáveis pela criação dos filhos e ofuscarem o trabalho dos pais

imagem_release_912552.jpg

Ainda que um filho seja responsabilidade de ambos os pais, pela capacidade atribuída à mulher de gerar um bebê, a sociedade acaba passando todas as dúvidas e preocupações para a mãe e deixam com o que o pai fique em segundo plano. Esses pais adquirem características diferentes quando o assunto é a criação dos filhos. A psicóloga Carla Ribeiro diz que, na maioria das vezes, a própria mãe acaba fazendo com que o papel do pai seja menos visto, pois o feto está em desenvolvimento dentro do seu corpo. “E isso não é verdade”, diz.

Segundo a especialista, esse comportamento da mulher é prejudicial à relação com o pai da criança e, principalmente, ao bebê. “Alguns pais veem a necessidade de responder prontamente as questões referentes ao bebê juntamente com a mãe, mas a maioria acredita que a mãe é o personagem mais importante. A mulher já pode até nascer com o instinto materno, mas o pai também pensa muito sobre as necessidades que a criança terá em relação ao seu papel de pai e os homens modernos querem desenvolvê-lo”, explica.

O homem que tem o interesse de cuidar do bebê juntamente com a mãe desenvolve inúmeras habilidades. É nesse contato que ele tem a chance de aprender a cuidar da criança de maneira responsável, com delicadeza e sutileza, já que se trata se um ser tão pequeno e frágil. “A relação do bebê com o pai ensina muitas coisas também, na convivência, a ter paciência, tolerância, pois o bebê chora de madrugada, sente cólica, adoece, ou seja, precisa da dedicação integral dos pais durante 24 horas do dia”, aponta Carla.

Ter uma relação saudável com o pai também previne que a criança não desenvolva e cresça com diversos complexos, por ser muito dependente da mãe. “A criança cresce aprendendo que a figura masculina e feminina tem uma diferença considerável. A figura da mulher, como mãe principalmente, é vista como o ser que oferece o corpo para o desenvolvimento e o alimento para o crescimento da criança, que desenvolve uma ligação muito grande com essa mãe. A amamentação natural possibilita apenas à mulher esse contato com o filho, que também pode acontecer com o pai, ao amamentar com a mamadeira, ou participar juntamente com a mãe nesses momentos de amamentação, pegando na mão da criança, fazendo carinho e pelo toque, por exemplo, a criança percebe que existe uma terceira pessoa, que é o pai. O pai também deve fazer atividades com o bebê para que a criança perceba que essa necessidade e dependência que tem com a mãe, acaba com o tempo. Isso irá moldar um adulto independente, seguro de si e forte emocionalmente”, explica a psicóloga.

Carla conclui, dizendo que é preciso permitir a entrada desse pai na vida do bebê e na relação com ele. “A mulher tem a ideia errônea de que ela sabe fazer tudo melhor, o que gera nela um estresse, cansaço e esgotamento maiores, que acaba passando para o casamento e para o bebê também. O pai tem a mesma preocupação que a mãe. “Infelizmente não é um movimento de todos, pois os próprios pais se deixam inibir pelo pensamento imposto de “a mulher faz melhor”, mas não tem quem faz melhor, e sim quem quer fazer”, afirma a profissional.

Serviço: Carla Ribeiro

Psicóloga Clínica e Hospitalar voltada para Saúde do Homem

caribeiro.psi@gmail.com

https://www.facebook.com/psicologacarlaribeiroRJ

 

A importância do Pilates na melhor idade

Especialista revela que pesquisas apontam grandes vantagens ao idoso praticante de Pilates

imagem_release_942488.jpg

A terceira idade é uma etapa muito bonita da vida de qualquer pessoa, onde se adquire muita vivência e maturidade, mas infelizmente, o envelhecimento é acompanhado do declínio de variáveis físicas, como força, flexibilidade, equilíbrio, agilidade, velocidade, potência, coordenação, massa muscular e densidade mineral óssea etc.
O número de idosos cresce a cada ano e estima-se que em 2060, o Brasil terá quatro vezes mais idosos. Segundo Ana Gil, proprietária do Espaço Ana Gil e autora do livro Core & Training: Pilates, Plataforma Vibratória e Treinamento Funcional “é necessário estar preparado para essa realidade e a responsabilidade é de todos, em especial família, órgãos públicos e profissionais da área da saúde, visando melhoria e prevenção de afecções, proporcionando saúde e qualidade de vida aos idosos”, explica ela.
Dentre muitas atividades, o Pilates tem gerado grandes benefícios à terceira idade. Este método que conquistou o Brasil há aproximadamente 20 anos, tem sido foco de muitas pesquisas proporcionando desenvolvimento. Portanto, Ana ressalta, “é praticamente um consenso entre os profissionais da área da saúde que um estilo de vida ativo é fator determinante para um envelhecimento com qualidade”, finaliza ela, destacando os principais benefícios aos praticantes:

  • – Redução de dores e desconfortos;
  • – Prevenção de lesões musculares e articulares;
  • – Aumento da força, flexibilidade e estabilidade articular;
  • – Melhoria da coordenação, agilidade e equilíbrio;
  • – Prevenção de incontinência urinária;
  • – Auxílio no tratamento da osteoporose;
  • – Aumento da resistência para as atividades do dia a dia.

 

Ana Gil

  • Graduada em Fisioterapia (IBMR)
  • Pós-graduada em Anatomia Humana e Biomecânica (UCB)
  • Especialista em Reeducação Postural Global – RPG (Instituto PhilipeSouchard)
  • Mestre em Educação Física (EEFD/UFRJ)
  • Autora do livro Core & Training: Pilates, Plataforma Vibratória e Treinamento Funcional (Editora Ícone)
  • Proprietária do Espaço Ana Gil: clínica de fisioterapia, estética e Pilates na Barra da Tijuca
  • Docente de cursos de pós-graduação Lato sensu da UCB, UCP, UNIRN
  • Professora de cursos de capacitação e palestras de grandes eventos e instituições em todo o Brasil.
  • Espaço Ana Gil: 21 2439-8600 / 98173-9765
  • Site: http://www.espacoanagil.com.br
  • E-mail: ana@espacoanagil.com.br
  • Fanpage e Instagran: @espacoanagil

A diabetes e o implante dentário

Especialista esclarece dúvidas de pacientes com o problema

imagem_release_954527.jpg

Os implantes dentários são suportes ou estruturas de metal (normalmente de titânio) instalados cirurgicamente no osso maxilar ou mandibular abaixo da gengiva para substituir as raízes dentárias. Uma vez colocados, permitem ao dentista montar dentes substitutos sobre eles, por conta disso, muitos tem optado pelo procedimento que oferece uma estética perfeita ao sorriso evitando desgastes de dentes adjacentes.  Porém, ainda são geradas algumas dúvidas sobre a questão de pessoas diabéticas poderem realizar tal procedimento.
Segundo o Dr Marcelo Braga, gestor clínico da MB Odontologia Especializada, “o diabético é um paciente que precisa de cuidados especiais, pré e pós-operatório, então ele necessita de uma avaliação criteriosa do estado clínico e geral de saúde e através de exame de imagem para verificar a possibilidade da instalação do implante. Portanto, se o paciente for diabético mas tiver um nível normalizado de glicose no sangue ele é um paciente apto ao tratamento, porém se for um paciente descompensado sem controle da glicemia, o tratamento é contra indicado, pois é cientificamente provado que o alto nível de glicose no sangue dificulta a cicatrização e pode causar doenças periodontais”, explica o especialista.
No que diz respeito à implantologia (Implantes Dentários) nos pacientes diabéticos, estudos publicados muito recentemente indicam-nos que embora níveis de glicemia elevados não permitam as melhores condições para a osteointegração dos implantes dentários, a taxa de sucesso de implantes osteointegrados ronda os 97,3 %. Portanto, níveis controlados de glicemia favorecem uma normal cicatrização e osteointegração dos implantes dentários, seguindo o mesmo protocolo de um paciente não diabético.
O especialista conclui, “que apesar de a diabetes ser um fator de risco na Doença Periodontal e na Doença Perimplantar, o paciente quando acompanhado profissionalmente, reúne todas as condições necessárias para um tratamento de reabilitação oral com total segurança, eficácia”, finaliza ele.

Serviço: MB Odontologia Especializada

Dr. Marcelo Braga

Gestor Clínico

(21) 3561-7393

@mbodontologiaespecializada

https://www.facebook.com/mbodontologiaespecializada

http://www.marcelobragaodontologia.com.br

Av. Presidente Vargas 633 Grupo 1508-1509, Centro, Rio de Janeiro/RJ.

Aberto agora das 08h às 19h

Promotores do AMOR

Quando boa vontade e excelência se tornam profissão

imagem_release_942885.jpg
Há quem diga que os aspectos do amor são o cuidado e suas diárias demonstrações. Mas e quando amar vai além de um tempo determinado, para a vivência completa de um único propósito? Portanto, profissionalizar-se e buscar conhecimento na área é a melhor escolha para quem não quer dedicar apenas um tempo, mas uma vida inteira.
Foi pensando nisso, que a empreendedora Herica Oliveira se tornou uma das proprietárias da Equipe de Saúde Dila Oliveira que funciona como uma agência de cuidadores de idosos e todo o tipo de pessoas com necessidades especiais. Além de oferecer profissionais capacitados para as funções do amor, a empreendedora tem recebido ótimos resultados do curso de cuidador.
Com uma ótima qualidade em atendimento e a satisfação da clientela, Herica tem investido no crescimento didático de sua empresa. No curso profissionalizante, além da teoria há estágio em laboratório e também diretamente com os pacientes. Com preços acessíveis e carga horária relevante, a Equipe Dila Oliveira utiliza além do amor pelo cuidar, a disponibilidade em ensinar o outro a cuidar com excelência.
Segundo Herica, “é satisfatório profissionalizar pessoas dispostas e amantes da enfermagem. Pois, além do vínculo afetivo que precisa ser criado com cada paciente, possuem verdadeira satisfação pela profissão. Embora seja um dever se doar ao outro, é uma honra proporcionar o bem-estar dos pacientes através da capacitação”, diz ela.
O curso é aplicado em módulos, com carga horária de 40 horas, através de aulas teóricas, práticas presenciais e atividades em grupo. O profissional atuará no cuidado de pessoas com necessidades no domicílio ou nas instituições, promovendo o bem-estar, o cuidado da saúde, da alimentação e do ambiente. Incentivando atividades de cultura e lazer, acompanhando em consultas médicas, passeios, viagens e férias. O interessado precisa ter acima de 18 anos e ensino fundamental.

APLICAÇÃO

  • Habilidades básicas e específicas da profissão; Cuidador de idoso;
  • Estatuto do idoso – Lei 10.741/03;
  • Etiquetas básicas, saúde e higiene pessoal;
  • Ética profissional;
  • Psicologia do idoso;
  • Prevenção de acidentes;
  • Nutrição, alimentação, medicação e bem estar;
  • Doenças do idoso – Alzheimer, AVC, Mal de Parkinson, e outros;
  • Emergências.

Serviço: Dila Oliveira

Casa de Idosos

Endereço: Rua Cardoso de Morais, 61 – Bonsucesso, Rio de Janeiro – RJ.

Telefone: (21) 2270-6094 – (21) 3884-1486 / (21) 9845-81489

contato@dilaoliveira.com.br

http://dilaoliveira.com.br/contato/

Especial dia das Mães ” um momento de paz”

imagem_release_945986

O escritório Giselle Farinhas SIA realizou mais um evento de conscientização social, desta vez sobre a importância da maternidade na sociedade, no qual reuniu diversos especialistas dentre advogados, psicólogos, sexóloga, consultores financeiros e empreendedores. A confraternização teve a intenção de informar a sociedade a respeito do papel fundamental da mãe na promoção da paz social. Além das palestras informativas, forão sorteados brindes e lanche para os convidados ao final. A violinista Mariana Doralinda  tocou no evento.

Programação

• 14:00 h – Abertura do evento
dra. Giselle Farinhas (fundadora do escritório)
• 14:02 h – Bate-papo com convidadas “As multifacetas da mãe moderna”
dra. Alyne Bonomo (sexóloga); dra. Gracia Barradas (presidente da OAB Mulher Méier) e convidada especial OAB Barra
• 14:10 h – Palestra – A mãe empreendedora
dra. Katia Teixeira (Empresária – Programa “Agora é que são elas”)
• 14:20 h – Palestra – Os Direitos básicos da mãe no trabalho
dra. Priscilla Silva (advogada especialista em direito do trabalho)
• 14:30 h Palestra – O direito de ser mãe
dra. Giselle Farinhas (advogada)
• 14:40 h Palestra – A importância da proteção financeira para mães e filhos
dr. Leonardo Antunes (life-planer Prudential)
• 14:50 h – Mensagem especial para as mães
Dr. Ottoni Neto (juiz de paz TJ/RJ)
• Surpresa para os convidados
• Sorteio de brindes – Mary Kay (Maquiagem), Oil Constrói (Construtora) e Ádama (Cosméticos)
• Abertura do coquetel – Participação especial Priscilla Sava c/ doces especiais para noivas
• Atração cultural : Mariana Doralinda (violino) com dedicatória especial para as mães
Data: 13.05.2017 Horário: 14:00 Local: Vision Offices (av. embaixador abelardo bueno, n.3500, subsolo) Entrada: 1 kg de alimento não perecível Dress Code: branco e azul.

imagem_release_945991                  Giselle e a Assessora de imprensa Verônica Pacheco

Bruno Chagas, avaliou a mordida cruzada da ex-panicat Babi Muniz

O cirurgião buco maxilo facial fará atendimentos em São Paulo uma vez por mês

imagem_release_945956

Na última segunda-feira (15), o carioca e conceituado cirurgião Buco Maxilar Bruno Chagas avaliou a ex-panicat Babi Muniz. O procedimento pretendido pelo cirurgião tem o objetivo de alinhar a mordida cruzada da arcada, geralmente causada por um subcrescimento da maxila, o que faz com que os dentes superiores não cubram corretamente os inferiores. O mesmo efeito acontece quando há um crescimento maior que o esperado dos ossos da mandíbula trazendo sérios problemas de saúde bucal, como o bruxismo, fratura e perda de dentes, retração da gengiva e comprometimento das articulações da boca.

Especializado internacionalmente com a mais sofisticada tecnologia odontológica e com seus mais de 64.000 seguidores nas redes, o especialista, além de expandir seu trabalho tem gerado grande satisfação entre seus pacientes. Diante disso, Bruno, que é de Campo Grande (RJ) realizará atendimentos uma vez por mês em São Paulo e já tem pretensões significativas para o futuro.

Serviço: Dr. Bruno Chagas

Cirurgião Buco Maxilo Facial

https://www.facebook.com/cdfrio/?fref=ts

@cdfrio

(21) 2161-0948

cdfriodejaneiro@gmail.com

http://www.cdfrio.com.br

Rua Augusto de Vasconcelos 544, sala 466 – Campo Grande, Rio de Janeiro.

A mulher moderna e suas mil e uma utilidades

Descubra a forma inteligente de cumprir as tarefas sem perder a pose

WhatsApp Image 2017-04-27 at 10.39.31

É cada vez mais do conhecimento da maioria, que a mulher vem ganhado espaço na sociedade, pelo fato de trabalhar fora, ajudar financeiramente com as despesas domésticas e ainda assim conseguir ser esposa, mãe e dona de casa. Diante disso, há uma parcela que se descuida, permitindo que o cotidiano vença e jogue no lixo seus sonhos e a famosa autoestima.
Por conta disso, três amigas que se conheceram na formação de Coaching, se juntaram e criaram o DONA – Women’s Empowerment (Capacitação de Mulheres). A empresa tem o objetivo de resgatar o poder e a identidade de ser mulher para que elas aprendam a lidar com seu dia-a-dia cansativo sem perder o foco e descer do salto. As coaches Herica Oliveira, Elaine Siston e Shai Porto, especializadas em empreendedorismo, finanças e alta performance tem como foco mostrar novos caminhos para essas mulheres e trazer de volta a essência de cada uma, fazendo com que elas redescubram que podem ser felizes e completas.
Foi pensando nisso, que as idealizadoras do DONA vão promover um evento de empoderamento feminino numa universidade carioca. O evento será realizado neste sábado, 06/05, das 08:30 às 16:00, na UNISUAM, localizada na Av. Paris 84 – Bonsucesso.

Os ingressos podem ser adquiridos através do link: https://www.eventbrite.com.br/e/dona-women-s-empowerment-tickets-33229291706

Confira também um aperitivo do que será esse dia especial na fan page https://www.facebook.com/ProjetoDona/?ref=bookmarks
SEJA DONA DA SUA HISTÓRIA!

Descubra o que está por trás da escolha da sua profissão!

Conheça as seis necessidades humanas que guiam e determinam suas ações e escolhas

profissões
Mais um ano se inicia. Período em que a maioria das pessoas se pega questionando e refletindo sobre suas decisões e os passos que têm dado em suas vidas. O que poucos sabem é que cada passo, pensamento, comportamento e atitude trazem consigo a necessidade de atender a pelo menos um dos itens que compõem o quadro de necessidades humanas, que guia a vida de todas as pessoas. É o que explica a coach de Inteligência Emocional e Headtrainer, Inessa Franco.

Segundo a especialista, essas necessidades, presentes em todos são as verdadeiras responsáveis por guiar e mover a vida da pessoa, mesmo que a mesma não tenha a plena consciência disso. “A forma como cada um busca atender essas necessidades está diretamente relacionada ao seu sistema de crenças, de valores e com seu grau de autoconhecimento; assim como seu nível de desenvolvimento e com os veículos escolhidos para atender a determinado fim”, diz.

Com seus mais de 10 anos de experiência no trato direto com as pessoas, a especialista explica a importância de descobrir sua verdadeira vocação para encontrar o caminho da própria felicidade: “Pesquisas mostram que cerca de 70% dos brasileiros estão insatisfeitos ou infelizes com seu trabalho. Essa realidade poderia, porém, ser muito diferente se as pessoas se conhecessem melhor como indivíduos e soubessem como guiar melhor sua carreira”. Inessa explica que para alcançar a sensação de plenitude é necessário atender a todas as humanas. “Todos nós temos as mesmas necessidades, mas apresentamos uma escala de prioridades, que varia de pessoa para pessoa e são modificadas ao longo das nossas vidas, de acordo com o nível de desenvolvimento pessoal de cada um. A melhor forma de atender a todas as necessidades de uma só vez é, sem dúvida, viver com propósito”, ressalta.

A master coach explica como, antes de ajudar as pessoas em suas questões pessoais, primeiramente, precisou conhecer melhor a si mesma e modificar o rumo da própria vida: “Eu passei grande parte da minha vida tentando preencher um vazio, repetindo padrões, buscando atalhos e procurando respostas em coisas e em outras pessoas. Durante muito tempo permiti que pensamentos limitantes me direcionassem, pois achava que assim, eu estaria segura. Seguindo esse padrão, minha vida chegou em um ponto tão ruim, que não restava escolha: tive que mudar! E foi assim que encontrei minha nova profissão”. A especialista explica que encontrou no coaching a oportunidade de autosatisfação em ajudar as pessoas a superarem suas travas, para que possam ser mais felizes e realizadas. “A Inteligência Emocional é o pilar de tudo. Sem ela, o indivíduo não consegue sentir realização e felicidade. Para alcançá-la, utilizo os pilares da inteligência emocional: Sem passar pelos pilares da inteligência emocional, que são: me conheço, eu me gerencio, eu me me mobilizo, eu considero os outros, eu gerencio os outros; a pessoa dificilmente consegue os resultados que deseja”, relata.

A especialista conta que iniciou sua carreira como coach fazendo coaching para concurso e observou que a maioria das pessoas buscam o concurso público como uma forma de terem estabilidade e segurança financeira, sem pensarem em atender a um propósito de vida. “Quando o indivíduo afirma que almeja determinada profissão por uma necessidade financeira ou por estabilidade, o que ele está dizendo é que deseja atender a necessidade de controle (segurança). Essa é a necessidade humana mais rasa. Com o desenvolvimento pessoal, outras necessidades se tornam prioridades, como a necessidade de evolução, por exemplo”, explica.

Tomando como exemplo a maioria dos consurseiros, Inessa explica que muitas pessoas estão tão preocupadas com a aprovação, que não querem saber sobre propósito. E para a master coach isso é muito preocupante. “Muitos apresentam um grande desalinhamento entre seus valores e crenças, chegando até mesmo, a uma ausência de propósito de vida. O maior problema é que em algum momento, a ficha dessa pessoa vai cair e se seu sonho for distinto da carreira escolhida, a insatisfação vai ser grande. Além disso, quanto mais tarde houver esse reconhecimento, as coisas parecerão cada vez mais difíceis, pois a pessoa poderá se sentir incapaz de mudar e ir em busca do que realmente faz seu coração bater forte”, afirma.

Confira abaixo o Quadro das Necessidades Humanas, que foi desenvolvido pelo palestrante motivacional Anthony Ribbins e é atualmente seguido e aplicado por Inessa Franco:

1. Certeza – “Ter necessidade de sentir a certeza significa estar na zona de conforto, estar no controle, ter o domínio da situação e sentir segurança”, diz a master coach.

2. Variedade – Segundo a especialista, sentir certeza o tempo todo pode se tornar algo monótono. Por isso, surge a necessidade de variedade, complementando a necessidade de certeza. “Ter necessidade de sentir a variedade significa precisar de uma certa dose do desconhecido, da falta de domínio da situação e do risco em certa medida”, afirma.

3. Significado – De acordo com Inessa, a necessidade de significado, quer dizer precisar sentir-se importante e diferenciado. “Sentimos então, que fazemos a diferença e que temos um significado”, explica.

4. Conexão e amor – “Ter conexão e amor significa transmutar, trocar, preencher. A necessidade de conectar-se, amar e ser amado é inerente ao ser humano.” diz.

5. Evolução e Desenvolvimento – A master coach explica que ter a necessidade de evolução e desenvolvimento é o motivo da vida. “Essa necessidade é a noção de que, independentemente da religião, o individuo precisa evoluir e crescer, tornando-se sempre uma pessoa melhor”, explica.

6. Contribuição – Segundo a especialista, essa necessidade tem a ver com sentir-se gratificado ao contribuir de alguma forma para a vida de outra(s) pessoa(s). ”Ter necessidade de contribuição significa que aquele vazio que o indivíduo sente é preenchido quando o mesmo ajuda a outra pessoa.”, afirma.

“Viver com propósito é um dos aspectos da inteligência emocional, que ajuda a pessoa se sentir feliz e realizada. Bora Transformar!”, conclui Inessa Franco.

Inessa Franco além de master coach de Inteligência Emocional e headtrainer, é autora do Treinamento Power Self, do E-book ‘Desperte Seu Poder’, do Programa em áudio ‘Direcione Seu Dia: 7 Etapas para um dia produtivo e feliz’ e do programa Master Self ON TOP – Coaching em Grupo Online, e co-autora do livro ‘O Segredo do Sucesso Pessoal’. Além disso, a profissional está presente nas mídias sociais com seu canal no Youtube e seu perfil nas redes sociais.

Inessa Franco além de coach de Inteligência Emocional e headtrainer, é autora do Treinamento Power Self, do E-book ‘Desperte Seu Poder’, do Programa em áudio ‘Direcione Seu Dia: 7 Etapas para um dia produtivo e feliz’ e do programa Master Self ON TOP – Coaching em Grupo Online, e co-autora do livro ‘O Segredo do Sucesso Pessoal’. Além disso, a profissional está presente nas mídias sociais com seu canal no Youtube e seu perfil nas redes sociais:

Serviço: Inessa Franco

Coach de Inteligência Emocional, Propósito de Vida e Resultado e Headtrainer

You tube:   https://www.youtube.com/inessafrancocoach

Facebook: https://www.facebook.com/inessafranco

Sites: www.inessafranco.com.br ; www.direcionesuavida.com

Telefone: (21) 2143-1218

http://www.inessafranco.com.br

Av. Presidente Wilson – Centro – Rio de Janeiro, RJ – Brasil

 

Conheça a mais nova técnica que está conquistando os praticantes de atividade física

Fisioterapeuta e educador físico explicam a técnica de liberação miofascial

imagem_release_813402.jpg

A prática da musculação definitivamente modela o corpo, porém o uso excessivo dos músculos através de treinos exagerados podem, a longo prazo, causar alterações posturais e comprometimento no sistema músculo-articular. Dessa forma, com o passar do tempo, o praticante pode desenvolver lesões que o impedirão de treinar e comprometerão seu bem-estar de uma maneira geral.

Para sanar esses problemas, a Fisioterapeuta e Mestre Ana Gil, comenta o uso de uma técnica chamada liberação miofascial. “É uma técnica utilizada há muito tempo por fisioterapeutas, para diminuição de dores e correção postural. Ultimamente, vem sendo utilizada também por educadores físicos, em diferentes modalidades, pois proporciona aumento da flexibilidade, podendo melhorar o desempenho desportivo”, conta.

O procedimento é realizado pelo profissional que desliza suas mãos sobre os músculos do cliente ou com auxílio de rolos, bolas e ganchos. Há também a possibilidade do praticante realizar a autoliberaçãomiofascial, através do deslizamento do peso do próprio corpo sobre rolos e bolas. Dessa forma, aumenta a liberdade entre o músculo e a fáscia. “A miofáscia é um tecido que recobre todos os músculos do corpo e é extremamente elástica e resistente. A liberação miofascial permite que os músculos deslizem com mais facilidade durante o exercício”, completa o professor de Educação Física titular da UFRJ, Dr. Jefferson Novaes.

Para os praticantes de Pilates, a liberação miofascial só tem a acrescentar “Sempre recomendo o procedimento aos meus alunos de Pilates funcional na clínica. Pois o alongamento da fáscia permite que os músculos e tendões deslizem com mais facilidade e potencializa ainda mais os benefícios do Método. Além disso, é notória a melhora na postura e na flexibilidade”, acrescenta a fisioterapeuta.

Ana Gil explica que as consequências do procedimento são uma fáscia livre de tensões, com maior circulação e oxigênio locais “Alguns pacientes podem sentir um leve desconforto no início, mas logo passa e se transforma em um grande alívio, uma musculatura totalmente relaxada e os músculos muito mais saudáveis a longo prazo”, diz.

O educador físico ainda comenta, “Tanto a liberação quanto a autoliberaçãomiofascial precisam de acompanhamento e supervisão de um profissional, para evitar erros e garantir sua eficácia”, conclui Dr. Jefferson Novaes.

Serviço: Espaço Ana Gil

Ana Gil

Fisioterapia Ortopédica, Pilates, RPG e Estética. Pós-graduada em Anatomia Humana e Biomecânica – UCB, Mestre em Educação Física – EEFD/UFRJ.

21 2439-8600/98173-9765

contato@espacoanagil.com.br

www.espacoanagil.com.br

http://lattes.cnpq.br/6412212875798774

Av. das Américas, 2.250, sala 306, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ.

 

Insegurança: a inimiga dos grandes desafios

Descubra como aumentar sua autoconfiança diante dos desafios, de um novo projeto ou de uma prova importante

imagem_release_906843

É comum se sentir inseguro perante mudanças e desafios, em especial, diante de alguma prova ou concurso importante. A falta de autoconfiança pode ser a pior inimiga para o êxito. Aquela dúvida constante: “Será que eu vou conseguir?”. Os pensamentos negativos: “É muito difícil”. E até mesmo a autodepreciação: “Não vou conseguir porque tem gente melhor que eu”. Esses pensamentos acabam se transformando em um ciclo vicioso, que sempre impedem de seguir adiante e obter sucesso.

O Professor de Técnicas de Estudo e especialista em concursos públicos, Charles Peterson, conta que acreditar em si próprio é o primeiro passo para a realização. Ele confessa que é procurado diariamente por seus alunos por conta da falta de autoconfiança. “É uma matemática simples: a baixa de autoconfiança se torna autodestrutiva, negativa. E quando nos tornamos confiantes, acreditamos em nós mesmos, em nossas habilidades, nos tornamos positivos. Nós sabotamos nossa autoconfiança e temos medo de confiar em nós mesmos. Mas a autoconfiança pode ser trabalhada, construída e consolidada. É um esforço que vale a pena, pois faz toda a diferença na vida”, explica o professor.

O especialista revela uma abordagem que utiliza frequentemente com seus alunos. Charles pergunta se essa insegurança é apenas em relação à prova ou concurso, ou também funciona assim em outras áreas da vida. Geralmente a resposta mais comum é que a insegurança está presente em diversas áreas. No que isso tudo tem valor? Charles explica. “Eles relatam que essa insegurança em iniciar a jornada de estudar para um concurso público existe porque é algo desconhecido no início. É como dirigir um carro: no início a insegurança reina. Mas com o tempo as coisas mudam”, explica Charles, que acrescenta, “A confiança vai crescendo gradualmente, à medida que o indivíduo enxerga que é capaz, que aquilo pode dar certo, aos poucos se torna natural e conquista a confiança no que antes temia”.

Essa analogia se encaixa perfeitamente no processo de conquistar ou aumentar a autoconfiança para qualquer desafio. “A segurança vem com a prática, com a tentativa, o erro e com a preparação. A pergunta que deve ser feita é: Como eu posso confirmar que estou dominando tal situação? É por meio de provas? Testes? Então é exatamente nesse ponto que é importante dedicar a sua atenção”, aconselha o professor. Charles ainda acrescenta que, dominando a situação, você se torna autoconfiante.

A eficácia e a autoestima são fatores que contribuem para o aumento da autoconfiança.

“A eficácia é justamente a capacidade de gerar resultados, por meio de ações concretas.”imagem_release_906845

Essa habilidade só é aprendida quando trabalhamos duro nesse desafio, até conseguirmos. E a autoestima, fundamental em todos os aspectos, está em valorizar e confiar em si próprio, acreditando na própria capacidade”, relata o especialista.

Charles ainda conta que aconselha sempre seus alunos a registrarem o que já alcançaram e também o que é importante para eles, ou seja, onde eles pretendem chegar. Botar as metas e os passos já conquistados no papel trás, além de confiança, motivação. Ele também ressalta a importância de saber seus pontos fortes e explorá-los.  “Para muitos pode ser difícil encontrar pontos fortes, porém tente até conseguir, porque isso está diretamente ligado com o fortalecimento da sua autoestima”, conclui o especialista.

A prática, a tentativa, refazer aquilo que te demonstra estar conseguindo sucesso, pouco a pouco, traz a segurança necessária.

Charles Peterson Rezende

Professor Empreendedor

www.charlespeterson.com.br

coachcharlespeterson@gmail.com

(31) 995.106.100

(31) 3234 5505

 

Como evitar a desnutrição na terceira idade

Nutricionista destaca alimentos e hábitos para melhorar a qualidade de vida de idosos

imagem_release_895850

Uma série de mudanças fisiológicas ocorrem em nosso corpo à medida que vamos envelhecendo. A estrutura orgânica, a absorção de nutrientes, o apetite, por exemplo, passam por uma série de mudanças. É normal que suas atividades entrem em perda e o ritmo de funcionamento biológico não superem os ritmos de desnutrição. A situação nutricional da população idosa do Brasil apresenta 15,9% de baixo peso. E a principal causa dessa desnutrição está na falta de ingestão de nutrientes necessários para o desenvolvimento das funções corpóreas.

A nutricionista Tathiana Ferreira explica que, à medida que a idade vai aumentando, as necessidades energéticas diminuem. No entanto, a necessidade dos nutrientes aumentam. Por esse fato, é muito importante priorizar alimentos de alto valor nutricional. “É comum que idosos deixem de comer alimentos sólidos e passem a comer os mais pastosos. Mesmo nessa fase, é importante dentro de uma dieta balanceada, trabalhar a mastigação, aliada a alimentos saudáveis”, comenta a nutricionista.

Dentre os problemas mais comuns em idosos, relacionados a uma alimentação mal estruturada, estão: a obesidade com atrofia da massa magra, diabetes, hipertensão arterial, doenças cardiovasculares, insuficiência digestiva e osteoporose.

Um importante aliado contra essa desnutrição é a vitamina C. De acordo com a nutricionista, a vitamina C é indispensável na prevenção de doenças cardiovasculares na terceira idade. Segundo um estudo realizado por 12 anos com idosos de 60 a 101 anos, a mortalidade causada por doenças cardiovasculares é menor naqueles que ingerem frequentemente vitamina C, encontrada nas frutas como morango, laranja e limão.

As doenças vasculares, diabetes e distúrbios gastrointestinais estão ligados à falta de vitamina A. E ela pode ser encontrada em alimentos como peixes, vegetais, frutas, fígado, leite integral.”, esclarece Tathiana, que acrescenta:“A vitamina E também é fundamental contra a aterosclerose. Essa vitamina está presente em cereais, verduras e legumes verdes, frutas secas, sementes e óleo vegetal.”, explica ela.

imagem_release_895851

Um ponto importante para melhorar a nutrição e a qualidade de vida dos idosos está em estabelecer horários regulares para as refeições. “O idoso precisa de maior conforto e esse ajuste de horário ajuda a fornecer maior apetite, como também energia e nutrientes”, comenta Tathiana. A nutricionista ainda ressalta que é necessário consumir bastante água para evitar a desidratação e problemas renais. “Alguns idosos, devido à incontinência urinária. não desejam beber líquidos ou não sentem sede. É fundamental que eles se hidratem constantemente”, alerta a nutricionista, que também destaca que a pratica de atividade física na terceira idade ajuda muito.

É indispensável, em todas as fases da vida, consumir alimentos de variados grupos e na consistência adequada; na terceira idade não é diferente. Com uma alimentação balanceada, a nutrição estará presente e o idoso terá uma saúde tranquila.

 

Serviço: Tathiana Ferreira

Nutricionista

Fone e Whatsapp (21) 99477-3627

thatyvieiranutri@gmail.com

https://www.facebook.com/drathatiana.ferreira?fref=ts

 

Descubra os três passos que podem te tornar rico

Coach financeiro explica o que é realmente ser rico e dá dicas de como ajustar a sua vida financeira e conseguir a tão sonhada independência

imagem_release_892955

O sonho da maioria dos brasileiros é atingir a riqueza, mas poucos realmente tomam as medidas financeiras necessárias para isso. Segundo uma pesquisa realizada pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE), em que analisa o conhecimento de conceitos financeiros, comportamentos e as atitudes das pessoas com relação ao seu dinheiro de 30 países, o Brasil ficou entre os piores colocados. Além disso, uma outra pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), afirma que 8 em cada 10 brasileiros não sabem controlar seus gastos.

Segundo o coach financeiro, Robson Profeta, infelizmente, os brasileiros não possuem nenhuma base de educação financeira e a grande maioria sequer consegue gastar menos do que ganham. “Muito se fala em ficar rico e ter muito dinheiro, mas há uma diferença. Ter muito dinheiro não é ter riqueza, se você possui também muitas dívidas. Riqueza é o poder que você tem de receber uma renda de um lugar – um patrimônio – mas que não necessariamente você precise trabalhar. Você pode até trabalhar, mas por hobbie e não por necessidade. E isso só se atinge com a independência financeira, que não acontece da noite pro dia”, afirma.

Robson exemplifica o que é independência financeira: “Vamos supor que você precise de 5 mil reais para viver e que você tenha acumulado ao longo da sua vida 1 milhão de reais. Esse 1 milhão você colocou em uma aplicação que rende 0,5% ao mês, já líquido de inflação, ou seja, 0,5% de um milhão são 5 mil reais. Então, significa que existe algum patrimônio que está pagando para você o quanto você precisa de renda para sobreviver. Isso é independência financeira. É se organizar financeiramente ao ponto de não precisar mais trabalhar. E essa organização começa em como você vai fazer para poupar aquele 1 milhão de reais”, explica o coach.

O especialista acrescenta que a chave da independência financeira é descobrir qual é o seu número para sobrevivência. “Quanto você precisa para viver bem e confortavelmente? Para poupar esse dinheiro há diversas formas de investimentos, cortes de gastos que podem ser feitos e substituições de métodos de financiamento. Mas tudo começa com a organização das finanças e, principalmente, das dívidas, para começar a quitá-las. Não é um processo rápido, mas não significa que seja difícil, muito menos impossível”, comenta.

Robson, que trabalha na área financeira há 25 anos, ao longo do seu trabalho pode perceber que existem três grupos de pessoas. “O primeiro grupo, ganhando bem ou mal, se endivida e gasta mais do que ganha. O segundo grupo, que inclui a maioria dos brasileiros, também ganhando bem ou mal, consome quase tudo o que ganha. E o terceiro grupo, composto de um número pequeno de pessoas, tem realmente um padrão de comportamento financeiro diferente e são bem sucedidas. E, o mais interessante, é que boa parte dessas pessoas que hoje são bem sucedidas financeiramente, não começaram já sendo ricas. É uma questão de hábito e consistência, que um dia acaba trazendo o retorno que você quer”, argumenta.

imagem_release_892956

O coach revela 3 passos simples para começar a trabalhar a sua independência financeira. Confira:

1. Descubra qual é o seu número: “Se você não sabe qual o seu caminho financeiro, você só está ganhando e gastando. E com isso, cria-se um péssimo hábito, que é quando se tem um aumento de salário aumenta-se, também, o custo de vida, que é o pior erro que se pode cometer financeiramente. Quando você investe, você não está deixando de gastar, você só está levando uma vida mais regrada e com foco no futuro, na sua independência financeira”, diz Robson.

2. Se conheça: “Existem quatro etapas para o autoconhecimento, que é muito importante no processo de educação financeira, pois dependente inteiramente do quão motivado você está. Descubra qual é o seu real talento, as habilidades que você adquiriu ou precisa adquirir ainda para chegar aonde quer, sua hierarquia de valores (quais são os mais e menos importantes) e conheça todas as suas inteligências. Quando você conhece todos esses itens, você tem o autoconhecimento e uma poderosa ferramenta para ficar rico”, explica.

3. Faça uma planilha de gastos: “Ter controle financeiro é muito importante e para isso, é preciso fazer uma planilha. Não gastar mais do que ganha é óbvio – embora muitos não o façam – mas você também precisa entender porque você gasta mais do que ganha e o que tem que fazer para reverter essa situação. Não adianta ter dinheiro e ter dívidas. Além disso, a planilha ajudará a organizar as suas prioridades financeiras e a visualizar o que precisa ser cortado”, conclui Robson.

Serviço:  Robson Profeta

Coach Financeiro

11  98107-1003

rp@robsonprofeta.com.br

www.robsonprofeta.com.br

RecomeçAR/RJ promove encontro em Abril

Associação RecomeçAR/RJ promove seu 11º encontro no dia 17 de abril

A Associação RecomeçAR/RJ (Associação de Pacientes com Doenças Reumáticas do Estado do Rio de Janeiro), realiza no dia 17 de abril de 2017 às 9h, o seu décimo primeiro encontro. O encontro, que ocorre mensalmente, tem por objetivo promover um trabalho de inclusão social, buscando oferecer melhores condições na socialização e conscientização entre os pacientes. O evento contará com um Simpósio de Síndrome de Sjogren – Reencontrando a qualidade de vida. Também terá a participação da Especialista em Pranaterapia, Elisabeth Ribeiro e da Terapeuta Sexual, Regina Moura. O Encontro será realizado Policlínica Piquet Carneiro, no endereço Av Mal Rondon, 381 – São Francisco Xavier. O número de vagas é limitado e a inscrição é gratuita. 

Nesse encontro também estão programas a participação dos Reumatologistas, Dr Marcelo Pacheco e Dra Carla Gottgtroy, da Dentista, Dra Claudia Valaperde e do Oftalmologista, Francisco Andrade.

Evento: 11º Encontro da RecomeçAR/RJ

Data: 17 de abril

Horário: 9h00

Local: Av Mal Rondon, 381 – São Francisco Xavier

Mais informações:

recomecarrj@globo.com

Célia Silva – Presidente do RecomeçAR/RJ
(21) 99188-3513

Cátia Figueiredo – Vice Presidente do RecomeçAR/RJ
(21)99625-5469

Aprenda a usar as críticas a seu favor

Saiba como mudar a postura perante críticas e usá-las para crescimento pessoal

imagem_release_878985

Não importa o lugar que você trabalhe, sempre existirão pessoas prontas a criticá-lo e fazer julgamentos a seu respeito – desde críticas leves, rígidas, porque não gostaram do seu trabalho ou porque não gostam de você por algum motivo. De acordo com a gestora de carreiera, Madalena Feliciano, a chave do sucesso corporativo, é saber receber essas críticas. “Sejam de um superior ou de um colega, elas existirão – e o ideal é manter uma postura receptiva para lidar com essa situação da melhor forma possível”, aconselha.

A especialista, que é diretora da empresa Outliers Careers e do Instituto Profissional de Coaching, comenta que existem algumas atitudes que podem ser tomadas para que as críticas sejam aceitas e, ao mesmo tempo, não “machuquem” a pessoa que as recebeu.“A primeira coisa que eu digo é: não seja reativa. Não responda com argumentos defensivos ou ofensivos de imediato, sem refletir sobre o que foi lhe dito”, diz.

Segundo Madalena, refletir sobre alguns comentários a nosso respeito, por mais duros que sejam, ajuda a melhorar nossas relações interpessoais assim como o próprio autoconhecimento. “Além disso, manter a calma e ser tolerante nessas horas, demonstra controle e inteligência emocional, além de muito profissionalismo, que são sempre bem vistos pelos superiores”, argumenta a coach.

Caso surja a necessidade de responder às críticas, seja por que você achou injusta, ou porque até mesmo concorda, não faça isso sem antes pensar muito bem na resposta. “Seja sempre cordial e tenha argumentos coerentes, vale muito mais a pena do que responder de forma impulsiva. Pergunte como você pode fazer para mudar o quadro ou proponha você mesmo soluções. É sempre importante lembrar que aquela crítica foi feita por alguma razão e nesse caso, o profissional precisa manter a mente aberta”, aconselha a especialista.

Madalena diz que profissionais que não sabem lidar com críticas, precisam rever conceitos, pois ele não é perfeito e eventualmente irá errar. “Agir na defensiva quando recebe uma crítica, só a confirma. Críticas construtivas são uma ótima forma de crescimento pessoal e profissional, ainda que possam ser dolorosas no início. Agradeça a preocupação ou consideração da pessoa que lhe criticou, mostre que você se importa com o que foi dito”, comenta.

Também é muito importante não levar as críticas para o lado pessoal, entender de forma objetiva as mensagens – ou seja, o que deve ser feito para mudar, – não pedir opiniões se não estiver preparado para ouvir coisas que não deseja, e entenda que as críticas são sim muito importantes, mas que não podem lhe abalar. “As críticas já foram feitas, então, aproveite-se delas para melhorar seu desempenho profissional e também como pessoa”, conclui a coach.

Outliers Careers
Madalena Feliciano

Gestora de Carreira
(11) 2737-1724
madalena@outlierscareers.com.br
www.outlierscareers.com.br

Professor Aprígio Gonzaga 78, São Judas, São Paulo – SP.

Trindade do sucesso: Como encantar clientes

Conheça o melhor método para encantar e fidelizar o cliente desde o momento da abordagem até a finalização do atendimento

imagem_release_855810

Tendo em vista o atual cenário econômico brasileiro, arregaçar as mangas se faz mais que necessário. Com a concorrência de mercado cada vez mais competitiva é fundamental agir com criatividade e iniciativa para se destacar da concorrência e conquistar a fidelização de clientes, como explica o coach de atendimento e palestrante motivacional Max Pires.

Criador da consultoria Garçom Vendedor, Max que, inclusive, já foi vendedor e garçom, alerta para a importância do atendimento excelente para a fidelização do cliente. “O que os empresários precisam ter em mente é que o cliente é o verdadeiro dono do negócio e é ele quem deve ser agradado. É comprovado que a relação entre o cliente e um restaurante está diretamente relacionada ao fator emocional e à experiência vivida no estabelecimento e que 70% dos consumidores que não retornam responsabilizam o atendimento recebido. Esses dados demonstram claramente que de nada adianta investir fortunas em estrutura física e continuar pecando no atendimento”, afirma.

De acordo com o especialista, a verdadeira chave para a conquista e fidelização do cliente está na excelência com que os clientes são recebidos desde o momento da abordagem até seu fechamento e finalização. “Durante o treinamento, instruo sobre a Trindade do Sucesso, cujos passos são: chamar a atenção do consumidor, ganhar sua confiança, oferecendo o que ele realmente quer ou precisa e finalizar o atendimento de forma igualmente encantadora.

A abordagem é o momento decisivo para a conquista do cliente, pois são os primeiros 10 segundos que determinam se você perdeu ou ganhou o consumidor. O que muitos empresários ainda não entenderam é que a primeira coisa a ser vendida é, de fato, o profissional que atende, que de forma proativa, alegre e entusiasmada, deve chamar a atenção do cliente da melhor forma possível, demonstrando que está muito feliz em recebê-lo, como se fosse uma visita muito desejada”, afirma.

O passo seguinte é a boa sondagem, feita durante todo o atendimento e que é igualmente fundamental para o encantamento do cliente. “É muito importante que o atendente demonstre preocupação em oferecer ao consumidor aquilo que ele realmente quer ou precisa. O garçom deve chamar a atenção do cliente por uma atitude que chamamos de “Demonstração Disney”, apresentando as opções do cardápio com gentileza, felicidade e com evidente interesse e envolvimento, para que o consumidor sinta confiança de que suas necessidades e desejos estarão sendo prioridade e que não será enganado pelo atendente que deseja simplesmente “empurrar” a ele qualquer produto”, diz.

imagem_release_855814
Segundo o coach, o fechamento e finalização do atendimento é igualmente importante para encantar e fidelizar o cliente. “No meu treinamento ensinamos aos garçons a técnica A.A., que significa transformar o consumidor em um Amigo Apaixonado. A finalização é tão importante quanto os itens anteriores, porque é a última experiência no estabelecimento que fica registrada na mente do consumidor. O tratamento ao cliente deve ser feito de forma cortês e simpática, mesmo após o pagamento da conta. Além disso, é necessário que, ao se despedir, o garçom peça ao cliente para avaliar o atendimento, demonstrando interesse em saber se o mesmo foi realmente satisfeito. Esse feedback é o que chamamos de salário moral, que além de ser uma ótima forma de obter o retorno do serviço diretamente pela pessoa mais importante, é uma excelente estratégia para estimular o consumidor a pensar sobre a ótima experiência que teve”, conclui.

Serviço: Max Pires

Coach Encantador de Clientes https://www.facebook.com/max.pires.75?ref=ts&fref=ts

(21) 3181-0072. 99500-6789.  99615-6789
contato@maxpires.com.br e contato@garcomvendedor.com.br

http://www.maxpires.com.br e http://garcomvendedor.com.br

A forma como você pensa ou age tem origem 95% em seu inconsciente e apenas 5% no seu consciente

Especialista explica como a hipnose é um sistema de cura e sem dor para quase todos os problemas físicos ou psicológicos

imagem_release_866485.jpg

Quando falamos em hipnose, infelizmente é muito comum que se remeta à ideia de espetáculos e shows de exibicionismo, onde a dignidade muitas vezes passa longe. Muitas pessoas ainda desconhecem a verdadeira importância da hipnose no tratamento de questões psíquicas e emocionais do indivíduo.

A especialista em Hipnose Condicionativa, Leides Maria, explica que o objetivo dessa técnica é resolver as principais questões psíquicas do indivíduo de forma mais imediata e sem sofrimentos. “Trata-se de um uma técnica rápida e eficiente, capaz de solucionar os principais problemas psicológicos de uma pessoa, trabalhando suas emoções de forma mais tranquila e relaxante, sem precisar relembrar o sofrimento já vivido, porque isso serviria somente para aumentar e reviver o trauma, causando cada vez mais angústia ao paciente”, diz.

De acordo com a especialista, a hipnose pode ser indicada para praticamente todos os problemas oriundos de questões psicológicas e emocionais. “Essa técnica não apresenta contra indicação e pode ser utilizada para tratar dos mais diversos problemas. A hipnose é capaz de melhorar o autodesenvolvimento e o autoconhecimento do paciente, bem como tratar de problemas de vícios e compulsões. Além disso, a maior vantagem dessa técnica em relação aos tratamentos convencionais está na solução dos problemas. Enquanto outros métodos buscam a cura através de meios exteriores, a hipnose faz com que o próprio paciente encontre a solução em si mesmo, reconhecendo a origem do problema e podendo tratá-lo de forma bem mais eficiente”, explica.

Leides afirma ainda, que a hipnose é o método mais eficaz, visto que ela atinge o inconsciente do paciente de forma que nenhuma outra técnica é capaz. “O que poucas pessoas sabem é que de todas as nossas ações e pensamentos apenas 5% têm origem no nosso consciente, sendo 95% oriundos do inconsciente, lado que é o verdadeiro responsável pelos vícios, compulsões e outros problemas de origem psicológica e emocional. Esses 95% não apresentam a noção do que é positivo ou negativo, desejando apenas satisfazer sua compulsão ou vício. Por isso, as pessoas costumam ter recaídas, pois alguém que, por exemplo, deseja parar de fumar por conta própria, deseja apenas em seus 5% de consciência, enquanto seu vício tem origem, na verdade, nos seus 95% de inconsciência. É aí que entra a hipnose como o único método realmente eficaz para atingir o inconsciente do indivíduo de forma a influenciar e tratar seus problemas diretamente de sua origem”, alega.

Muitas pessoas acreditam que durante a hipnose ficarão muito expostas ou vulneráveis, mas a especialista explica que essa ideia está muito distante da realidade. “A hipnose trata em outras palavras, de um sono induzido, em que o indivíduo percebe tudo o que está acontecendo o tempo todo. Essa ideia de que a pessoa hipnotizada faz tudo o que o terapeuta manda é um grande mito. O paciente tem pleno controle de todas as suas ações e é ele quem verdadeiramente está no comando durante toda a hipnose”, diz.

A especialista alerta por fim, para a importância do acompanhamento de um profissional especializado para a eficácia da hipnose. “Esse é um tratamento simples, porém muito delicado que requer bastante cuidado. Há na mídia alguns relatos de pessoas que induzem a hipnose em si mesmas, por conta própria. Esse método, porém, não é recomendado, porque uma pessoa sozinha não consegue atingir plenamente os 95% de sua inconsciência e pode trabalhar de forma errada sua psique, causando a si mesmo sérios danos psicológicos”, conclui.

Serviço: Leides Maria

Hipnóloga Condicionativa

(41) 99605-9762 / 3235-5521

 www.leideshipnose.com.br

Porque algumas pessoas têm tudo o que querem e outras não?

Há quatro aspectos que precisamos controlar e um a ser superado para atingirmos total sucesso na vida

imagem_release_871534.jpg

Todos nós somos iguais neurofisiologicamente e podemos atingir os mesmos resultados, então, porque uns conseguem e outros não? Segundo a coach de inteligência emocional, Inessa Franco, a chave está em quatro coisas que você precisa aprender a superar:  “Essas pessoas que conseguem atingir o sucesso na área pessoal, profissional, emocional e em seus relacionamentos, agem de uma determinada forma. O que impede uma pessoa de conseguir, é o que ela acredita para ela e para a vida dela”, afirma a coach.

Inessa revela as situações que precisamos superar para atingir o sucesso pleno. Confira:

1. Frustração: “Quantas coisas você já quis e deram errado ou não funcionaram como você gostaria? E quanto tempo você fica remoendo isso? Você precisa aprender a superar rapidamente uma frustração, pois inevitavelmente você cometerá erros, pois nós não nascemos sabendo. Então, o tempo que você fica frustrado, é o mesmo em que você está deixando de seguir em frente, aprender, ganhar dinheiro, enfim, evoluir para chegar ao seu objetivo. Pense: daqui a 10 anos, o que essa frustração vai significar perante onde você quer chegar?”, questiona a coach.

2. Rejeição: “Quando você se permite sentir assim, fica parado no lugar e sua autoestima baixa. A única pessoa que precisa acreditar em você, é você mesmo. Aprenda a controlar a rejeição, acredite que vale a pena, que você vai conseguir. Entre tantos outros exemplos de superação e persistência, você sabia que Walt Disney foi demitido do seu trabalho em um jornal por falta de criatividade? Ele poderia ter acreditado nisso e desistido, mas fez diferente da maioria, destaca Inessa.

3. Pressão financeira: “Ela sempre irá existir. Se você tiver muito, será porque te pressionará em como você distribuir esse dinheiro, onde investir, o que vai fazer; se tiver pouco, como conseguir mais dinheiro e o que fazer. Ao invés de pirar, buscar formas criativas e saber como investir e multiplicar o seu dinheiro, é uma coisa que você precisa fazer. Aprender a lidar com a pressão financeira para que ela não domine você, é o caminho para o seu sucesso. Aprender o básico do planejamento financeiro é fundamental”, argumenta à especialista.

4. Inessa conclui, dizendo que o principal que precisamos aprender a superar também a nossa zona de conforto. “Como a natureza está em constante movimento, se você estagnar, você vai decair. Não importa o nível de sucesso que você tenha, seja qual for à área da sua vida, se você para de produzir e avançar, você não está só parado, você está caindo também. Pense fora da caixa, arrisque, faça algo que você jamais achou que faria! O importante é continuar em movimento, buscando sempre a superação.”, finaliza.

 

Inessa Franco além de coach de Inteligência Emocional e headtrainer, é autora do Treinamento Power Self, do E-book ‘Desperte Seu Poder’, do Programa em áudio ‘Direcione Seu Dia: 7 Etapas para um dia produtivo e feliz’ e do programa Master Self ON TOP – Coaching em Grupo Online, e co-autora do livro ‘O Segredo do Sucesso Pessoal’. Além disso, a profissional está presente nas mídias sociais com seu canal no Youtube e seu perfil nas redes sociais:

Serviço: Inessa Franco

Coach de Inteligência Emocional, Propósito de Vida e Resultado e Headtrainer

You tube:   https://www.youtube.com/inessafrancocoach

Facebook: https://www.facebook.com/inessafranco

Sites: www.inessafranco.com.br ; www.direcionesuavida.com

Telefone: (21) 2143-1218

Av. Presidente Wilson – Centro – Rio de Janeiro, RJ – Brasil.